A educação voltada para o empreendedorismo: um levantamento do debate acadêmico

  • Marcelo de Amorim Pandolfi Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes)
  • Roseli Esquerdo Lopes Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
Palavras-chave: Educação brasileira. Educação e empreendedorismo. Educação e pesquisa

Resumo

Este artigo resulta de uma pesquisa que analisou teses e dissertações que se debruçaram sobre o empreendedorismo na educação, fruto de um levantamento realizado em julho de 2012, no Banco de Teses da Capes. Objetiva verificar se os trabalhos que defendem a inserção do empreendedorismo no ambiente acadêmico apresentam um debate, no sentido da discussão de um ponto de vista e do diálogo, com aqueles que questionam tal posição. Considera que as teses e dissertações analisadas, que advogam em benefício do ensino do empreendedorismo, partem da premissa, disseminada por alguns dos principais expoentes com relação ao tema, de que o empreendedorismo é um instrumento essencial para a diminuição das desigualdades sociais. Esses estudos acabam assumindo, ideologicamente, na maioria dos casos, a validade do conceito como um dogma, sem dialogar com aqueles outros que questionam os fundamentos sobre os quais assentam suas proposições. Também verifica que não foram encontradas diferenças significativas na abordagem do tema, entre os que defendem os benefícios de uma educação empreendedora, mesmo quando as pesquisas partiram de diferentes áreas do conhecimento, e que os poucos trabalhos que procuram questionar tal discurso provêm, principalmente, da área de Educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcelo de Amorim Pandolfi, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes)
Professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo - Ifes (Campus Linhares).
Roseli Esquerdo Lopes, Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
Professora Titular do Departamento de Terapia Ocupacional, do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Programa de Pós-Graduação em Terapia Ocupacional da Universidade Federal de São Carlos, atua na área de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, com ênfase em Terapia Ocupacional e Terapia Ocupacional Social, e na área de Educação, com ênfase em Sociologia da Educação.

Referências

ALMEIDA, J. W. Governamentalidade neoliberal, empreendedorismo e suas repercussões nos processos educacionais da cidade de Horizonte-CE. 2010. 123 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2010.

APPLE, M. W. Educação e poder. Porto Alegre: Artes Médicas, 1989.

APPLE, M. W. Ideologia e currículo. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2006.

BIRLEY, S; MUZYKA, D. F. Dominando os desafios do empreendedor. São Paulo: Makron Books, 2001.

CARLI, H. A. de. O ensino de empreendedorismo e o caso específico de Pato Branco: Projeto Patinho Empreendedor. 2000. 208 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", Marília, 2000.

CHIAVENATO, I. Empreendedorismo: dando asas ao espírito empreendedor. São Paulo: Saraiva, 2004.

COAN, M. Educação para o empreendedorismo: implicações epistemológicas, políticas e práticas. 2011. 540 f. Tese. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2011.

DIAS, G. P. Empreendedorismo e educação: o Sebrae na escola. 2006. 136 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2006.

DOLABELA, F. O segredo de Luísa. Rio de Janeiro: Sextante, 2008.

DOLABELA, F. Oficina do empreendedor. 6. ed. São Paulo: Editora de Cultura, 1999.

DORNELAS, J. C. A. Empreendedorismo: transformando idéias em negócios. 3. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2008.

DREWINSKI, J. M. de A. Empreendedorismo: o discurso pedagógico no contexto do agravamento do desemprego juvenil. 2009. 157 f. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2009.

D ́ALBERTO, A. M. F. O ensino do empreendedorismo nos cursos de Turismo do Estado de Santa Catarina, Brasil. 2005. 222 f. Dissertação (Mestrado em Administração) – Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, 2005.

FILION, L. J. O Empreendedorismo como tema de estudos superiores. Conferência feita no evento “A Universidade Formando Empreendedores". CNI-IEL Nacional. Brasília, 1999.

FRIGOTTO, G. A relação da educação profissional e tecnológica com a universalização da educação básica. Educação & Sociedade, v. 28, n. 100, p. 1129-1152, out. 2007. Disponível em: http://www.cedes.unicamp.br. Acesso em: 25 jan. 2012.

FRIGOTTO, G. Concepções e mudanças no mundo do trabalho e o ensino médio. In: FRIGOTTO, G.; CIAVATTA, M.; RAMOS, M. (Org.). Ensino médio integrado. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2010.

FRIGOTTO, G. Juventude, trabalho e educação no Brasil: perplexidades, desafios e perspectivas. In: NOVAES, R.; VANNUCHI, P. (Org.). Juventude e sociedade: trabalho, educação, cultura e participação. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2004.

GRAMSCI, A. Cadernos do cárcere: introdução ao estudo da filosofia: a filosofia de Benedetto Croce. 5. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011. v. 1.

GRAMSCI, A. Concepção dialética da história. Tradução de Carlos Nelson Coutinho. 3. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1978.

HUXLEY, A. Admirável mundo novo. 2. ed. São Paulo: Globo, 2003.

KOHN, A. Punidos pelas recompensas: os problemas causados por prêmios por produtividade por produtividade, planos de incentivos, remuneração variável, elogios, participação nos lucros e outras formas de suborno. São Paulo: Atlas, 1998.

LEAL, A. F. Aprender a empreender: um pilar na educação de jovens e adultos. 2009. 145 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2009.

LIMA, A. L. de. Os riscos do empreendedorismo: a proposta de educação e formação empreendedora. 2008. 131 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

LIMA JÚNIOR, O. P. A. de. O espírito do capitalismo e a cultura do empreendedorismo: educação e ideologia. 2011. 141 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) – Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2011.

MANACORDA, M. A. Marx e a pedagogia moderna. Campinas: Alínea, 2008.

MAXIMIANO, A. C. A. Administração para empreendedores: fundamentos da criação e da gestão de novos negócios. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006.

MIRSHAWKA, V.; MIRSHAWKA Jr., V. Gestão criativa: aprendendo com os empreendedores mais bem-sucedidos do mundo. São Paulo: DVS Editora, 2003.

NEVES, E. O. Educação e empreendedorismo: um estudo sobre a formação empreendedora no curso Técnico em Agropecuária do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais. 2010. 69 f. Dissertação (Mestrado em Educação Agrícola) - Instituto de Agronomia, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ, 2010.

NOSELLA, P. A escola de Gramsci. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2010.

PAVANI, P. O. de C. A inclusão dos princípios fundamentais do empreendedorismo no Curso Técnico em Agroindústria da Escola Agrotécnica Federal de Barbacena. 2006. 56 f. Dissertação (Mestrado em Ciências) - Programa de Pós-Graduação em Educação Agrícola, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, 2006.

PEDRO, A. M. Procedimentos para integrar os conceitos de empreendedorismo no ensino fundamental. 2007. 125 f. Tese. (Doutorado em Engenharia de Produção) – Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2007.

POCHMANN, M. O trabalho sob fogo cruzado: exclusão, desemprego e precarização no final do século. 3. ed. São Paulo: Contexto, 2002.

RIBAS, R. O saber empreendedor: diretrizes curriculares para elaboração de programas para formação de empreendedores com base na Escola Progressiva de John Dewey: reflexão e proposta. 2011. 172 f. Tese. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.

SENNA, M. A. B. A associação do ensino agrícola ao desenvolvimento de comportamentos empreendedores no Instituto Federal do Espírito Santo – Campus de Alegre. 2010. 70 f. Dissertação (Mestrado em Educação Agrícola) - Instituto de Agronomia. Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Seropédica, RJ. 2010.

SILVA, G. S. da. Educação empreendedora nas IES cearenses: um estudo multicaso. 2010. 120 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade de Fortaleza, Fortaleza, 2010.

SOBRAL, K. M.; MORAES, B. M.; JIMENEZ, M. S. V. Escola unitária e princípio educativo em Gramsci: um ensaio de compreensão à luz do Caderno 12. Filosofia e Educação (on-line), v. 2, n. 1, p. 83-100, abr./set. 2010. Disponível em: http://www.fae.unicamp.br/revista/index.php/rfe/article/view/961. Acesso em: 13 fev. 2012.

SOUZA, A M e. Jovens e educação empreendedora: que discurso é esse? 2006. 136 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Católica de Goiás, Goiânia, 2006.

Como Citar
Pandolfi, M. de A., & Lopes, R. E. (1). A educação voltada para o empreendedorismo: um levantamento do debate acadêmico. Revista HISTEDBR On-Line, 13(49), 177-196. https://doi.org/10.20396/rho.v13i49.8640327
Seção
Artigos