Os efeitos da idade e do sexo no nível de ansiedade de nadadores de águas abertas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/conex.v17i0.8655148

Palavras-chave:

Ansiedade, Natação, Psicologia do esporte, CSAI-2R

Resumo

Objetivo: O presente estudo teve como objetivo investigar a ansiedade pré-competitiva em nadadores de águas abertas e analisar se a idade e o sexo alteram os níveis de ansiedade pré-competitiva. Metodologia: Para isso, o estudo contou com a participação voluntária de 129 nadadores com idade entre 14 e 49 anos de idade, de ambos os sexos, todos participantes de competições de águas abertas. Os participantes responderam um questionário. O questionário adotado foi o CSAI-2R (Competitive State Anxiety Inventory – 2r, versão reduzida). Resultados e discussão: Os resultados demonstraram que a autoconfiança apresentou valores elevados para todos os grupos amostrais e que a idade e o sexo não são fatores determinantes para os resultados. Além disso, foi encontrada uma correlação forte entre a subescala somática e a cognitiva, corroborando a teoria Multidimensional da ansiedade, na qual diz que quando a autoconfiança apresenta escores elevados, a ansiedade é baixa. Conclusão: Diante disso, os resultados mostraram que independentemente da idade e do sexo, os nadadores de águas abertas apresentam valores elevados de autoconfiança, o que influencia os escores baixos de ansiedade cognitiva e somática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ivan Wallan Tertuliano, Centro Universitário Adventista de São Paulo

Pós-doutorado e Doutor pela Universidade Estadual Paulista. Docente no Departamento de Educação Física do Centro Universitário Adventista de São Paulo.

Fernanda Karen Buzeto, Centro Universitário Adventista de São Paulo

Graduanda em Educação Física pelo Departamento de Educação Física do Centro Universitário Adventista de São Paulo.

Vivian de Oliveira, Universidade Estadual Paulista

Docente no curso de Educação Física do Centro Universitário FIEO. Mestra em Desenvolvimento Humano e Tecnologias pelo Instituto de Biociências da Universidade Estadual Paulista.

Afonso Antonio Machado, Universidade Estadual Paulista

Pós-Doutor pela Faculdade de Lisboa e Universidade do Minho, Mestre e Doutor pela UNICAMP. Professor adjunto da Universidade Estadual Paulista.

José Maria Montiel, Universidade São Judas Tadeu

Pós-doutorado pela UNESP. Mestrado e Doutorado em Avaliação Psicológica pela Universidade São Francisco. Docente no Departamento de Psicologia da Universidade São Judas Tadeu. 

Referências

ARRUDA, Ademir F. S.; AOKI, Marcelo S.; PALUDO, Ana Carolina; MOREIRA, Alexandre. Salivary steroid response and competitive anxiety in elite basketball players: effect of opponent level. Physiology & behavior, Zurich, v. 177, n. 1, p. 291–296, 2017. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28527679.

BAUZÁ, Juan Pons; VILADRICH, Carme; RAMIS, Yan. Examining the big three of coping in adolescent athletes using network analysis as an alternative to factorial approach. Revista de Psicología del Deporte, Barcelona, v. 26, p. 68–74, 2017. Disponível em:

BAUZÁ, Joan Pons; VILADRICH, Carme; RAMIS, Yago; POLMAN, Remco. The mediating role of coping between competitive anxiety and sport commitment in adolescent athletes. The Spanish journal of psychology, Madrid, v. 21, p. E7, 2018. Disponível em: https://www.cambridge.org/core/journals/spanish-journal-of-psychology/article/mediating-role-of-coping-between-competitive-anxiety-and-sport-commitment-in-adolescent-athletes/C61A465EDD3829A524BD5D6B152C896D.

BANDURA, Albert. Self-efficacy: the exercise of control. New York: Freeman, 1997.

BARBACENA, Marcella Manfrin; GRISI, Roseni Nunes de Figueiredo. Nível de ansiedade pré-competitiva em atletas de natação. Conexões, Campinas, v. 6, n. 1, p. 31–39, 2008. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8637869.

BARRETO, Patrícia Marques. Perfil de estado de humor, ansiedade-traço e ansiedade-estado em jovens ginastas. 2017. 53 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem). Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Bauru, 2017.

BARTHOLOMEU, Daniel; MONTIEL, José Maria; MACHADO, Afonso Antonio. Avaliação da escala likert dos itens do CSAI-2 em atletas. Interação em Psicologia, Curitiba, v. 17, n. 1, p. 79–89, 2013. Disponível em: https://revistas.ufpr.br/psicologia/article/view/26775.

BERNARDT, Andréia Maria; SEHNEM, Scheila Beatriz. Ansiedade Pré-Competitiva e autoconfiança em modalidade de esporte coletivo. Pesquisa em Psicologia: anais eletrônicos, Joaçaba, p. 37–44, 2017.

BERTUOL, Lisandra; VALENTINI, Nadia Cristina. Ansiedade competitiva de adolescentes: gênero, maturação, nível de experiência e modalidades esportivas. Revista da Educação Física da UEM, Maringá, v. 17, n. 1, p. 65–74, 2006. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/258699661_Ansiedade_competitiva_de_adolescentes_Genero_maturacao_nivel_de_experiencia_e_modalidades_esportivas.

BIAGGIO, Angela M. B.; NATALÍCIO, Luiz; SPIELBERGER, Charles D. Desenvolvimento da forma experimental em português do Inventário de Ansiedade Traço-Estado (IDATE) de Spielberger. Arquivos Brasileiros de Psicologia Aplicada, Rio de Janeiro, v. 29, n. 3, p. 31–44, 1977. Disponível em: http://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/abpa/article/view/17827.

BOAS, Marcelo Silva Villas; COELHO, Ricardo Weigert; VIEIRA, Lenamar Fiorese; FONSECA, Paulo Henrique Santos; KUCZYNSKI, Kátia Maria; BOAS, Angeli Graças B. Villas. Análise do nível de ansiedade de jovens atletas da modalidade de futsal. Conexões, Campinas, v. 10, n. 3, p. 77–86, 2012. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8637648.

BORREGO, Carla Chicau; CID, Luis; SILVA, Carlos. Relationship between group cohesion and anxiety in soccer. Journal of Human Kinetics, Mikolowska, v. 34, n. 1, p. 119–127, 2012. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3590828/.

CARRON, Albert V.; COLMAN, Michelle M.; WHEELER, Jennifer; STEVENS, Diane. Cohesion and performance in sport: a meta analysis. Journal of Sport and Exercise Psychology, Bath, v. 24, n. 2, p. 168–188, 2002. Disponível em: https://journals.humankinetics.com/view/journals/jsep/24/2/article-p168.xml.

COELHO, Eduarda Maria; VASCONCELOS-RAPOSO, José; MAHL, Alvaro Cielo. Confirmatory factorial analysis of the Brazilian version of the Competitive State Anxiety Inventory-2 (CSAI-2). The Spanish journal of psychology, Madrid, v. 13, n. 1, p. 453–60, 2010. Disponível em: https://www.cambridge.org/core/journals/spanish-journal-of-psychology/article/confirmatory-factorial-analysis-of-the-brazilian-version-of-the-competitive-state-anxiety-inventory2-csai2/36B7AC85174867BA5FFE0EBA484D31F9. Acesso em: 12 set. 2017.

COWDEN, Richard G.; FULLER, Dana K.; ANSHEL, Mark H. Psychological predictors of mental toughness in elite tennis: an exploratory study in learned resourcefulness and competitive trait anxiety. Perceptual and Motor Skills, Norfolk, v. 119, n. 3, p. 661–678, 2014. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25387038. Acesso em: 12 set. 2017.

COX, Richard H.; MARTENS, Matthew P.; RUSSELL, William D. Measuring anxiety in athletics: the revised competitive state anxiety inventory–2. Journal of Sport and Exercise Psychology, Bath, v. 25, n. 4, p. 519–533, 2003. Disponível em: https://journals.humankinetics.com/view/journals/jsep/25/4/article-p519.xml. Acesso em: 12 set. 2017.

ENGLERT, Chris; BERTRAMS, Alex. Anxiety, ego depletion, and sports performance. Journal of Sport & Exercise Psychology, Bath, v. 34, n. 5, p. 580–99, 2012. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23027229. Acesso em: 12 set. 2017.

FERNANDES, M. G.; NUNES, S. A. N.; VASCONCELOS-RAPOSO, J.; FERNANDES, H. M. Factors influencing competitive anxiety in Brazilian athletes. Brazilian Journal of Kinanthropometry and Human Performance, Florianópolis, v. 15, n. 6, p. 705–715, 2013a. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/1980-0037.2013v15n6p705. Acesso em: 12 set. 2017.

FERNANDES, Marcos Gimenes; NUNES, Sandra Adriana Neves; VASCONCELOS-RAPOSO, José; FERNANDES, Helder Miguel. Efeitos da experiência nas dimensões de intensidade, direção e frequência da ansiedade e autoconfiança competitiva: um estudo em atletas de desportos individuais e coletivos. Motricidade, Ribeira de Pena, v. 10, n. 2, p. 81–89, 2014. Disponível em: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1646-107X2014000200009. Acesso em: 12 set. 2017.

FERNANDES, Marcos Gimenes; NUNES, Sandra Adriana; RAPOSO, José; FERNANDES, Helder Miguel; BRUSTAD, Robert. The CSAI-2: an examination of the instrument’s factorial validity and reliability of the intensity, direction and frequency dimensions with brazilian athletes. Journal of Applied Sport Psychology, London, v. 25, n. 4, p. 377–391, 2013b. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/10413200.2012.744780. Acesso em: 12 set. 2017.

FERNANDES, Marcos Gimenes; VASCONCELOS-RAPOSO, José; FERNANDES, Helder Miguel. Propriedades psicométricas do CSAI-2 em atletas brasileiros. Psicologia: Reflexão e Crítica, Porto Alegre, v. 25, n. 4, p. 679–687, 2012a. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722012000400007. Acesso em: 12 set. 2017.

FERNANDES, Marcos Gimenes; VASCONCELOS-RAPOSO, José; FERNANDES, Helder Miguel. Relação entre orientações motivacionais, ansiedade e autoconfiança, e bem-estar subjetivo em atletas brasileiros. Motricidade, Ribeira de Pena, v. 8, n. 3, p. 4–18, 2012b. Disponível em: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1646-107X2012000300002&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 12 set. 2017.

FIELD, Andy. Descobrindo a estatística usando o SPSS. São Paulo: Bookman, 2009.

FORTES, Leonardo S.; COSTA, Bruna D. V. da; PAES, Pedro P.; NASCIMENTO JÚNIOR, José Roberto A. do; FIORESE, Lenamar; FERREIRA, Maria E. C. Influence of competitive-anxiety on heart rate variability in swimmers. Journal of Sports Science & Medicine, Bursa Turkey, v. 16, n. 4, p. 498–504, 2017. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5721179/. Acesso em: 12 set. 2017.

GLEITMAN, Henry; REISBERG, Daniel; GROSS, James. Psicologia. 7. ed. Porto Alegre: ArtMed, 2009.

GREEN, Samuel B.; SALKIND, Neil J.; AKEY, Theresa M. Using SPSS for windows: analyzing and understanding data. 2. ed. New Jersey: Prentice Hall, 2000.

HAGAN JR., John E.; POLLMANN, Dietmar; SCHACK, Thomas. Interaction between gender and skill on competitive state anxiety using the time-to-event paradigm: what roles do intensity, direction, and frequency dimensions play? Frontiers in Psychology, Lausanne, v. 8, n. 692, p. 1–13, 2017. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5430064/. Acesso em: 12 set. 2017.

HOPKINS, Will G. A scale of magnitudes for effect statistics. 2002. Disponível em: http://www.sportsci.org/resource/stats/index.html. Acesso em: 12 set. 2017.

JONES, Graham. More than just a game: research developments and issues in competitive anxiety in sport. British Journal of Psychology, [s.1.], v. 86, n. 4, p. 449–478, 1995. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/8542197. Acesso em: 12 set. 2017.

JONES, Graham; SWAIN, Austin. Intensity and direction dimensions of competitive state anxiety and relationships with competitiveness. Perceptual and motor skills, Norfolk, v. 74, p. 467–472, 1992. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/1594407. Acesso em: 12 set. 2017.

JONES, Graham; SWAIN, Austin. Predispositions to experience debilitative and facilitative anxiety in elite and non-elite performers. The Sport Psychologist, Cardiff, v. 9, n. 2, p. 201–211, 1995. Disponível em: https://journals.humankinetics.com/view/journals/tsp/9/2/article-p201.xml. Acesso em: 12 set. 2017.

KEISHA, Bita Mehdipoor; YUSOF, Sarina M. D.; JOURKESH, M. The relationship between pre-competition state anxiety components and mood state sub-scales socres and the result of among college athletes through temporal patterning. International Journal of Sports Sciences, New Yor, v. 5, n. 1, p. 8–15, 2015. Disponível em: http://article.sapub.org/10.5923.j.sports.20150501.02.html. Acesso em: 12 set. 2017.

KLINE, Rex B. Promise and pitfalls of structural equiation modeling in gift research. In: THOMPSON, Bruce; SUBOTNIK, Rena F. (Eds.). Methodologies for conducting research on giftedness. Washington: American Psychological Association, 2010. p. 147–169.

LUNDQVIST, Carolina; KENTTÄ, Goran; RAGLIN, John S. Directional anxiety responses in elite and sub-elite young athletes: intensity of anxiety symptoms matters. Scandinavian journal of medicine & science in sports, [s.1.], v. 21, n. 6, p. 853–862, 2011. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22126716. Acesso em: 12 set. 2017.

MARTENS, Rainer; VEALEY, Robin S.; BURTON, Damon. Competitive anxiety in sports. Champaign: Human Kinetics, 1990.

MILAVIĆ, Boris; JURKO, Damir; GRGANTOV, Zoran. Relations of competitive state anxiety and efficacy of young volleyball players. Collegium antropologicum, Zagreb, v. 37, n. 2, p. 83–92, 2013. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23914493. Acesso em: 12 set. 2017.

MODROÑO, Cristián; GUILLÉN, Félix. Anxiety characteristics of competitive windsurfers: relationships with age, gender, and performance outcomes. Journal of Sport Behavior, Mobile, v. 34, n. 3, p. 281–294, 2011. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/224863630_Anxiety_Characteristics_of_Competitive_Windsurfers_Age_Gender_Performance_Outcome. Acesso em: 12 set. 2017.

MOLINA, José; SANDÍN, Bonifácio; CHOROT, Paloma. Sensibilidad a la ansiedad y presión psicológica: efectos sobre el rendimiento deportivo en adolescentes. Cuadernos de Psicología del deporte, Murcia, v. 14, n. 1, p. 45–54, 2014. Disponível em: http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1578-84232014000100006. Acesso em: 12 set. 2017.

NASCIMENTO JUNIOR, José Roberto Andrade do; BALBIM, Guilherme Moraes; VISSOCI, João Ricardo Nickening; MOREIRA, Caio Rosas; PASSOS, Patrícia Carolina Borsato; VIEIRA, Lenamar Fiorese. Análise das relações entre ansiedade estado e coesão de atletas de handebol. Revista Psicologia: Teoria e Prática, São Paulo, v. 18, n. 2, p. 89–102, 2016. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1516-36872016000200007&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 12 set. 2017.

NOGUEIRA, Francine Caetano Andrade. Crença de auto eficácia e ansiedade em atletas de Voleibol. 2016. 115 f. Tese (doutorado em Psicologia) - Instituto de Ciências Humanas, Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2016.

NOGUEIRA, Francine Caetano Andrade; BARA FILHO, Maurício Gattas; LOURENÇO, Lelio Moura. Ansiedade competitiva e atletas de rendimento: uma revisão sistemática. In: (E. L. Ferreira, F. I. Takakura, Eds.) II CONGRESSO INTERNACIONAL DA ASSOCIAÇÃO LATINO-AMERICANA DE CIÊNCIAS DO ESPORTE 2015, Juiz de Fora. Anais... Juiz de Fora: NGIME/UFJF, 2015. p.113-117.

OZAKI, Tamires Ramos Barca; ARANTES, João Pedro. Ansiedade pré-competitiva em nadadores de águas abertas. In: XV CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES 2012, Mogi das Cruzes. Anais... Mogi das Cruzes: Universidade de Mogi das Cruzes, 2012. p.1-4.

PAES, Mayara Juliana; MACHADO, Thais do Amaral; BERBETZ, Sabrina Rebecca; STEFANELLO, Joice Mara Facco. Frequência, intensidade e direção da ansiedade e sua relação com a coesão grupal em uma equipe de voleibol infanto-juvenil masculina. Revista Brasileira de Psicologia do Esporte, São Paulo, v. 6, n. 3, p. 46–56, 2016. Disponível em: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBPE/article/view/7276. Acesso em: 12 set. 2017.

PALUDO, Ana Carolina; NUNES, Sandra Adriana Neves; SIMÕES, Antônio Carlos; FERNANDES, Marcos Gimenes. Relação entre ansiedade competitiva, autoconfiança e desempenho esportivo: uma revisão ampla da literatura. Psicologia Argumento, Curitiba, v. 34, n. 85, p. 156–169, 2016. Disponível em: https://periodicos.pucpr.br/index.php/psicologiaargumento/article/view/23315. Acesso em: 12 set. 2017.

SAMULSKI, Dietmar Martin. Psicologia do esporte: conceitos e novas perspectivas. Barueri: Manole, 2009.

SEELEY, G.; STOREY, J.; WAGNER, D.; WALKER, C.; WATTS, K. Anxiety levels and gender differences in social volleyball players before and during competition in an Australian setting. SportPsyc Unpublished, Sydney, v. 1, p. 1–5, 2000.

SONOO, Christi Noriko; GOMES, Anderson Luiz; DAMASCENO, Mara Laiz; SILVA, Schelyne Ribas da; LIMANA, Mirieli Denardi. Ansiedade e desempenho: um estudo com uma equipe infantil de voleibol feminino. Motriz, Rio Claro, v. 16, n. 3, p. 629–637, 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1980-65742010000300010&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 12 set. 2017.

SOUZA, Mário Alberto Pereira; TEIXEIRA, Robson Bonoto; LOBATO, Paulo Lanes. Manifestação da ansiedade pré-competitiva em nadadores amadores. Revista da Educação Física da UEM, Maringá, v. 23, n. 2, p. 195–203, 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-30832012000200004. Acesso em: 12 set. 2017.

SWAIN, Austin; JONES, Graham. Intensity and frequency dimensions of competitive state anxiety. Journal of Sport Sciences, London, v. 11, p. 533–542, 1993. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/8114179. Acesso em: 12 set. 2017.

TEIXEIRA, Karen Cristine. Construção e busca de evidências de validade de precisão de uma medida de ansiedade para atletas. 2016. 139 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2016.

THOMAS, Owen; PICKNELL, Gareth; HANTON, Sheldon. Recall agreement between actual and retrospective reports of competitive anxiety: a comparison of intensity and frequency dimensions. Journal of Sports Sciences, London, v. 29, n. 5, p. 495–508, 2011. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/02640414.2010.541479. Acesso em: 12 set. 2017.

TSOPANI, Despoina; DALLAS, George; SKORDILIS, Emmanouil K. Competitive state anxiety and performance in young female rhythmic gymnasts. Perceptual and motor skills, Norfolk, v. 112, n. 2, p. 549–560, 2011. Disponível em: https://journals.sagepub.com/doi/abs/10.2466/05.09.20.PMS.112.2.549-560. Acesso em: 12 set. 2017.

VIEIRA, Lenamar Fiores; TEIXEIRA, Cesar Luis; VIEIRA, José Luis Lopes; OLIVEIRA FILHO, Albertino. Autoeficácia e nível de ansiedade em atletas jovens do atletismo paranaense. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano, Florianópolis, v. 13, n. 3, p. 183–188, 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1980-00372011000300004. Acesso em: 12 set. 2017.

WEINBERG, Robert S.; GOULD, Daniel. Fundamentos da psicologia do esporte e do exercício. 6. ed. Porto Alegre: ArtMed, 2017.

Downloads

Publicado

2019-10-19

Como Citar

TERTULIANO, I. W.; BUZETO, F. K.; OLIVEIRA, V. de; MACHADO, A. A.; MONTIEL, J. M. Os efeitos da idade e do sexo no nível de ansiedade de nadadores de águas abertas. Conexões, Campinas, SP, v. 17, p. e019021, 2019. DOI: 10.20396/conex.v17i0.8655148. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8655148. Acesso em: 17 out. 2021.

Edição

Seção

Artigo Original

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)