Banner Portal
Grupo escolar “Hugo Simas”: constituição histórica, sujeitos e alguns aspectos da organização do trabalho pedagógico (Londrina-PR, 1937- 1972)
PDF

Palavras-chave

Instituições escolares. Escola pública primária. Grupo Escolar “Hugo Simas”

Como Citar

FARIA, Thais Bento; SCHELBAUER, Analete Regina. Grupo escolar “Hugo Simas”: constituição histórica, sujeitos e alguns aspectos da organização do trabalho pedagógico (Londrina-PR, 1937- 1972). Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 12, n. 45e, p. 197–212, 2012. DOI: 10.20396/rho.v12i45e.8640117. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8640117. Acesso em: 13 abr. 2024.

Resumo

Na condição de “representação hegemônica” de escola pública, o GE “Hugo Simas” cumpriu o ideário que acompanhou a difusão dos grupos escolares no período republicano? Por ser forjado em outro momento histórico, sob o predomínio do pensamento escolanovista, formulou novas práticas e incorporou vocábulos inspirados por esta corrente pedagógica? Este artigo, ademais de tentar responder a essas inquietações principais, busca identificar os sujeitos que fizeram a história desta instituição escolar e abordar alguns aspectos da organização do trabalho pedagógico. A análise de uma diversidade documental demonstra que o grupo escolar investigado se apropriou de alguns princípios escolanovistas embora conviva com práticas oriundas do fim dos oitocentos. Na busca de se firmar como uma escola de prestígio e qualidade, contava com um corpo docente composto majoritariamente de normalistas. Por se localizar em uma cidade que tem a diversidade étnica um de seus predicados, o “Hugo Simas” foi frequentado por número considerável de filhos de estrangeiros. Quanto à organização do trabalho pedagógico, percebe-se que era referência e sintonizado com os princípios de modernidade, racionalização, padronização e higienização.

https://doi.org/10.20396/rho.v12i45e.8640117
PDF

Referências

ABRAMO, M. A.; MUSILI, C. Semente do saber. In: ABRAMO, M. A. Londrina puxa o fio da memória. Joinville: Letradágua, 2004. p. 57-58.

ALMEIDA, J. S. Mulheres na educação: missão, vocação e destino? A feminização do magistério ao longo do século XX. In: SAVIANI, D.; ALMEIDA, J. S.; SOUZA, R. F.; VALDEMARIN, V. T. O legado educacional do século XX no Brasil. 2. ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2006. p. 59-107 (Coleção Educação Contemporânea).

ARIAS NETO, J. M. O eldorado: representações da política em Londrina, 1930/1975. Londrina: UEL, 1998. 308p. BRASIL. Lei n. 5.692/71. Lei de diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em http://www.pedagogiaemfoco.pro.br/l5692_71.htm. Acesso em: 05 jun. 2010.

CANDOTTI, E. A. Memórias da cidade: Londrina 1930/1960. 1997. 191 f. Monografia (Especialização em História) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, PR, 1997.

CAPELO, M. R. C. Educação, Escola e Diversidade Cultural no meio rural de Londrina: quando o presente reconta o passado. 2000. 287f. Tese (Doutorado em Educação, Sociedade e Cultura) – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2000.

FARIA, T. B. Em traços de modernidade: a história e a memória do Grupo Escolar “Hugo Simas” (Londrina-Pr, 1937- 1972). 2010. 188f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Estadual de Maringá, Maringá, 2010.

FARIA FILHO, L. M.; SOUZA, R. F. A contribuição dos estudos sobre grupos escolares para a renovação da história do ensino primário no Brasil. In: VIDAL, D. G. (Org.). Grupos escolares: cultura escolar primária e escolarização da infância no Brasil (1893-1971). Campinas, SP: Mercado de Letras, 2006. p. 21-56.

GRANDOLFI, F. A.; LIMA, J. M.; SANTOS, R. Relatório final de estágio supervisionado I realizado no Colégio Estadual Hugo Simas. 2008. 38 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Arquivologia) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, PR, 2008.

KREUTZ. L. A educação de imigrantes no Brasil. In: LOPES, E. M. T.; FARIA FILHO, L. M. F.; VEIGA, C. G. (Orgs.). 500 anos de educação no Brasil. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2000. p. 347-370. (Coleção Historial, 6).

LE GOFF, J. História e memória. Tradução de Bernardo Leitão [et al]. 5. ed. Campinas, SP: Ed. da Unicamp, 2003,. p. 525-539.

MAY, T. Pesquisa documental: escavações e evidências In: MAY, T. Pesquisa social: questões, métodos e processos. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2004. p. 205-230.

MORTATTI, M. R. L. Os sentidos da alfabetização (São Paulo/ 1876-1994). São Paulo: Editora UNESP, 2000.

SCHELBAUER, A. R. Idéias que não se realizam: o debate sobre a educação do povo no Brasil de 1870 a 1914. Maringá, PR: EDUEM, 1998. 169p.

SOUZA, R. F. Templos de civilização: A implantação da escola primária graduada no Estado de São Paulo (1890-1910). São Paulo: Fundação Editora da UNESP, 1998.

FONTES

DOCUMENTOS ESCRITOS

COLÉGIO ESTADUAL HUGO SIMAS. Secretaria. Livro de ofícios de 1937 a 1941. Londrina, PR, 1937-1941. (Manuscrito).

COLÉGIO ESTADUAL HUGO SIMAS. Secretaria. Livro de matrícula de alunos 1940 a 1942. Londrina, PR, 1940-1942. p. 16-59. (Manuscrito).

COLÉGIO ESTADUAL HUGO SIMAS. Secretaria. Livro ata de reunião pedagógica de 1941 e 1942. Londrina, PR, 1941-1942. (Manuscrito).

COLÉGIO ESTADUAL HUGO SIMAS. Secretaria. Livro de registro escolar: matrícula, professores e aparelhamento escolar de 1950 a 1952. Londrina, PR, 1950-1952. p. 159-160. (Manuscrito).

COLÉGIO ESTADUAL HUGO SIMAS. Secretaria. Diário de Classe de 1969. Londrina, PR, 1969b. (Manuscrito).

ICONOGRAFIA

COLÉGIO ESTADUAL HUGO SIMAS. A planta da construção do Grupo Escolar. [193-]. 1 fotografia.

COLÉGIO ESTADUAL HUGO SIMAS. Corpo docente do Grupo Escolar “Hugo Simas” e o Delegado do Ensino. [1945]. 1 fotografia

ENTREVISTAS

COSENTINO, Yolanda Nella Voigt. Depoimento da ex-professora Yolanda Nella Voigt . Entrevistadora: Thais Bento Faria. Arquivo sonoro: 47min. 40s.; 11min. 55s. Entrevista concedida para a realização deste estudo em: 20 abr. 2009.

PENTEADO, Valderês Pereira. Depoimento da ex-professora Valderês Pereira Penteado. Entrevistadora: Thais Bento Faria. Arquivo sonoro: 27min. 18s.; 30min. 58s. Entrevista concedida para a realização deste estudo em: 25 abr. 2009.

PRATA, Sheila Navega de Souza. Depoimento da ex-professora Sheila Navega de Souza Prata. Entrevistadora: Thais Bento Faria. Arquivo sonoro: 42min. 57s.; 12min. 52s. Entrevista concedida para a realização deste estudo em: 6 maio 2009.

SANTOS, Ruth Talarico Freitas dos. Depoimento da ex-professora Ruth Talarico Freitas dos Santos. Entrevistadora: Thais Bento Faria. Arquivo sonoro: 50min. 27s.; 19 min. 34s. Entrevista concedida para a realização deste estudo em: 28 abr. 2009.

Revista HISTEDBR On-line utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.