Colégio Imaculada Conceição: Narrativas orais, instituições e processos de escolarização em Cáceres/MT

  • Alexandra Lima da Silva Universidade do Estado do Rio de Janeiro
  • Giuslane Francisca da Silva Universidade Federal de Mato Grosso
Palavras-chave: Memória. Instituição Educativa. História da Educação Narrativas orais

Resumo

Considerando que também a escola é um lugar de memória e de pesquisa e ressaltando a importância da preservação do patrimônio histórico e cultural, o presente artigo procura discutir os significados do Colégio Imaculada Conceição para a cidade de Cáceres/MT, a partir das narrativas orais de ex-estudantes. Objetiva dar visibilidade às diferentes memórias em torno de centenárias instituições educativas, indicando com isso, diferentes usos e significados em torno das mesmas, atentando também, para a importância da preservação desses espaços enquanto patrimônio histórico-cultural da cidade.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandra Lima da Silva, Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Bacharel, licenciada e mestre em História Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF).Doutora em Educação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Professora adjunta da Faculdade de Educação da UERJ, Campus Maracanã e professora no ProPed/UERJ. . 
Giuslane Francisca da Silva, Universidade Federal de Mato Grosso
Mestranda pelo Programa de Pós Graduação em História da Universidade Federal de Mato Grosso

Referências

Fontes orais

ALBUQUERQUE, Joana de. (79 anos). (fev. 2006). Entrevistadora: Maria do Socorro, Cáceres/MT, 15 de fevereiro de 2006.

COSTA, Gregório. (70 anos). (abr. 2005). Entrevistadora: Maria do Socorro, Cáceres-MT, 27 de abril de 2005.

LEITE, Ana. (97 anos). (abr. 2005). Entrevistadora: Maria do Socorro, Cáceres/MT, 20 de abril de 2005.

MEDEIROS, Regina. (78 anos). (out.2005). Entrevistadora: Maria do Socorro, Cáceres-MT, 18 de outubro de 2005.

MORAIS, Lúcio. (94 anos). (abr. 2005). Entrevistadora: Maria do Socorro, Cáceres/MT, 20 de abril de 2005.

MOREIRA, Paulo. (61 anos). (fev.2006). Entrevistadora: Maria do Socorro, Cáceres-MT, 19 de fevereiro de 2006.

NUNES, Eliane. (77 anos). (abr. 2005). Entrevistadora: Maria do Socorro, Cáceres/MT, 09 de março de 2006.

RIBEIRO, Marta. (94 anos). (ago. 2005). Entrevistadora: Maria do Socorro, Cáceres/MT, 04 de agosto de 2005.

Referências bibliográficas

ALVES, Laci Maria Araújo. Nas trilhas do ensino: educação em Mato Grosso: 1910-1927. Cuiabá/MT: EdUFMT, 1998.

BUFFA, Ester; NOSELLA, Paolo. Instituições Escolares: por que e como pesquisar. 2. ed. Campinas: Alínea, 2013.

CARMO, Roney Gusmão do. Memória social do aluno-trabalhador sobre a escola noturna. 2011, 135 fls. Dissertação (Mestrado em Memória: Linguagem e Sociedade). Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Vitória da Conquista, 2011.

DOURURE, João Baptista. Dom Bosco em Mato Grosso: Missão Salesiana 1894-1904. Cuiabá: Salesiana, 1977.

FENELON, Déa Ribeiro. (et al). Muitas memórias, outras histórias. SP: Olho D’Água, 2004.

FERREIRA, Marieta de Moraes & AMADO, Janaína. Usos e abusos da História Oral. Rio de Janeiro: FGV, 1996.

GATTI JÚNIOR, Décio & OLIVEIRA, Lucia. História das instituições educativas: um novo olhar historiográfico. In: Cadernos da Educação, Uberlândia, v. 1, n. 1, p. 73-6, jan/dez 2002.

LE GOFF, Jacques. A história nova. São Paulo, Martins Fontes, 1998.

LOPES, Eliane Marta Teixeira e GALVÃO, Ana Maria. História da Educação. Rio de Janeiro: DP&A, 2005.

MANFROI, José. A missão salesiana e a educação em Corumbá: 1899-1996. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande-MS, 1997.

MAGALHÃES, Justino P. de. Breve apontamento para a história das instituições educativas. In: SAVIANI, D., LOMBARDI, J.C. e SANFELICE, J.L.(orgs.). História da educação: perspectivas para um intercâmbio internacional. Campinas, S.P: Autores Associados, 1999.

MIGNOT, Ana Chrystina, A SILVA, Alexandra Lima da, SILVA, Marcelo Gomes da. Outros tempos, outras escolas. Rio de Janeiro: Quartet/FAPERJ, 2014.

NASCIMENTO, Maria Isabel Moura; SANDANO, Wilson; LOMBARDI, José Claudinei; SAVIANI, Dermeval (orgs.). Instituições Escolares no Brasil: Conceito e reconstrução histórica. Campinas: Autores Associados, 2007.

NORA, Pierre. Entre Memória e História: a problemática dos lugares, In: Projeto História. São Paulo: PUC, n. 10, pp. 07-28, dezembro de 1993.

NÓVOA, António. História da Educação. Lisboa: Universidade de Lisboa, 1994. Tese de livre docência.

NUNES, Clarice. Memória e História da Educação: entre práticas e representações. In: Maria Cristina Leal; Marília Pimentel. (Org.). História e Memória da Escola Nova. Rio de Janeiro: Loyola, 2003, v. 1, p. 9-26.

POLLAK, Michael. Memória, esquecimento, silêncio. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, vol. 2, n.3, 1989, p. 3-15. Disponível em: http://www.uel.br/cch/cdph/arqtxt/Memoria_esquecimento_silencio.pdf. Acesso em: 23 de jul. de 2015.

QUEIROZ, Maria Isaura P. Variações sobre a técnica de gravador no registro da informação viva. São Paulo: FFLCH, USP, 1983.

SCHENEIDER, J. L. Obra de Dom Bosco em Corumbá. In: BÁEZ, Renato (Org.). O profeta do pantanal. São Paulo: Escolas Profissionais salesianas, 1988, p. 57-61.

SILVA, Alexandra Lima da. Instituições educativas centenárias de Cuiabá: lugares de memórias, patrimônio e ensino de história (1858-2014). Projeto de Pesquisa. FAPEMAT/UFMT, 2014-2016.

SILVA, Giuslane Francisca da. Trajetórias e transformações da família nuclear no Brasil. Revista Labirinto, Porto Velho-RO, Ano XV, Vol. 22, p. 361-378. Disponível em: http://www.periodicos.unir.br/index.php/LABIRINTO/article/viewFile/1104/1437 Acesso em: 09 de nov. de 2015.

VIDAL, Diana Gonçalves. Fim do mundo do fim: avaliação, preservação e descarte documental. In. FARIA FILHO, Luciano Mendes de.(org) Arquivos, fontes e novas tecnologias: questões para a história da educação. Campinas, SP: Autores Associados; Bragança Paulista, SP: Universidade São Francisco, 2000, pp.31- 44.

XAVIER, Ana Paula da Silva. Processos educativos da infância em Cuiabá (1870-1890). 2012. 195 fls. Tese (Doutorado em Educação). Faculdade de Educação. Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2012.

Vídeos:

MIGNOT, Ana Chrystina, SILVA, Alexandra Lima da. Tantas escolas, tantas memórias. Documentário, FAPERJ/UERJ, 2009.

SILVA, Alexandra Lima da. Olhares: Instituições Educativas Centenárias de Cuiabá. Documentário. FAPEMAT/UFMT, 2015.

Publicado
2016-10-30
Como Citar
Silva, A. L. da, & Silva, G. F. da. (2016). Colégio Imaculada Conceição: Narrativas orais, instituições e processos de escolarização em Cáceres/MT. Revista HISTEDBR On-Line, 16(68), 73-88. https://doi.org/10.20396/rho.v16i68.8644168
Seção
Artigos