Card Sorting: noções sobre a técnica para teste e desenvolvimento de categorizações e vocabulários

Autores

  • Mauricio Marques de Faria

DOI:

https://doi.org/10.20396/rdbci.v7i2.1953

Palavras-chave:

Card Sorting, Vocabulário controlado, Arquitetura da informação, Taxonomia

Resumo

O objetivo deste trabalho é apresentar o Card Sorting, técnica de análise e organização de vocabulários controlados, e tem por finalidade explorar a relação dos usuários com o desenvolvimento de serviços de informação. A chave da utilização é a participação de usuários finais no processo, permitindo entender como eles categorizam as informações disponíveis num processo de busca, identificando qual terminologia é a mais usual, qual pode gerar confusões e que termos são mais difíceis de categorizar. Esta técnica pode ser utilizada em arquitetura da informação na definição de estruturas de web sites ou a criação de taxonomias e tesauros. É um método extremamente simples e barato, de grande flexibilidade, que permite uma grande interação entre bibliotecários e seu público. Existem duas formas básicas de Card Sorting a ‘aberta’ onde o usuário participa ativamente na sugestão do vocabulário e a ‘fechada’ onde é definida uma estrutura hierárquica lógica utilizando termos pré-definidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Mauricio Marques de Faria

Formado em biblioteconomia pela UFF e música pela UFRJ é mestrando do programa de História das Ciências e das Técnicas e Epistemologia da UFRJ. Trabalha na área de inteligência do Gabinete da Presidência/Segurança Empresarial da Petrobras.

Referências

DAVIES, Rick. Hierarchical card sorting: a tool for qualitative research. Disponível em: http://www.mande.co.uk/docs/hierarch.htm. Acesso em: 21/12/2007.

DODEBEI, Vera Lucia. Construindo o conceito de documento. In: LEMOS, Maria Teresa Toribio Brites; MORAES, Nilson Alves de (Orgs). Memória, identidade e representação. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2000. p.59-66.

GAFFNEY, Gerry. Card sorting. 2000. não paginado. Disponível em: < http://www.infodesign.com.au/usabilityresources/design/cardsorting.asp>. Acesso em: 21/12/2007.

MAURER, Donna; WARFEL, Todd. Card sorting: a definitive guide. 2004. não paginado. Disponível em: < http://www.boxesandarrows.com/view/card_sorting_a_definitive_guide>. Acesso em: 21/12/2007.

McGOVERN, Gerry. Information architecture: using card sorting for web classification design. 2002. não paginado. Disponível em: < http://www.gerrymcgovern.com/nt/2002/nt_2002_09_23_card_sorting.htm>. Acesso

em: 21/12/2007.

MORVILLE, Peter. Ambient findability. Sebastopol : O’Reilly, 2005. p.1-13.

RANGANATHAN, S.R. Prolegomena to library classification. Bombay: Asia Publish House, 1967. 640p.

ROBERTSON, James. Information design using card sorting. Step Two Designs, 2001. 12 p. (Intranet Design Series)

ROSENFELD, Louis; MORVILLE, Peter. Information architeture for the World Wide Web. Sebastopol: O’Reilly, 2002. p.76-242.

SINHA, Rashmi. Beyond cardsorting: free-listing methods to explore user categorizations. 2003. não paginado. Disponível em: < http://www.boxesandarrows.com/view/beyond_cardsorting_free_listing_methods_to_ex

plore_user_categorizations>. Acesso em: 21/12/2007.

Downloads

Publicado

2010-03-01

Como Citar

FARIA, M. M. de. Card Sorting: noções sobre a técnica para teste e desenvolvimento de categorizações e vocabulários. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, SP, v. 8, n. 1, p. 1–9, 2010. DOI: 10.20396/rdbci.v7i2.1953. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/1953. Acesso em: 3 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos