O programa de inclusão digital do Governo brasileiro: análise sob a perspectiva da interseção entre Ciência da Informação e interação humano computador

  • Calixto Silva Neto
  • José Oscar Fontanini de Carvalho
Palavras-chave: Disseminação da informação. Interação humano-computador. Inclusão digital. Sociedade da informação. Recuperação de informação. Software livre

Resumo

Apresenta uma análise do Programa de Inclusão Digital do Governo Brasileiro sob uma perspectiva resultante da intersecção entre as áreas da Ciência da Informação e da Interação Humano-Computador. Desenvolve os principais conceitos dos itens em questão. Discute a Interação Humano-Computador como componente do processo de disseminação e recuperação da informação por meio de computadores e promove uma aproximação entre a Área e a Ciência da Informação. Pesquisa, por meio de levantamento de dados e questionários aplicados em escolas de Ensino Fundamental, alguns dos resultados da aplicação do Programa de Inclusão Digital do Governo Brasileiro, visando subsidiar a análise desenvolvida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Calixto Silva Neto
Mestre em Ciência da Informação PUC – Campinas – 2006 Pós-Graduação Lato Sensu (420 h.) em Informática Universidade São Judas Tadeu – 1997. Administração de Empresas Centro Universitário Santana – 1981. Eletrônica Industrial Liceu Eduardo Prado – 1970. Ocupou cargos executivos durante 24 anos em empresas tais como: Olivetti do Brasil, Pitney Bowes, Sharp do Brasil, Sharp S.A., Facit do Brasil, People Computação (Sorocaba) Objetivo Sorocaba, ESAMC. Professor de Ensino Médio Técnico, Graduação e Pós-Graduação a 15 anos Atualmente é: Coordenador dos Laboratórios Acadêmicos de Informática do Objetivo e ESAMC Sorocaba Coordenador do Auditório ESAMC e Recursos Audiovisuais da ESAMC Sorocaba. Coordenador da disciplina Tecnologia da Informação da ESAMC, em nível Nacional. Professor da Graduação nos cursos de Administração de Empresas e de Comunicação das disciplinas: T.G.A., Comportamento Organizacional, Tecnologia da Informação e WorkShop Apresentação de Negócios. Professor do MBA ESAMC da disciplina Gestão da Informação Áreas de Domínio: Teoria Geral de Administração, Escolas de Administração, Empregabilidade, Grupos, Equipes, Comunicação Empresarial. Motivação para administradores: ciclo motivacional, personalidade, percepção, valores e atitudes. Tecnologia da Informação e Comunicação (hardware, software, comunicação, ERP, CRM, Sistemas, implantação de sistemas) Palavras-chaves: administração; motivação; tecnologia; comunicação empresarial; informática, sistemas de informação
José Oscar Fontanini de Carvalho
1997 - 2001 Doutorado em Engenharia Elétrica. Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil. Título: Soluções tecnológicas para viabilizar o acesso do deficiente visual à Educação a Distância no Ensino Superior, Ano de Obtenção: 2001. Orientador: Beatriz Máscia Daltrini . Palavras-chave: Educação Especial; Deficientes Visuais; Engenharia de Software; Ergonomia; Interação Humano-Computador; Educação a Distância. Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Engenharia de Software. Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Interação Humano Computador. Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Sistemas de Informação. Setores de atividade: Informática; Educação. 1993 - 1994 Mestrado em Engenharia Elétrica. Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil. Título: Referenciais para Projetistas e Usuários de Interfaces de Computadores Destinadas aos Deficientes Visuais, Ano de Obtenção: 1995. Orientador: Beatriz Mascia Daltrini. Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. Palavras-chave: Interação Humano-Computador; Deficientes Visuais; Engenharia de Software; Ergonomia; Acessibilidade. Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Engenharia de Software. Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Sistemas de Informação. Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Interação Humano Computador. Setores de atividade: Informática. 1976 - 1980 Graduação em Análise de Sistemas. Pontifícia Universidade Católica de Campinas, PUC-CAMPINAS, Brasil. 1972 - 1974 Curso técnico/profissionalizante em Técnico Em Eletrônica. Escola Salesiana São José, ETEC, Brasil. Atualmente é professor titular da Pontifícia Universidade Católica de Campinas, sem vículo empregatício da Universidade Estadual de Campinas, Sem vínculo empregatício do Associação Brasileira de Educação a Distância - Pólo Regional de Campinas e Sem vínculo empregatício da Rede de Instituições Católicas de Ensino Superior. Tem experiência na área de Ciência da Computação , com ênfase em Metodologia e Técnicas da Computação. Atuando principalmente nos seguintes temas: Educação Especial, Deficientes Visuais, Engenharia de Software, Ergonomia, Interação Humano-Computador e Educação a Distância. (http://lattes.cnpq.br/4036634283191761)

Referências

ACESSIBILIDADE, TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E INCLUSÃO DIGITAL – ATIID. Universidade de São Paulo – Faculdade de Saúde Pública. Inclusão Digital. Disponível em: < http://hygeia.fsp.usp.br/acessibilidade/index.html>. Acesso em: 7 set.

ALMEIDA, Rubens Queiroz. O leitor-navegador (II). In: SILVA, Ezequiel (Coord.). A leitura nos oceanos da internet. São Paulo: Cortez, 2003.

BARRETO, Aldo A. Transferência da informação para o conhecimento. In: AQUINO, Mirian (Org.). O campo da ciência da informação – gênese, conexões e especificidades. João Pessoa: Editora Universitária/UFPB, 2002.

CARVALHO, José Oscar F. Referenciais para projetistas e usuários de interfaces de computadores destinadas aos deficientes visuais. 1994. Dissertação (Mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1994.

CARVALHO, José Oscar F. O papel da interação humano-computador na inclusão digital. In: Revista Transinformação. Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, v.15, n.3, ed.

espec., p. 75-89, set./dez. 2003. (ISSN 0103-3786). Fundação pelo Software Livre. O sistema operacional GNU. Disponível em:

<http://www.gnu.org/home.pt.html>. Acesso em: 8 set. 2006.

FUNDAP – Fundação do Desenvolvimento Administrativo do Estado de São Paulo. Revista Eletrônica. Governos testam possibilidades do software livre. Ano 2, n.5, jul. 2005. Disponível em: < http://www.revista.fundap.sp.gov.br/revista4/paginas/4governo-eletronico.htm>. Acesso em: 8 set. 2006.

Governo Eletrônico. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Projeto Computadores para Inclusão. Disponível em: <http://www. governoeletronico.gov.br/governoeletronico/publicacao/noticia.wsp?tmp.noticia=240&tmp.area=12&wi.redirect=6ROGTO5GN6>. Acesso em: 8 set. 2006.

HOUAISS, Antonio. Dicionário eletrônico Houaiss da língua portuguesa. Versão 1.0. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001. CD-ROM.

IMA. Informática de Municípios Associados S/A. Disponível em: < http://www.ima.sp.gov.br/index.php?go_to_page=pg_institucional>. Acesso em: 8 out. 2006.

LAUDON, Kenneth C.; LAUDON, Jane P. Sistemas de informação gerenciais. 5. ed. São Paulo: Prentice Hall, 2004.

LE COADIC, Yves-François. A ciência da informação. Brasília: Briquet de Lemos Livros, 1996.

LÉVY, Pierre. O que é o virtual. São Paulo: Editora 34, 1996.

MCT – Ministério da Ciência e Tecnologia. Sobre a inclusão digital. Disponível em: < http://www.mct.gov.br/index.php/content/view/9751.html#>. Acesso em: 7 set. 2006.

MICROSOFT. Pacote “Office”. Disponível em: http://www.microsoft.com/brasil/pequenasempresas/products/officesbe/default.mspx . Acesso em: 08 out. de 2006.

Ministério da Fazenda. Projeto Cidadão Conectado – Computador para Todos. Disponível em: < http://www.computadorparatodos.gov.br/>. Acesso em: 8 set. 2006.

NIELSEN, Jakob. Projetando Websites – Designing Web Usability. Rio de Janeiro: Campus, 2000.

NOVO, Lorival de Campos. Considerações acerca da informática na atitude humana: o computador e a Internet como ferramenta do ser humano. In: FARAH, Rosa M. (Org). Psicologia e informática: o ser humano diante das novas tecnologias / NPPI – Núcleo de Pesquisas em Psicologia e Informática. São Paulo: Oficina do Livro Editora, 2004.

OPENOFFICE. Pacote de Aplicativos. Disponível em: < http://www.broffice.org/produto>. Acesso em: 8 out. 2006.

PRATES, Raquel Oliveira; BARBOSA, Simone D. Junqueira. Avaliação de interfaces de usuário – conceitos e métodos. CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE COMPUTAÇÃO, 23., 2003, Campinas. Anais... Campinas, 2003.

ROCHA, Heloisa V.; BARANAUSKAS, Maria Cecília C. Design e avaliação de interfaces humano-computador. Campinas: NIED/UNICAMP, 2003.

SILVEIRA, Sérgio Amadeu. Inclusão digital, software livre e globalização contra-hegemônica. Disponível em: < http://www.softwarelivre.gov.br/softwarelivre/artigos/artigo_02>. Acesso em: 8 set. 2006.

TAKAHASHI, Tadao (Org.). Sociedade da Informação no Brasil - livro verde. Brasília: Ministério da Ciência e Tecnologia, 2000.

Publicado
2008-02-13
Como Citar
Silva Neto, C., & Carvalho, J. O. F. de. (2008). O programa de inclusão digital do Governo brasileiro: análise sob a perspectiva da interseção entre Ciência da Informação e interação humano computador. RDBCI: Revista Digital De Biblioteconomia E Ciência Da Informação, 6(1), 25-52. https://doi.org/10.20396/rdbci.v5i2.2011
Seção
Artigos