Método intuitivo e trabalho docente: incursões na revista “A Escola” (1906-1910)

  • Claudia Maria Petchak Zanlorenzi UNICENTRO/UEPG
  • Maria Isabel Moura Nascimento UEPG
Palavras-chave: Imprensa. Revista A Escola. Método intuitivo. Trabalho docente

Resumo

Os estudos da História da Educação registram o papel estratégico desempenhado pela educação na formação do homem novo no início do século XX, de acordo com os ideais republicanos. A imprensa e a educação foram importantes instrumentos de divulgação desses ideais. O presente artigo tem por objetivo apresentar incursões realizadas na revista “A Escola”, uma Revista do Grêmio dos Professores Públicos do Estado do Paraná, 1906-  1910, em relação ao método intuitivo e o trabalho docente no Paraná, com o intuito de discutir como a revista foi utilizada de forma preponderante para a disseminação dos ideais vigentes. Primeiramente, apresentamos brevemente as ideias que permeavam a sociedade republicana, e na sequência as reflexões realizadas nesse periódico educacional paranaense.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Claudia Maria Petchak Zanlorenzi, UNICENTRO/UEPG

Professora colaboradora do Departamento de Pedagogia UNICENTRO- Campus Irati. Mestre em História da Educação, doutoranda em História da Educação (UEPG), membro do grupo de Pesquisa HISTEDBR – Campos Gerais.

Maria Isabel Moura Nascimento, UEPG

Professora da Universidade Estadual de Ponta Grossa-PR – UEPG, Coordenadora do Grupo de pesquisa História e Sociedade nos Campos Gerais-PR (HISTEDBR -UEPG)

Referências

A ESCOLA: Revista do Grêmio dos Professores Públicos do Estado, 1906-1910. Acervo Biblioteca Pública do Paraná: divisão estadual.

CAMBI, F. História da Pedagogia. São Paulo: Editora UNESP, 1999.

CURY., C. R.J. Educação e contradição. São Paulo: Cortez/ Autores Associados, 1989.

LOMBARDI, J.C. Educação e ensino em Marx e Engels. Germinal: Marxismo e Educação em debate.v.2, no 2, 2010.

MARX, Karl & ENGELS, Friedrich. A ideologia alemã I. Lisboa: Editora Presença, 1979.

NAGLE, J. Educação e Sociedade na Primeira República. São Paulo: EPU/MEC;Edusp, 1974.

NASCIMENTO, M. I. M. A Primeira Escola de Professores dos Campos Gerais-PR. Ponta Grossa: Editora UEPG, 2008.

NORONHA, O. M. Educação e trabalho no contexto histórico da formação da Primeira República no Brasil (1889-1930). In: Navegando na História da Educação Brasileira: 20 anos do HISTEDBR. José Claudinei Lombardi; Dermeval Saviani (orgs.) Campinas, SP: Autores Associados: HISTEDBR, 2009.

SAES, Décio. República do Capital. São Paulo: Boitempo, 2001.

SAVIANI, D. História das idéias pedagógicas no Brasil. Campinas: Autores Associados, 2007

TRINDADE, E. M. C. Clotildes e Marias: mulheres de Curitiba na primeira República. Curitiba: Fundação Cultural, 1996.

TRINDADE, E. M. C.; ANDREAZZA, M. L. Cultura e Educação no Paraná. Curitiba: SEED, 2001.

Como Citar
Zanlorenzi, C. M. P., & Nascimento, M. I. M. (1). Método intuitivo e trabalho docente: incursões na revista “A Escola” (1906-1910). Revista HISTEDBR On-Line, 11(41), 209-218. https://doi.org/10.20396/rho.v11i41.8639846
Seção
Artigos