Obstáculos para expansão do uso dos e-books na sociedade brasileira

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rdbci.v14i2.8642942

Palavras-chave:

E-books. Livros digitais. Bibliotecas universitárias

Resumo

As bibliotecas universitárias participam da transformação nos processos de gestão da informação impulsionados pelos avanços tecnológicos. As mudanças na forma de produzir, comercializar, acessar e difundir o conhecimento humano provoca nas bibliotecas a necessidade de se adaptarem as mutações do mercado editorial. Nesse contexto, surgem obstáculos para o gerenciamento dos livros digitais. O presente estudo enfoca os problemas enfrentados pelas unidades de informação na seleção, aquisição, gestão e formação de acervos dos e-books. Considerando que os recursos digitais compreendem uma gama de questões especificas que necessitam de estudos para proporcionar facilidades na aquisição, gerenciamento, difusão e acesso. Esta pesquisa objetiva apresentar um diagnóstico dos obstáculos enfrentados para expansão do uso dos e-books, busca-se democratizar seu acesso, bem como, simplificar os processos que envolvem a administração de coleções; a redução dos recursos financeiros e humanos utilizados pelas bibliotecas; o aumento da competitividade do mercado editorial; a maximização do acesso, da acessibilidade e o aperfeiçoamento dos produtos e serviços oferecidos para a comunidade acadêmica. Nesse sentido, este trabalho representa uma pesquisa relevante para os profissionais da Biblioteconomia e da Ciência da Informação. A metodologia aplicada foi a revisão de literatura acerca do tema nos campos das Ciências da Informação, mais especificamente, da Biblioteconomia. Os resultados obtidos possibilitaram o mapeamento dos obstáculos encontrados na gestão dos e-books.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Robson Dias Martins, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Mestre em Biblioteconomia - UNIRIO

Especialista em Gestão e Produção Cultural - UNESA

Graduado em Biblioteconomia - UNIRIO

Referências

ALONSO ARÉVALO, Júlio; CORDÓN GARCIA, José. El libro electrónico y los DRM. Anuário ThinkEPI, 2010.

BARROS, Moreno. Bibliotecário e e-books. Revista Biblio Cultura Informacional, 2013. Disponível em: <http://biblioo.info/bibliotecarios-e-ebooks/>. Acesso em: 15 jun. 2015.

BONEZI, Luciane Adami. Usabilidade dos livros eletrônicos: um estudo de caso com os alunos do curso de Biblioteconomia da UDESC. Florianópolis, 2007. 75 p. Monografia. (Bacharel em Biblioteconomia) - Habilitação em Gestão da Informação , UDESC, Santa Catarina, 2007.

CUNHA, Murilo Bastos da. Desafios na construção de uma biblioteca digital. Ci. Inf., Brasília, v. 28, n. 3, p. 257-268, set./dez. 1999

DINIZ, Eduardo. Governo digital na América Latina, 2002. Disponível em: . Acesso em: 08 mar. 2016.

DUARTE, Adriana Bogliolo Siri. Livro eletrônico : pesquisa com bibliotecários, 2007. Disponível em: < http://bogliolo.eci.ufmg.br/downloads/TGI061%20aula%205.pdf>. Acesso em: 04 mar. 2016.

DZIEKANIAK, Gisele Vasconcelos. Considerações sobre o e-book: do hipertexto à preservação digital. Biblos: Revista do Instituto de Ciências Humanas e da Informação, n. 2, v. 1, p. 83-99, 2010.

GRIGSON, Anna. An introduction to e-book business models and suppliers. In: PRICE, Kate; HAVERGAL, Virgina (Ed.). E-books in libraries: a practical guide. London: Facet, 2011. p. 19-36.

IANZEN, Adriana; PINTO, José Simão de Paula.; WILDAUR Egon Walter. Os sistemas de proteção de direito digital (DRM): tecnologias e tendências para e-books. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, v. 18, n. 36, p.203-230, jan./abr., 2013.

IDEC; CENTRO DE TECNOLOGIA E SOCIEDADE; FGV DIREITO RIO. Campanha Restrições Tecnológicas: você paga e leva menos. 2007. Disponível em: http://www.idec.org.br/em-acao/em-foco/restricoes-tecnologicas-voce-paga-e-leva-menos. Acesso em: 27 out. 2015.

IFLA. IFLA principles for library e-lending. In: IFLA WORLD LIBRARY AND INFORMATION CONGRESS: IFLA General Conference and Assembly, 79., Singapura. Anais... Singapura: 2013.

LIMA, Graziela dos Santos; FELDMAN, Daniele.; JULIANI, Jordan Paulesky. Os e-books nas bibliotecas universitárias federais do brasil. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, v. 20, n. 2, p. 313-320, 2015. Disponível em: <http://basessibi.c3sl.ufpr.br/brapci/v/17774>. Acesso em: 05 Jun. 2016.

MARREIROS, Luiz. Gestão de direitos digitais, 2007. Disponível em: <http://www.apdsi.pt/uploads/news/id145/gest%C3%A3o%20direitos%20digitais_2053_20070628.pdf>. Acesso em: 28 set. 2015.

MARTINS, Robson Dias. Proposta teórica de criação de plataforma de gerenciamento de e-books. 2015. 124f. Dissertação. (Mestrado profissional em Biblioteconomia) – Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2015.

MARTINS, Robson Dias; SCAVARDA, Annibal. Ebooks supply chain : uma análise de processos no desenvolvimento de coleções. Bussiness Management Review (BMR), v. 4, p.168-178, 2015.

MELO, Gustavo. Desafios para o setor editorial brasileiro de livros na era digital. BNDES Setorial, Rio de Janeiro, v. 36, n. 00, p.429-473, set. 2012.

PINHEIRO, Patrícia Peck.; SLEIMAN, Cristina. Tudo o que você precisa saber sobre direito digital no dia a dia. São Paulo: Saraiva, 2009.

PONTES, Samantha. Modelo de contratos para aquisição e/ou assinatura de publicações eletrônicas. In: Reunião técnica do Grupo de profissionais em Informação e Documentação Jurídica do Rio de Janeiro, 1, 2015. Disponível em: <http://gidjrj.com.br/wp-content/uploads/2015/08/Reuni%C3%A3o-T%C3%A9cnica-2015-Modelos-de-Contratos-por-Samantha-Pontes.pdf>. Acesso em: 01 jul. 2016.

PROCÓPIO, Ednei. A revolução dos e-books: a indústria dos livros da era digital. São Paulo: SENAI-SP, 2013.

RAO, Siriginidi Subba. Eletronic Books: a review and evaluation. Library Hi Tech, v. 21, n. 1, p. 85- 93. 2003.

RODRIGUES, Charles et al. E-books didáticos nos ambientes de aprendizagem em rede. Revista da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da UFRGS v. 21, n. 1, Jan./Abr. 2015.

SILVA, Ronaldo Alves da. E-books em bibliotecas: novos desafios para os bibliotecários, 2013. Disponível em: < https://portal.febab.org.br/anais/article/download/1398/1399>. Acesso em: 20 maio 2016.

SCALCO, Lucia Mury. Máquinas, conexões e saberes: as práticas de “inclusão digital” em famílias de grupos populares. 2012. 260f. Tese. (Doutorado em Antropologia Social). Universidade do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012.

VENTURA, Glaucia. A aventura do livros: vantagens e desvantagens de sua viagem pelo meio eletrônico, 2000. Disponível em: < http://www.ccuec.unicamp.br/revista/infotec/artigos/glaucia.html>. Acesso em: 3 mar. 2016.

VERGUEIRO, Waldomiro. O futuro das bibliotecas e o desenvolvimento de coleções: perspectivas de atuação para uma realidade em efervescência. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 2, n. 1, p. 93-107, jan./jun. 1997.

WHITE, G. W.; CRAWFORD, G. A. Developing an electronic information resources collection development policy.Asian Libraries, Bingley.UK, v. 6, n. 1/2, p. 51-56, jan. 1997. Disponível em: <http://www.emeraldinsight.com/journals.htm? articleid=861022&show=abstract>. Acesso em: 20 jan. 2015.

Downloads

Publicado

2016-05-31

Como Citar

MARTINS, R. D. Obstáculos para expansão do uso dos e-books na sociedade brasileira. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, SP, v. 14, n. 2, p. 279–297, 2016. DOI: 10.20396/rdbci.v14i2.8642942. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/8642942. Acesso em: 19 out. 2021.