Formação e atuação do professor na sociedade contemporanea: implicações e possibilidades

Autores

  • Marta Regina Furlan Oliveira Universidade Estadual de Londrina - UEL
  • Adriana Regina de Jesus Santos Universidade Estadual de Londrina - UEL

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v11i44.8639977

Palavras-chave:

Formação do professor. Trabalho docente. Ética. Política. Epistemologia. Emancipação

Resumo

O presente ensaio teórico intitulado Formação e atuação do Professor na sociedade contemporânea: implicações e possibilidades tem como objetivo provocar uma reflexão critica sobre os novos desafios presentes na formação e atuação do professor, pois em face das mudanças paradigmáticas da sociedade, estes profissionais  da educação necessitam de uma nova leitura do mundo e da condição humana, para poder compreender a dinâmica sócio-político-econômico-cultural presentes no sistema educacional. Com o intuito de melhor elucidar o presente estudo, utilizou-se como metodologia a abordagem qualitativa, tendo como parâmetro a pesquisa bibliográfica. Ao término do estudo pode-se constatar que a formação e atuação do professor precisa ser repensada no que se refere ao plano ético-político, ao plano teórico e epistemológico e ao plano da ação prática do professor. Sendo assim, os saberes e as praticas docentes no atual cenário da sociedade e principalmente da educação brasileira estão permeados de desafios e incertezas e é realmente isso que nos mobiliza a buscarmos, a criarmos, a transformarmos novas possibilidades em busca de uma educação critica e emancipatória.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marta Regina Furlan Oliveira, Universidade Estadual de Londrina - UEL

Professor assistente do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Londrina e Coordenadora do Curso de Pós Graduação - Especialização em Trabalho Pedagógico na Educação Infantil da Universidade Estadual de Londrina.

Adriana Regina de Jesus Santos, Universidade Estadual de Londrina - UEL

Professora da Universidade Estadual de Londrina nos Cursos de Graduação e Pós Graduação

Referências

ADORNO, Theodor W. (1971). “Educação após Auschwitz”. In: Educação e Emancipação. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 1995.

ADORNO, Theodor W. 1903-1969. Mínima Moralia: Reflexões a partir da vida danificada. Tradução Luiz Eduardo Bicca, revisão da tradução Guido de Almeia. 2. ed, São Paulo: Ática, 1993.

ADORNO, Theodor W. 1903-1969. Palavras e sinais: modelos críticos 2/Theodor W. Adorno; tradução de Maria Helena Ruschel; supervisão de Álvaro Valls. Petrópolis: Vozes, 1995.

BACHELARD, G. A formação do espírito científico. Rio de Janeiro, Contraponto, 1966.

BARBOSA, M. Ação educativa perante o fim das certezas: oportunidade para mudar de registro epistemológico? Minho: Ver. Portuguesa de educação, vol. 10, n.2,45-58, 1998.

BARBOSA, M. Figuras da racionalidade pedagógica para uma epistemologia do ofício de educador. Ver. Educação, Lisboa, vol. VII n.2, 1998, 41-52.

CAVICCHIOLI, Gabriela Spagnuolo. Mídia, Infância e Educação: um estudo quanto a percepção de crianças frente programas sensacionalistas que exploram a violência .2008. 68fls. Trabalho de conclusão de curso (graduação em pedagogia). Universidade Estadual de Londrina. Londrina, 2008

CHOMSKY, N., 1986, Knowledge of Language: Its Nature, Origin, and Use. New York, Praeger Publishers, 1986. (trad. Portuguesa: O Conhecimento da Língua – Sua Natureza, Origem e Uso, Porto, Caminho, 1994).

DESCARTES, R. Regras para a Direção do Espírito. Lisboa, Edições 70, 1985.

GIROUX, Henry A. Os professores como intelectuais: rumo a uma pedagogia crítica da aprendizagem. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

LAKATOS, E.M. e MARCONI, M.A. Metodologia do Trabalho Científico. 2.ed. São Paulo: Atlas, 1987.

LÜCK, Heloísa. Pedagogia interdisciplinar - fundamentos teórico-metodológicos. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995.

MARCUSE, Herbert. Cultura e Sociedade. vol. 1. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1997.

MÉSZÁROS, I. A Educação para além do capital. Tradução de Isa Tavares. São Paulo: Boitempo, 2005.

McLAREN, P. (2000), Multiculturalismo Revolucionário: pedagogia do dissenso para o novo milênio. Porto Alegre: Ed. Artmed.

PUCCI, Bruno. Teoria crítica e educação. Petrópolis: Vozes, 1995.

RAMOS-DE-OLIVEIRA, N. "Educação e Emancipação”. In:BARBOZA, R.L.L. Formação de educadores: desafios e pespectivas / organizadora Raquel Lazzari Leite Barbosa,- São Paulo:Editora UNESP, 2001. p.297-309.

SILVA, Anilde Tombolato Tavares da. Infância, Experiência e Trabalho Docente. Tese (Doutorado em Educação)-Universidade Estadual Paulista, Marília, 2007.

SCHON, Donald A. Educando o profissional reflexivo: um novo design para o ensino aprendizagem. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000.

Downloads

Publicado

2012-06-23

Como Citar

OLIVEIRA, M. R. F.; SANTOS, A. R. de J. Formação e atuação do professor na sociedade contemporanea: implicações e possibilidades. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 11, n. 44, p. 47–56, 2012. DOI: 10.20396/rho.v11i44.8639977. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8639977. Acesso em: 4 dez. 2021.

Edição

Seção

Artigos