Banner Portal
Responsabilidade social ou alienação?
PDF

Palavras-chave

Educação. Responsabilidade social. Empresários e educação

Como Citar

LEAL, A. D.; RODRIGUES, M. M. Responsabilidade social ou alienação?. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 15, n. 65, p. 33–41, 2015. DOI: 10.20396/rho.v15i65.8642694. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8642694. Acesso em: 27 fev. 2024.

Resumo

O presente artigo tem como objetivo analisar a inserção da lógica empresarial na educação, mais precisamente, o conceito de responsabilidade social, entendida como o impulso à ação coletiva do empresariado, tendo em vista o alcance de objetivos político-ideológicos (MARTINS, 2009). Para fundamentar a pesquisa, fizeram-se necessários estudos bibliográficos baseados em autores como MARTINS (2009), SILVA e RODRIGUES (2013), VITULLO (2012), como também, buscas em sítios da internet sobre a temática.  O texto aborda as ações desenvolvidas pelo empresariado, visando à conformação dos trabalhadores, do século XIX – com as vilas operárias – ao mandato petista do ex-presidente Lula, quando a classe empresarial entendeu que a educação era o meio mais seguro e eficaz de moldar as futuras gerações, adequando-as à lógica do mercado (MARTINS, 2013). Observou-se a evolução do conceito acima citado, passando do “valor agregado” ao “responsabilidade social”, que engloba outros clichês de “solidariedade”, “sustentabilidade”, “gestão responsável”, adotados por tantas empresas e incentivados pelo governo em suas mais variadas instâncias, a fim de angariar tanto capital financeiro quanto apoio midiático, tornando as empresas melhor aceitas pela população.

https://doi.org/10.20396/rho.v15i65.8642694
PDF

Referências

COSTA, Cláudia Soares; VISCONTI, Gabriel Rangel. Terceiro Setor e Desenvolvimento Social. Gerência de Estudos Setoriais. Relato Setorial, n.3, jul. 2001. Disponível em: http://www.bndes.gov.br/SiteBNDES/export/sites/default/bndes_pt/Galerias/Arquivos/conecimento/relato/tsetor.pdf. Acesso em: 09 fev. 2014

KOTLER, P. Administração de marketing:análise, planejamento, implementação e controle. 5aed.São Paulo: Atlas, 1998.

MARTINS, André Silva. A direita para o social: educação da sociabilidade no Brasil contemporâneo. André Silva Martins. – Juiz de Fora: UFJF, 2009.

MARTINS, André Silva. Classe empresarial e o plano nacional de educação: uma analise sobre um processo ainda em curso. Inc.: Novo Plano Nacional de Educação (PNE): debates e tensões / Organizadoras Andréia Ferreira da Silva, Melânia Mendonça Rodrigues. – 1. Ed – Campina Grande: EDUFCG, 2013.

MELO, Luísa. As 10 empresas com mais responsabilidade social no mundo. RevistaEXAME. São Paulo, out. 2013. Disponível em: http://exame.abril.com.br/negocios/album-de-fotos/as-10-empresas-com-mais-responsabilidade-social-no-mundo. Acesso em: 15 mar. 2014

MILLER, Toby. Cidadania Cultural. MATRIZes, São Paulo, Brasil, v. 4, n. 2, jan./jun.2011. Disponível em: http://www.matrizes.usp.br/index.php/matrizes/article/view/58/86>. Acesso em: 05 fev. 2014

PAOLI, Maria Célia. Empresas e responsabilidade social: os enredamentos da cidadania no Brasil. Inc. Democratizar a democracia: os caminhos da democracia participativa / Boa ventura de Sousa Santos, organizador. – Rio de Janeiro: Civilização brasileira, 2002.

PEREIRA, Sheila; AMORIM, Fernanda; CRISPIM, William. Instituto C&A promove Educação Infantil com o projeto Paralápracá. São Paulo, set. 2014 Disponível em: http://www.institutocea.org.br/noticias/detalhe-release.aspx?id=221>. Acesso em: 22 abr. 2014

SÃO PAULO ALPARGATAS S.A. Instituto Alpargatas. Relatório anual/ Relatório Social. São Paulo, 2005. Disponível em: http://ri.alpargatas.com.br/arquivos/informacoes_financeiras/relatorios_Anuais/2005/16_03_2006_Rel_Anual_2005.pdf >. Acesso em: 13 abr. 2014

VITULLO, Gabriel Eduardo. A ideologia do “Terceiro Setor”: ensaios críticos/organizador Gabriel Eduardo Vitullo. – Natal, RN: EDUFRN, 2012. 226 p

Revista HISTEDBR On-line utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.