Contribuições da pesquisa para o desenvolvimento profissional docente na perspectiva dos coordenadores dos cursos de licenciatura

Palavras-chave: Pesquisa, Desenvolvimento profissional docente, Docência universitária, Professores universitários, Coordenadores.

Resumo

As pesquisas sobre docência universitária ganham, significativamente, espaço no Brasil, tendo em vista que muitos bacharéis, de diversas profissões, são desafiados a assumirem a função de professor. Para tanto, o presente artigo investiga as contribuições da pesquisa para o desenvolvimento profissional docente na perspectiva dos coordenadores dos cursos de Licenciatura da UNESC. A metodologia adotada para este estudo foi de natureza aplicada, com uma abordagem qualitativa, utilizando-se como instrumento para a coleta de dados a entrevista realizada com os coordenadores dos cursos de Licenciatura da Universidade do Extremo Sul Catarinense - UNESC, de Criciúma/SC, nos cursos de Pedagogia, Letras, Matemática, Geografia e História.  A pesquisa bibliográfica e a análise dos dados permitiram afirmar que a pesquisa é uma especificidade da docência universitária que promove o seu desenvolvimento profissional, pois contribui para que o professor assuma uma postura mais investigativa a partir da produção de conhecimentos. Porém, ainda há professores que não pesquisam e não conseguem promover a articulação entre ensino e pesquisa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo Luiz de Bittencourt, Universidade do Extremo Sul Catarinense

Doutor em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Coordenador Adjunto no curso de Pedagogia e Assessor Técnico e Pedagógico da Pró-Reitoria Acadêmica da UNESC.

         
Renata Geremias da Silva, Universidade do Extremo Sul Catarinense

Graduada em Pedagogia pela Universidade do Extremo Sul Catarinense. Professora da Educação Infantil do Colégio São Bento.  Membro do Grupo de Pesquisa Políticas, Saberes e Práticas de Formação de Professores pela Universidade do Extremo Sul Catarinense.

     

Referências

BERBEL, Neusi Aparecida Navas. Pedagogia universitária: uma reflexão a respeito de alguns aspectos de sua constituição. In: EGGERT, Edla et al. (org.). Trajetórias e processos de ensinar e aprender: didática e formação de professores. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2008. p. 538-551.

BOLZAN, Doris Pires Vargas; ISAIA, Silvia Maria de Aguiar. Aprendizagem docente na educação superior: construções e tessituras da professoralidade. Educação, Porto Alegre, ano 29, n. 3, 489-501, set./dez. 2006. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/faced/article/viewFile/489/358. Acesso em: 11 mar. 2019.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. 35. ed. Brasília: Edições Câmara, 2012.

CERVO, Amado Luiz; BERVIAN, Pedro Alcino; SILVA, Roberto da. Metodologia científica. 6. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

CUNHA, Maria Isabel da. Indissociabilidade entre ensino e pesquisa: a qualidade da graduação em tempos de democratização. Perspectiva, Florianópolis, v. 29, n. 2, 443-462, jul./dez. 2011. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/perspectiva/article/viewFile/2175-795X.2011v29n2p443/22211. Acesso em: 19 nov. 2018.

CUNHA, Maria Isabel da. Formação docente e inovação: epistemologias e pedagogias em questão. In: EGGERT, Edla et al. (org.). Trajetórias e processos de ensinar e aprender: didática e formação de professores. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2008. p. 465-476.

ESTEBAN, Maria Teresa; ZACCUR, Edwiges. A pesquisa como eixo da formação docente. In: ESTEBAN, Maria Teresa; ZACCUR, Edwiges. Professora pesquisadora: uma práxis em construção. Rio de Janeiro: DP&A, 2002.

FRAGELLI, Carina Maria Bullio; CARRASCO, Ligia Bueno Zangali; Azevedo, Maria Antônia Ramos de. A formação do professor universitário: aspectos históricos e explorações futuras. In: SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO SUPERIOR, 2014, Sorocaba. Anais eletrônicos... Sorocaba, SP: Uniso, 2014. p. 1-11. Disponível em: https://uniso.br/publicacoes/anais_eletronicos/2014/1_es_formacao_de_professores/10.pdf. Acesso em: 20 nov. 2018.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002. Disponível em: https://professores.faccat.br/moodle/pluginfile.php/13410/mod_resource/content/1/como_elaborar_projeto_de_pesquisa_-_antonio_carlos_gil.pdf. Acesso em: 11 nov. 2018.

MARCELO, Carlos. Desenvolvimento Profissional Docente: Passado e futuro. Revista de Ciências da Educação, Lisboa, n. 8, p. 7-22, jan./abr. 2009. Disponível em: http://www.unitau.br/files/arquivos/category_1/MARCELO___

Desenvolvimento_Profissional_Docente_passado_e_futuro_1386180263.pdf. Acesso em: 18 nov. 2018.

MOURA, Tania Maria de Melo. Teias e fronteiras na formação de professores universitários: cruzamentos de trajetórias acadêmicas. Espaço do currículo, Paraíba, v. 8, n. 3, p. 335-344, set./dez. 2015. Disponível em: http://www.periodicos.ufpb.br/index.php/rec/article/viewFile/rec.2015.v8n3.335344/14758. Acesso em: 14 nov. 2018.

OLIVEIRA, Silvio Luiz de. Tratado de metodologia científica: projetos de pesquisas, TGI, TCC, monografias, dissertações e teses. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO - UFES. Grupos de Pesquisa – CNPq/UFES. 2013. Disponível em: http://www.prppg.ufes.br/grupos-de-pesquisa-cnpqufes. Acesso em: 19 mar. 2019.

SISTEMA INTEGRADO DE BIBLIOTECAS - UFES. Portal de Periódicos Capes. 2013. Disponível em: http://www.biblioteca.ufes.br/periodicos-da-capes . Acesso em: 26 mar. 2019.

VEIGA, Ilma Passos Alencastro. As contribuições da Metodologia do Ensino Superior para o desenvolvimento profissional de docentes universitários: questões epistêmicas. In: EGGERT, Edla et al. (org.). Trajetórias e processos de ensinar e aprender: didática e formação de professores. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2008. p. 206-217.

UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE - UNESC. Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI. 2012. Disponível em: http://www.unesc.net/portal/resources/files/124/PDI%20publicacao.pdf. Acesso em: 21 nov. 2018.

WAGNER, Flávia. Professor universitário: a construção da identidade profissional e as exigências da profissão. In: WIEBUSCH, Eloisa Maria; VITÓRIA, Maria Inês Côrte (org.). Estreantes no ofício de ensinar na educação superior. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2018. p. 193-215.

Publicado
2019-10-29
Como Citar
Bittencourt, R. L. de, & Silva, R. G. da. (2019). Contribuições da pesquisa para o desenvolvimento profissional docente na perspectiva dos coordenadores dos cursos de licenciatura. Revista Internacional De Educação Superior, 6, e020027. https://doi.org/10.20396/riesup.v6i0.8655287
Seção
Artigos