Banner Portal
A lógica interna das lutas corporais e suas implicações no processo de ensino-aprendizagem nas aulas de Educação Física escolar
PDF

Palavras-chave

Lutas
Praxiologia motriz
Ensino-aprendizagem
Educação física
Conteúdo escolar

Como Citar

SCHMIDT, Vagner Augusto de Oliveira; OLIVEIRA, Raquel Valente de. A lógica interna das lutas corporais e suas implicações no processo de ensino-aprendizagem nas aulas de Educação Física escolar. Conexões, Campinas, SP, v. 18, p. e020030, 2020. DOI: 10.20396/conex.v18i0.8658463. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8658463. Acesso em: 12 abr. 2024.

Resumo

Introdução: Vista somente como um meio de proteção e autodefesa, as lutas passaram a integrar diferentes materiais pedagógicos referentes à Educação Física, tornando-se um dos conteúdos dessa disciplina escolar. Entretanto, seu processo de ensino-aprendizagem ainda é negligenciado. Objetivo: Nessa perspectiva, a presente pesquisa tem como objetivo compreender a lógica interna das Lutas Corporais a partir do Sistema de Classificação CAI e da distância de guarda, apontando suas implicações no processo de ensino-aprendizagem dessas modalidades esportivas. Metodologia: Para isso, foi realizada uma pesquisa bibliográfica, com o intuito de apresentar novas possibilidades que orientem o processo de ensino-aprendizagem das Lutas Corporais, a partir dos conceitos e proposições da Praxiologia Motriz. Resultados: De acordo com o Sistema de Classificação CAI constatou-se que as Lutas Corporais são práticas sociomotrizes de oposição, realizadas em meio físico padrão. Já em relação à distância de guarda, tais modalidades podem ser classificadas como distância quase nula, distância reduzida, distância média e grande distância. Considerações Finais: Por meio da compreensão da lógica interna e da distância de guarda dessas modalidades, o professor poderá orientar e organizar sua prática pedagógica nas aulas de Educação Física.

https://doi.org/10.20396/conex.v18i0.8658463
PDF

Referências

AMADOR RAMÍREZ, Fernando. Estudio praxiológico de los desportes de lucha. Análisis de la acción de brega en la lucha canaria. 1994. 838 f. Tese (Doutorado em Educação Física) - Universidad de Las Palmas de Gran Canaria, Las Palmas, 1994.

AVELAR, Bruno; FIGUEIREDO, Abel. La iniciación a los deportes de combate: interpretación de la estrutura del fenómeno lúdico luctatório. Revistas de Artes Marciais Asiáticas, León, v. 4, n. 3, p. 44-57, 2009.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Versão final. Brasília: MEC, 2018. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/. Acesso em: 18 jul. 2019.

ESPARTERO, Julián. Aproximación histórico-conceptual a los deportes de lucha. In: VILLAMÓN, Miguel. (Org.). Introducción al Judo. Barcelona: Editorial hispano Europea S.A., 1999. p. 23- 54.

FRANCHINI, Emerson; DEL VECCHIO, Fabrício Boscolo. (Orgs.). Ensino de Lutas: reflexões e propostas de programas. São Paulo: Scortecci, 2012.

GIL, Antonio Carlo. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

LAGARDERA, Francisco; LAVEGA, Pere. Introducción a la Praxiología Motriz. Barcelona: Paidotribo, 2003.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONi, Marina de Andrade. Fundamentos de metodologia científica. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2003.

PARLEBAS, Pierre. Elementos de sociologia del deporte. Málaga: Unisporte, 1988.

PARLEBAS, Pierre. Elementos de sociologia del deporte. Málaga: Unisporte, 2003.

PARLEBAS, Pierre. Juegos, Deporte Y Sociedad: Léxico de Praxiología Motriz. Barcelona: Paidotribo, 2001.

PARLEBAS, Pierre. Perspectivas para una Educación Física moderna. Málaga: Unisporte, 1987.

PUCINELI, Fabio Augusto. Sobre luta, arte marcial e esporte de combate: diálogos. 2004. 50 f. Monografia (Licenciatura em Educação Física) - Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2004.

RIBAS, João Francisco Magno. (Org.). Praxiologia Motriz e Voleibol: elementos para o trabalho pedagógico. Ijuí: Unijuí, 2014.

RIBAS, João Francisco Magno. Praxiologia Motriz: construção de um novo olhar dos jogos e esportes na escola. Motriz, Rio Claro, v. 11, n. 2, p. 113-120, mai./ago. 2005.

RODRIGUES, Leonel António Ferreira Braz. Praxiologia Motora e efeitos educativos. Lecturas: Educación Física y Deportes, Buenos Aires, v. 10, n. 79, p. 1-1, 2004.

RUFINO, Luiz Gustavo Bonatto. Lutas. In: GONZÁLEZ, Fernando; DARIDO, Suraya; OLIVEIRA, Amauri. (Orgs.). Lutas, capoeiras e práticas corporais de aventura. Maringá: Eduem, 2014. p. 31-67.

RUFINO, Luiz Gustavo Bonatto; DARIDO, Suraya Cristina. O ensino das lutas na escola: possibilidades para a Educação Física. Porto Alegre: Penso, 2015.

SALVADOR, Angelo Domingos. Métodos e técnicas de pesquisa bibliográfica. Porto Alegre: Sulina, 1986.

O periódico Conexões: Educação Física, Esporte e Saúde utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.