Propostas formadoras da igreja batista para a sociedade: democracia e família (Minas Gerais, década de 1920)

Autores

  • Taciana Brasil dos Santos Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v12i46.8640090

Palavras-chave:

Sociedade. Escola. Imprensa. Democracia. Família. Igreja Batista

Resumo

O texto pretende identificar como o periódico O Baptista Mineiro e o Collegio BaptistaAmericano Mineiro cooperaram enquanto estratégias de difusão dos princípios da IgrejaBatista para a vida em sociedade, durante a década de 1920. Para tal, serão analisadosmateriais impressos, como o próprio periódico, além de materiais referentes ao Collegio,como prospectos de propaganda, Archivo de Notas Finaes e livros comemorativos dainstituição. Como limites à identificação dos princípios para a sociedade, partiremos doideal democrático e das representações de família contidas nas fontes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Taciana Brasil dos Santos, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009) e em Teologia pela Faculdade Unida de Vitória (2009). Mestre em Educação pela FaE/UFMG. 

Referências

Fontes impressas e mimeografadas (Acervo do Centro de Memória do Colégio Batista Mineiro)

Archivo de Notas Finaes do Collegio Baptista Americano Mineiro.

Collegio Baptista Americano Mineiro. Belo Horizonte. 1921.

Collegio Baptista Americano Mineiro. Belo Horizonte. 1924.

Collegio Baptista Americano Mineiro. Belo Horizonte. 1927.

O COLÉGIO BATISTA MINEIRO. 40o Aniversário. Belo Horizonte. 1958.

ANOS: 1918-1968. Belo Horizonte. 1968.

A educação christã. O Baptista Mineiro, anno VII, n. 12, p. 2, dez. 1926.

A.B. Sobre o erro, maldade! O Baptista Mineiro, anno II, n. 4, p. 1, ago. 1921.

BARBOSA, A. A Campanha e a educação. O Baptista Mineiro, anno I, n. 1, p. 3, jan. 1920.

COCKELL, H.E. A razão de ser. O Baptista Mineiro, anno I, n. 1, p. 1, jan. 1920.

COCKELL, H.E. Noticias da seara. O Baptista Mineiro, anno I, n. 4, p. 4, abr. 1920.

MADDOX, O.P. A grande campanha baptista. O Baptista Mineiro, anno I, n. 1, p. 2, jan. 1921. O que é uma Egreja Baptista. O Baptista Mineiro, anno I, n. 5, p. 2, maio 1920.

Relatório do Collegio Baptista Americano Mineiro á Convenção Baptista de Minas Gerais em 1921. O Baptista Mineiro, anno II, n. 9, p. 3, set. 1921.

SHEPARD, J.W. Meditações sobre educação. O Baptista Mineiro, anno IX, n. 11 e 12, p. 1, nov./dez. 1928.

Livros e artigos

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano: as artes de fazer. Petrópolis: Vozes, 1998.

CHARTIER, Roger. A história cultural: entre práticas e representações. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1990.

MESQUITA, Antônio Neves de. História dos Batistas do Brasil: 1907 até 1935. Rio de Janeiro: Casa Publicadora Batista, 1940.

PASSOS, Mauro. Entre a fé e a lei: o pensamento educacional católico no período republicano (1889 – 1930). LOPES, A.A.B.M.; GONÇALVES, I.A.; FARIA FILHO, L.M.; XAVIER, M.C. História da educação em Minas. Belo Horizonte: FCH/FUMEC, 2002. p. 183-196.

PEIXOTO, Ana Maria Casasanta. A luta dos católicos pela escola – Minas Gerais, anos 30. Educação em Revista, n. 17, jun. 1993. p. 56-63.

Tese de doutoramento

SOUZA, Rita de Cássia de. “Não premiarás, não castigarás, não ralharás...”: dispositivos disciplinares em Grupos Escolares de Belo Horizonte (1925 – 1955). Tese de Doutoramento. São Paulo: Universidade de São Paulo, Faculdade de Educação, 2006.

Downloads

Como Citar

SANTOS, T. B. dos. Propostas formadoras da igreja batista para a sociedade: democracia e família (Minas Gerais, década de 1920). Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 12, n. 46, p. 347–358, 2012. DOI: 10.20396/rho.v12i46.8640090. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8640090. Acesso em: 18 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos