Implantação do Programa 5S para a conquista de um ambiente de qualidade na biblioteca do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo

Maria Alice de França Rangel Rebello

Resumo


O trabalho relata a experiência da aplicação da metodologia do Programa 5S no Serviço de Biblioteca e Documentação Científica do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo (SBDC-HU/USP) como ferramenta para implantação de um programa de qualidade. São descritas as estratégias utilizadas para a aplicação dos cinco sensos, que visam promover a alteração do comportamento das pessoas e transformar o ambiente das organizações. A implantação do Programa no SBDC-HU/USP proporcionou uma reorganização na Biblioteca, provocando uma mudança no ambiente físico, nas questões organizacionais, ajudando a melhorar a auto-estima do pessoal e auxiliando o relacionamento entre os setores do hospital. As ações implementadas apresentaram resultados efetivos, tais como: ambientes mais limpos e organizados, combate ao desperdício, motivação, flexibilização nas relações entre o chefe e a equipe, espírito de equipe, elevação do moral dos funcionários e maior comprometimento com a instituição. Percebeu-se que a mobilização de todos se deu mais pelo prazer do que pelo dever, resultando em um ambiente de qualidade com gestão participativa.

Palavras-chave


Programa 5S. Gestão da qualidade. Programa da qualidade

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Saúde. Vade-mécum da acreditação hospitalar brasileira. Brasília, 1999.

BRITTO, M. de F. P. de; ROTTA,. C. S. G. A implantação do Programa 5S num hospital geral privado do interior do Estado de São Paulo como ferramenta para a melhoria da qualidade. RAS, São Paulo, v. 3, n. 11, p. 9-13, 2001.

CALEGARE, A. J. de A. Os mandamentos da Qualidade Total. 3. ed. Barueri: Inter-Qual International Quality Systems, 1999.

INSTITUTO ANTONIO HOUAISS. Dicionário eletrônico da língua portuguesa 1.0. Rio de Janeiro, 2001. 1 CD-ROM.

LONGO, R. M. J.; VERGUEIRO, W. Gestão da qualidade em serviços de informação no setos público: características e dificuldades para sua implantação. Rev. Dig. Bibliotecon. Ci. Inf., Campinas, v.1., n.1, p. 39-59, 2003.

REBELATO, M. G. A qualidade em serviços: uma revisão analítica e uma proposta gerencial. 1995. 148 p. Dissertação (Mestrado) – Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo, São Carlos, 1995.

REBELLO, M. A de F. R. Avaliação da qualidade dos produtos/serviços de informação: uma experiência da Biblioteca do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. Rev. Dig. Bibliotecon. Ci. Inf., Campinas, v. 2, n. 1, p. 80-100, 2004. Disponível em: < http://server01.bc.unicamp.br/revbib/sumario.php?vol=2&num=1&mes=jul./dez.&edit=3&ano=2004>. Acesso em: 22 set. 2004.

SEBRAE. D-Olho na qualidade. São Paulo, 2000. 1 videocassete (60min), VHS, son., color. UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO. Reitoria. Comissão de Gestão da Qualidade e produtividade da USP. Programa de qualidade e produtividade na Reitoria. Disponível em: < http://adm2.recad.uspnet.usp.br/codage//quali/unidades.html>. Acesso em 19 nov. 2003.




DOI: https://doi.org/10.20396/rdbci.v3i1.2059

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2005 RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

(c) RDBCI: Rev. Digit. Bibliotecon. e Cienc. Inf. / RDBCI : Digit. J. Libr. and Inf. Sci., Campinas (SP) - ISSN 1678-765X.