Fatores facilitadores da inteligência organizacional: o papel das unidades de informação

Autores

  • Delsi Fries Davok Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC
  • Daiana Lindaura Conti Escola Sarapiquá

DOI:

https://doi.org/10.20396/rdbci.v11i2.1642

Palavras-chave:

Inteligência organizacional – Fatores facilitadores. Inteligência organizacional – Fatores dificultadores. Inteligência competitiva

Resumo

Artigo de revisão que apresenta fatores facilitadores e dificultadores para o desenvolvimento da inteligência organizacional, enfocando o papel das unidades de informação nesse contexto. Define a temática a partir de pesquisa bibliográfica exploratória, abarcando 15 artigos de periódicos nacionais das áreas de Biblioteconomia e Ciência da Informação. Realizou-se leitura analítica dos artigos e interpretação referencial dos dados relativos a categorias de análise estabelecidas, o que possibilitou a identificação de fatores facilitadores e dificultadores para o desenvolvimento da inteligência organizacional. Concluiu-se que, dependendo do contexto, os principais fatores que facilitam ou dificultam o processo de consolidação de um sistema de inteligência organizacional são: cultura organizacional, redes sociais, gestão do conhecimento, gestão da informação, tecnologias da informação, inovação tecnológica, estrutura organizacional e prospecção, e monitoramento da informação. Tendo em vista esses resultados, propõe-se a realização de novos estudos sobre o tema utilizando outras fontes de informação para que se aprofunde a temática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Delsi Fries Davok, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2006), mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina (2000) e graduação em Biblioteconomia pela Universidade Federal de Santa Catarina (1985). Atualmente é professora do Departamento de Biblioteconomia e Gestão da Informação (DBI), e Coordenadora de Avaliação Institucional da Universidade do Estado de Santa Catarina. Tem experiência nas áreas de Biblioteconomia e Administração, com ênfase em Gestão de Unidades de Informação, atuando principalmente nos seguintes temas: Planejamento e Administração de Unidades de Informação, Análise Organizacional, Avaliação de Serviços e de Unidades de Informação e Avaliação Institucional.

Daiana Lindaura Conti, Escola Sarapiquá

Bacharel em Biblioteconomia – Gestão da Informação pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Bibliotecária da Escola Sarapiquá, Florianópolis, SC.

Downloads

Publicado

2013-04-23

Como Citar

DAVOK, D. F.; CONTI, D. L. Fatores facilitadores da inteligência organizacional: o papel das unidades de informação. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, SP, v. 11, n. 2, p. 136–158, 2013. DOI: 10.20396/rdbci.v11i2.1642. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/1642. Acesso em: 30 nov. 2021.

Edição

Seção

Artigos