Banner Portal
A política de educação especial na era Lula (2003-2011): uma opção pela inclusão
PDF

Palavras-chave

Política Educacional. História da Educação. História das Políticas Educacionais. Governo Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2011). Educação Especial

Como Citar

PADILHA, C. A. T. A política de educação especial na era Lula (2003-2011): uma opção pela inclusão. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 15, n. 66, p. 160–177, 2016. DOI: 10.20396/rho.v15i66.8643708. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8643708. Acesso em: 24 fev. 2024.

Resumo

Este artigo analisa a atuação do governo Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2011) no campo educacional, mais especificamente na Educação Especial. Em oito anos de mandato, o presidente e sua equipe implementaram programas e ações governamentais de combate à desigualdade social e de reconhecimento, possibilitando que se avançasse, não sem contradições, em diferentes campos e, mais especificamente, no campo educacional, na construção de um sistema que incorporasse todos os indivíduos à escola comum, de modo a efetivar o direito garantido pela Constituição de 1988. 

https://doi.org/10.20396/rho.v15i66.8643708
PDF

Referências

AMARAL, Oswaldo Martins Estanislau. As transformações na organização interna do Partido dos Trabalhadores entre 1995 e 2009. 293 f. Tese (Doutorado) — Curso de Ciências Sociais, Universidade Estadual de Campinas, 2010.

BARRETO, Elba Siqueira de Sá. Políticas e práticas de formação de professores da educação básica no Brasil: um panorama nacional. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, Anpae, Recife, v. 27, n. 1, 2011.

BUENO, José Geraldo Silveira. Crianças com necessidades educativas especiais, política educacional e a formação de professores: generalistas ou especialistas. Revista Brasileira de Educação Especial, v. 3, n. 5, p. 7-25, 1999.

BUIATTI, Viviane Prado. Atendimento educacional especializado: dimensão política, formação docente e concepções dos profissionais. 324 f. Tese (Doutorado)— Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.

BRASIL. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília, DF. 2008. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/politica.pdf. Acesso em: 15 jan. 2014.

CAIADO, Katia Regina Moreno & DE LAPLANE, Adriana Lia Friszman. Programa Educação inclusiva: direito à diversidade — uma análise a partir da visão de gestores de um município-polo. Educação e Pesquisa, v. 35, n. 2, p. 303-315, 2009.

DOURADO, Luiz Fernandes. Políticas e gestão da educação básica no Brasil: limites e perspectivas. Educação e Sociedade, Campinas, v. 28, n. 100, out. 2007.

FIGUEIREDO, Rubens & COUTINHO, Ciro. A eleição de 2002. Opinião Pública, Campinas, v. 9, n. 2, p. 93-117, 2003.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 17.ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2013.

GARCIA, Rosalva Maria C. & MICHELS, Maria Helena. A política de Educação Especial no Brasil (1991-2011): análise da produção do GT15 — Educação Especial da ANPEd. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 17, p. 105-124, jan.-mar. 2011.

LEHER, Roberto. Educação no governo de Lula da Silva: a ruptura que não aconteceu. Os anos Lula: contribuições para um balanço crítico 2003-2010. 1. ed. Rio de Janeiro: Garamond, 2010, p. 369-412.

LIMA, Kátia Regina de Souza. O Banco Mundial e a educação superior brasileira na primeira década do novo século. Revista Katálysis, Florianópolis, v. 14, n. 1, p. 86-94, 2011.

MANTOAN, Maria Teresa Eglér et al. A educação especial na perspectiva da inclusão escolar: a escola comum inclusiva. Brasília: Ministério da Educação, v. 1, 2010. MEC. www.mec.gov.br

MOEHLECKE, Sabrina. As políticas de diversidade na educação no governo Lula. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 39, n. 137, p.461-487, 2009.

NOVELLI, José Marcos Nayme. A questão da continuidade da política macroeconômica entre o governo Cardoso e Lula (1995-2006). Revista de Sociologia e Política, v. 18, n. 36, p. 227-240, 2010.

NOSELLA, Paolo. Ensino médio: em busca do princípio pedagógico. Educação & Sociedade, Campinas, v. 32, n. 117, p. 1051-1066, 2011.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS. Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência. 2006. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2009/decreto/d6949.htm. Acessado em 23/8/2014.

PINTO, José Marcelino de Rezende. O financiamento da educação no governo Lula. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, Anpae, v. 25, n. 2, 2009.

POCHMANN, Marcio. Políticas sociais e padrão de mudanças no Brasil durante o governo Lula. Revista SER Social, v. 13, n. 28, p. 12-40, 2011.

SAVIANI, Dermeval. História das ideias pedagógicas no Brasil. 3. ed. revista. Campinas: Autores Associados, 2010.

SAVIANI, Dermeval. O Plano de Desenvolvimento da Educação: análise do projeto do MEC. Revista Educação & Sociedade, Campinas, v. 28, n. 100, out. 2007. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73302007000300027&lng=en&nrm=iso. Acessado em 18/9/2014.

SILVA, Luiz Inácio Lula da. Carta ao povo brasileiro. 2002.

SILVA, Luiz Inácio Lula da. Mensagem ao Congresso Nacional. Presidência da República do Brasil. 2004.

SILVA, Luiz Inácio Lula da. Mensagem ao Congresso Nacional. Presidência da República do Brasil. 2005.

SILVA, Luiz Inácio Lula da. Mensagem ao Congresso Nacional. Presidência da República do Brasil. 2006.

SILVA, Luiz Inácio Lula da. Mensagem ao Congresso Nacional. Presidência da República do Brasil. 2007.

SILVA, Luiz Inácio Lula da. Mensagem ao Congresso Nacional. Presidência da República do Brasil. 2008.

SILVA, Luiz Inácio Lula da. Mensagem ao Congresso Nacional. Presidência da República do Brasil. 2009.

SILVA, Luiz Inácio Lula da. Mensagem ao Congresso Nacional. Presidência da República do Brasil. 2010.

SILVA, Lázara Cristina da. Políticas públicas e formação de professores: vozes e vieses da educação inclusiva. 2009. 344 f. Tese (Doutorado) — Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2009.

SINGER, André Vitor. Os sentidos do lulismo: reforma gradual e pacto conservador. São Paulo: Companhia das Letras, 2012.

Revista HISTEDBR On-line utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.