Incluídos pela escola pública: trajetória social de egressos trânsfugas do Colégio Estadual Dias Velho (segunda metade da década de 1960)

  • Juliana Maués Silva Clarino Universidade do Estado de Santa Catarina
  • Norberto Dallabrida UDESC
Palavras-chave: Trajetória social. Trânsfuga. Ensino secundário. Escola pública

Resumo

Este trabalho tem por objetivo analisar a trajetória social de três egressos trânsfugas do curso clássico do Colégio Estadual Dias Velho – estabelecimento de ensino secundário de caráter público, gratuito e coeducativo –, destacando os fatores sociais que concorreram para o êxito nas suas carreiras profissionais. Os trajetos sociais desses ex-alunos de escola pública são construídos a partir de conceitos cunhados por Pierre Bourdieu, tais como os conceitos de habitus, capital cultural, capital social e trânsfuga, procurando relacionar a origem social, o percurso escolar e a carreira profissional. O corpus documental do presente trabalho é formado por dados colhidos a partir de aplicação de um questionário e, especialmente, por meio de uma entrevista semiestruturada realizada com os três egressos em análise.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juliana Maués Silva Clarino, Universidade do Estado de Santa Catarina

Acadêmica do Curso de Pedagogia do Centro de Ciências Humanas e da Educação da UDESC, bolsista de Iniciação Científica PIBIC/CNPq. Universidade do Estado de Santa Catarina. Endereço eletrônico: ju.maues@yahoo.com.br

Norberto Dallabrida, UDESC

Professor do Programa de Pós-Graduação em Educação da UDESC e bolsista produtividade do CNPq. Universidade do Estado de Santa Catarina. Endereço eletrônico: norbertodallabrida@hotmail.com

Referências

AGUIAR, Alcides dos Santos. Entrevista concedida a Juliana Maués S. Clarino. Pesquisa “Trajetórias sociais de egressos/as dos colégios de ensino secundário de Florianópolis na década de 1950”. Florianópolis, 16 de Fev. de 2012. Entrevista transcrita. 15 p. 2012.

BOURDIEU, Pierre. A escola conservadora: as desigualdades frente à escola e à cultura. Trad. Aparecida Joly Gouveia. In: NOGUEIRA, Maria Alice; CATANI, Afrânio (Orgs.). Escritos de Educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998a, p. 39-64.

BOURDIEU, Pierre. As contradições da herança. Trad. Magali de Castro. In: NOGUEIRA, Maria Alice; CATANI, Afrânio (Orgs.). Escritos de Educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998b, p. 229-237.

BOURDIEU, Pierre. O capital social – notas provisórias. Trad. Denice Barbara Catani e Afrânio Mendes Catani. In: NOGUEIRA, Maria Alice; CATANI, Afrânio (Orgs.). Escritos de Educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998c, p. 65-69.

BOURDIEU, Pierre. Os três estados do capital cultural. Trad. Magali de Castro. In: NOGUEIRA, Maria Alice; CATANI, Afrânio (Orgs.). Escritos de Educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998d, p. 71-79.

BOURDIEU, Pierre. La distinción: criterio y bases sociales del gusto. Madrid: Taurus, 1998e.

DALLABRIDA, Norberto. Usos sociais da cultura escolar prescrita no ensino secundário. Revista Brasileira de História da Educação. Campinas – SP, v. 12, n. 1 (28), p. 167-192, jan./abr. 2012.

LAHIRE, Bernard. Sucesso escolar nos meios populares: as razões do improvável. São Paulo: Ática, 1997. Tradução de Ramon Américo Vasques e Sonia Goldefeder.

MONTAGNER, Miguel Ângelo. Trajetórias e biografias: notas para uma análise bourdieusiana. Sociologias. Porto Alegre - RS, n.17,jan./jun. 2007, p. 240-264.

NOGUEIRA, Maria Alice; NOGUEIRA, Claudio Martins. Bourdieu & a Educação.Belo Horizonte, MG: Autêntica, 2009.

NOGUEIRA, Maria Alice; CATANI, Afrânio. Uma sociologia da produção do mundo cultural e escolar. In: NOGUEIRA, Maria Alice; CATANI, Afrânio (Orgs.). Escritos de Educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998, p. 7-15.

RAMOS, Claudio Andrade. Entrevista concedida a Juliana Maués S. Clarino. Pesquisa “Trajetórias sociais de egressos/as dos colégios de ensino secundário de Florianópolis na década de 1950”. Florianópolis, 28 de Mar. de 2012. Entrevista transcrita. 10 p. 2012.

SAVIANI, Demerval. História das Ideias Pedagógicas no Brasil. Campinas, SP: Autores Associados, 2010.

SOUZA, Rosa Fátima de. História da organização e do currículo no século XX: ensino primário e secundário no Brasil. São Paulo: Cortez, 2008.

WANDELLI FILHO, Álvaro. Entrevista concedida a Juliana Maués S. Clarino. Pesquisa “Trajetórias sociais de egressos/as dos colégios de ensino secundário de Florianópolis na década de 1950”. Florianópolis, 27 de Jun. de 2012. Entrevista transcrita. 07 p. 2012.

Publicado
2014-03-22
Como Citar
Clarino, J. M. S., & Dallabrida, N. (2014). Incluídos pela escola pública: trajetória social de egressos trânsfugas do Colégio Estadual Dias Velho (segunda metade da década de 1960). Revista HISTEDBR On-Line, 13(54), 230-241. https://doi.org/10.20396/rho.v13i54.8640180
Seção
Artigos