A escola normal e a formação da elite intelectual da cidade de São Carlos (1911 – 1930)

Autores

  • Belissa do Pinho Jambersi Universidade Estadual Paulista
  • Alessandra Arce Universidade Federal de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v9i33.8639558

Palavras-chave:

Escola Normal. República Velha. Álvaro Guião. São Carlos. Formação de Professores

Resumo

Este artigo objetiva apresentar o papel social que a Escola Dr. Álvaro Guião teve naeducação da sociedade São-Carlense em seus primeiros tempos, e vice e versa. Para tantosubdividimos este trabalho em duas partes: inicialmente, apresentamos a história doMunicípio de São – Carlos, procurando dissertar sobre a importância da elite cafeeira parao progresso são-carlense. No segundo momento abordar-se-á a contextualização históricada Primeira República, no que se refere à expansão da Instrução Pública. Em seguidaprocurar-se-á relacionar como que este movimento histórico geral acompanhou o aspectoda Instrução Pública no Município, enfatizando a importância cultural da Antiga EscolaNormal de São Carlos, para o desenvolvimento artístico e intelectual da cidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Belissa do Pinho Jambersi, Universidade Estadual Paulista

Mestranda do Programa de Pós Graduação em Educação Escolar da UNESP campus de Araraquara.

Alessandra Arce, Universidade Federal de São Carlos

Professora do Departamento de Educação da Universidade Federal de São Carlos. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisa “História, Educação e Trabalho” filiado ao grupo de pesquisa História, Sociedade e Educação no Brasil- HISTEBR- nacional.

Referências

Almanach Álbum de São Carlos 1916 – 1917, São Carlos, Tipografia Artística.

Almanach Álbum São Carlos na esteira do tempo 1884 – 1934. Organizador: Ary Pinto das Neves. (1957) Edição Comemorativa dos 150 anos da cidade de São Carlos.

Almanach Anuário de São Carlos -1905

Almanach Anuário São Carlos -1915. Organizador Sebastião Camargo. São Carlos, TYP, Joaquim Augusto.

Almanach Anuário São Carlos -1928. Organizador José Ferraz de Camargo, São Carlos.

BUFFA, E. (2007) – Os Estudos sobre Instituições Escolares: organização do espaço e propostas pedagógicas.- in SAVIANI, D; LOMBARDI J. C. & SANDANO, W. (org.) (2007) – Instituições Escolares no Brasil: conceito e reconstrução histórica – Campinas: Editora Autores Associados: HISTEDBR – páginas 151-164.

LE GOFF, J. (1994) – História do Cotidiano – in ARIÈS, P.; DUBY, G. & LE GOFF, J. (1994) – História e Nova História – Lisboa: Editorial Torema.

NAGLE, J (1974) – Educação e Sociedade na Primeira República – São Paulo, EPU; Rio de Janeiro, Fundação Nacional de Material Escolar.

NORONHA, O. M. (2007) – Historiografia das Instituições Escolares: Contribuição ao debate metodológico.- in SAVIANI, D; LOMBARDI J. C. & SANDANO, W. (org.) (2007) – Instituições Escolares no Brasil: conceito e reconstrução histórica – Campinas: Editora Autores Associados: HISTEDBR – páginas 165-176.

NOSELLA, P. & BUFFA, E (2002) - Schola Mater. A antiga Escola Normal de São Carlos, 1911 – 1933 – primeira reimpressão. São Carlos, EDUFSCar/FAPESP.

REIS FILHO, C dos (1995) – A educação e a ilusão liberal – São Paulo, Cortez/ Autores Associados.

SAVIANI, D (2007) – História das idéias pedagógicas no Brasil – São Paulo, Autores Associados.

SILVA, E. C. da (2007) – O Professor Ideal em Excelsior! (1911-1916): A Revista da Escola Normal de São Carlos. – São Carlos: Rima.

SOUZA, R. F. de (1998) – Templos de Civilização: a implantação da escola primária graduada no Estado de São Paulo (1890 – 1910) – São Paulo: Fundação Editora da Unesp.

TRUZZI, Oswaldo. (2000) – Café e Indústria: São Carlos: 1850 – 1950 – São Carlos: EdUFSCar.

VAINFAS, R. (2002) – Micro-História: Os Protagonistas anônimos da História - Rio de Janeiro: Campus.

Downloads

Como Citar

JAMBERSI, B. do P.; ARCE, A. A escola normal e a formação da elite intelectual da cidade de São Carlos (1911 – 1930). Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 9, n. 33, p. 122–141, 2012. DOI: 10.20396/rho.v9i33.8639558. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8639558. Acesso em: 2 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos