Inteligência, corpo e educação física no pensamento educacional de John Dewey

Autores

  • Mariclaudia Aparecida Abreu Unicentro
  • Carlos Herold Junior Unicentro

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v9i33.8639552

Palavras-chave:

Educação Física. John Dewey. Pensamento Pedagógico. Dualismo corpo-mente

Resumo

O objetivo deste trabalho é analisar o pensamento educacional de John Dewey, verificandonele a importância do corpo e da educação física. Para isso, dividimos o texto em trêsmomentos: no primeiro, apresentamos algumas características filosóficas do pragmatismoe levantamos posicionamentos que avaliam a herança de Dewey. No segundo, ocupamonoscom a categoria de experiência em Dewey. Por fim, verificamos de que forma asconsiderações pedagógicas do filósofo americano abordam o corpo e sua educação. Comoconclusão, observamos que o pensamento deweyano problematiza dicotomias sobre asrelações entre mente e corpo levantadas na modernidade. Com isso, defendemos aimportância de uma maior atenção a esse pensamento para se considerar os dilemas queocupam educadores em geral e professores de educação física, particularmente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariclaudia Aparecida Abreu, Unicentro

Graduada Filosofia e acadêmica de Pedagogia na Unicentro, Guarapuava. Professora de filosofia no Estado do Paraná.

Carlos Herold Junior, Unicentro

Professor Adjunto do Departamento de Pedagogia da Unicentro, Guarapuava-PR.

Referências

BAKER, G.; MORRIS, K. J. Descartes ́Dualism. London and New York: Routledge, 2002.

BERMOND, M. T.; FERREIRA NETO, A. Um olhar sobre as propostas dos militares para a educação física escolar na revista de educação física (1932-1957). PROTEORIA, disponível em http://www.proteoria.org/textos/2005_cemef_magda.pdf Acesso em 10/10/2008.

CAMBI, F. História da pedagogia. São Paulo: Editora da Unesp, 1999.

CUNHA, M. V.; SACRAMENTO, L. F. Os gregos nas estratégias argumentativas de Jonh Dewey. Revista Brasileira de Educação.v. 12, n. 35, maio/agosto. 2007.

DANTAS JUNIOR, H. S. A pedagogia experimental e a educação física: aproximações às formulações de John Dewey. 2005 Disponível em http://hpopnet.sites.uol.com.br/dewey.pdf Acesso em10/10/2008

DESCARTES, R. Discurso do método; Regras para direção do espírito. São Paulo: Editora Martins Claret, 2002.

DESCARTES, R. Descartes.São Paulo: Editora Nova Cultural, 1999.

DEWEY J. A escola e a sociedade e a criança e o currículo. Trad. Paulo Faria, Maria João Alvarez e Isabel Sá. Lisboa: Relógio D’ água Editores, 2002.

DEWEY J. Experiência e educação. Trad. Anísio Teixeira. 3 ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1979.

DEWEY J. Experiência e natureza, lógica: a teoria da investigação; A arte como experiência; Vida e educação; Teoria da vida moral. trad; Murilo Otávio Rodrigues Paes Leme, Anísio S. Teixeira, Leônidas Gontijo de carvalho. São Paulo: abril Cultural, 1980.

DEWEY J. Vida e Educação. Trad. Anísio S. Teixeira. 6. ed. São Paulo: Melhoramentos,1954.

DEWEY J. Experience and nature. New York: Dover, s.d.

DEWEY J. Democracia e educação. Trad. Godofredo Rangel e Anísio Teixeira. 3 ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1959.

DEWEY, J. Reconstrução em filosofia. 2. ed. Tradução António Pinto de Carvalho. Nacional: São Paulo: 1959b.

GHIRALDELLI JR, P. Filosofia da educação. São Paulo: Editora Ática, 2006.

JAMES, W. Pragmatismo e outros textos. Trad. Jorge C. da Silva; Pablo R. Mariconda. São Paulo: Abril Cultural, 1979.

HEROLD JR, C. A educação física na história do pensamento educacional: apontamentos. Guarapuava/Curitiba: Edunicentro e Fundação Araucácia, 2008.

HEROLD JR, C. Corpo, pensamento educacional e práxis: a "teoria" e a "prática" da educação física nos albores da modernidade. Acta Scientiarum. Human and Social Sciences, Maringá, v. 26, n. 2, p. 221-230, 2004.

LEONEL, Z. Contribuição á história à escola pública: elementos para a crítica da teoria liberal da educação. Campinas, Universidade Estadual de Campinas, 1994. (Tese de Doutorado).

OZMON. H. A.; SAMUEL, C. Fundamentos Filosóficos da educação. 6°ed. Trad. Ronaldo Cataldo Costa. Porto Alegre: Artemed, 2004.

RORTY, R. Consequências do pragmatismo. Lisboa: Instituto Piaget, 1982.

RUGIU, A. A nostalgia do mestre artesão. Campinas-SP: Autores Associados, 1998.

SCHIMITZ, E. F. O pragmatismo de Dewey na Educação: esboço de uma filosofia da educação. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 1980.

SOUZA, L. C. Ideologia pós-moderna e a produção do conhecimento em educação física. In: XV Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e II Congresso Internacional de Ciências do Esporte, 2007, Recife-Brasil. Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte, 2007.Disponível em http://www.cbce.org.br/cd/resumos/126.pdf Acesso em 10/10/2008

WOOLFSON, C. The labour theory of culture: a re-examination of Engels’s theory of human origins. London, Boston and Henley: Routledge and Kegan Paul, 1982.

Downloads

Como Citar

ABREU, M. A.; HEROLD JUNIOR, C. Inteligência, corpo e educação física no pensamento educacional de John Dewey. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 9, n. 33, p. 23–41, 2012. DOI: 10.20396/rho.v9i33.8639552. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8639552. Acesso em: 26 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>