Frame de temas potenciais de pesquisa em Ciência da Informação

  • Rinalda Francesca Riecken Universidade de Brasília
Palavras-chave: Ciência da informação. Ciências sociais. Epistemologia

Resumo

Elabora uma proposta de estrutura sistemática das principais teorias de base, autores e linhas de pesquisas potenciais relacionados à resolução de problemas conceituais ou aplicados da Ciência da Informação (CI) com base na literatura, organizado sob os diferentes eixos que lhe deram origem. O presente artigo, ao estruturar um quadro didático preliminar, o qual pode vir a ser aprimorado, busca estimular que sejam desenvolvidos estudos e pesquisas, ampliando-se o número de autores e de produtos da área, com maior objetividade pelo direcionamento dos esforços nos inúmeros problemas que se deseja resolver.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Rinalda Francesca Riecken, Universidade de Brasília
Doutoranda em Ciência da Informação pela Universidade de Brasília (ingresso 2004) Mestre em Gestão do Conhecimento e Tecnologia da Informação pela Universidade Católica de Brasília (2002). Pós-graduação em Análise de Sistemas pela CTIS (1990). Bacharel em Economia pela Universidade de Brasília. Coordenadora de Sistemas de Informações da SFC/MF (1995-1999). Coordenadora Geral de Modernização e Informática da Funasa/MS (1999-2002). Consultora no Ministério da Previdência Social para assuntos de tecnologia de informação (2003-2005. Áreas de interesse: governo eletrônico, tecnologia de informação e comunicação.

Referências

AMARAL, S. A. Marketing da informação eletrônica. Ciência da Informação, Brasília, v.23, n. 2, maio/ago. 1994.

ARAUJO, C. A. A. A ciência da informação como ciência social. Ciência da Informação, Brasília, v. 32, n. 3, set./dez. 2003.

BATES, M. J. The invisible substrate of information science. Journal of American Society of Information Science, v. 50, n. 12, 1999.

BORGMAN, C. A premissa e a promessa de uma infra-estrutura global de informação. Revista de Biblioteconomia de Brasília, v. 25, n. 1, jan./jun. 2001.

CASH, J. I. Corporate information systems management: the issues facing senior executives. 4. ed. Rio de Janeiro: McGraw-Hill Education, 1996.

CASTELS, M. A sociedade em rede: a era da informação: economia, sociedade e cultura. São Paulo: Paz e Terra, 2000.

CUNHA, M. B. (Líder de Grupo de Pesquisa). Disponível em: http://www.cid.unb.br, opção , . Acesso em: 04 dez. 2005.

DAVENPORT, T. Ecologia da informação. 3. ed. São Paulo: Futura, 2000.

HAGUETTE, T. M. F. Metodologias qualitativas na sociologia. 4. ed. Petrópolis: Vozes, 1995.

HAHN, T. B. What has information science contributed to de the world? Tema de abertura de fórum de discussão, publicado no Boletim da American Society for Information Science and Technology - ASIS&T, abr./maio 2003. Disponível em: < http://www.libsci.sc.edu/bob/IS%20Contributions/IScontributeIntro2.htm>. Acesso em: 26 dez. 2005.

LIMA, R. C. M. Marketing de produtos de informação. Ciência da Informação, Brasília v. 23, n. 3, p. 373-376, set./dez. 1994.

LIMA-MARQUES, M. Apontamentos de sala, na disciplina Tópicos Especiais em CI – Arquitetura da Informação, ministrada pelo Professor Mamede Lima-Marques no Departamento de Ciência da Informação e Documentação da UnB, Brasília, 2004.

________. Arquitetura de um sistema de informação. Trabalho apresentado no Departamento de Informática, Universidade Federal de Uberlândia, 2000.

MACIAS-CHAPULA, C. A. The role of informetrics and scientometrics in the national and international perspective. Ciência da Informação, 1998, v. 27, n. 2. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-19651998000200005&lng=en&nrm=iso >. Acesso em: 04 dez. 2005.

MIRANDA, A. L. C. Sociedade da informação: globalização, identidade cultural e conteúdos. Ciência da Informação, Brasília, v. 29, n. 2, maio/ago. 2000.

Publicado
2006-03-16
Como Citar
Riecken, R. F. (2006). Frame de temas potenciais de pesquisa em Ciência da Informação. RDBCI: Revista Digital De Biblioteconomia E Ciência Da Informação, 4(1), 43-63. https://doi.org/10.20396/rdbci.v3i2.2044
Seção
Artigos