Descrição arquivística, records in contexts (RiC) e access to memory (AtoM)

análise exploratória da literatura científica

Palavras-chave: Descrição arquivística. Automação de arquivo. Arquivologia. Documento arquivístico. Normas de descrição arquivística.

Resumo

As possibilidades advindas da ampliação dos recursos tecnológicos tem contribuído para a reconfiguração dos sistemas de informação e das formas de representação e acessos aos recursos informacionais. Com a descrição arquivística a conformação tem ocorrido, além dos mecanismos computacionais e de aplicações de softwares, com a proposição do modelo conceitual internacional de descrição arquivística, identificado como Records in Contexts (RiC). Assim, o questionamento central desta pesquisa centra-se em compreender qual o cenário da literatura científica sobre a descrição arquivística, o modelo conceitual internacional de descrição arquivística, identificado como Records in Contextx (RiC), proposto pelo International Council on Archives (ICA), e o software de aplicação de descrição arquivística, denominado AtoM, cujo desenvolvimento inicial também se deu pelo ICA. A pesquisa, com abordagem qualitativa, faz uso, também da abordagem quantitativa, haja vista a necessidade de se identificar quais são os destaques nos resultados da pesquisa. De natureza aplicada busca objetivos exploratórios e faz uso da pesquisa bibliográfica e documental para o alcance dos resultados. Para a análise dos dados coletados fez-se uso de gráficos, tabelas, nuvens de tags e de conteúdo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Humberto Antônio Ribas Moraes, Universidade Federal de São Carlos
Discente no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de São Carlos.
Zaira Regina Zafalon, Universidade Federal de São Carlos
Docente no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de São Carlos.
Thais de Brito Barroso, Universidade Federal de São Carlos
Bacharel em Biblioteconomia e Ciência da Informação pela  Universidade Federal de São Carlos.

Referências

FLORES, Daniel. Os Repositórios Arquivísticos Digitais. Ciência da Informação, v. 42, n. 1, 2013.

FLORES, Daniel; HEDLUND, Dhion Carlos. Análise e aplicação do ICA-AtoM como ferramenta para descrição e acesso ao Patrimônio Documental e Histórico do município de Santa Maria – RS. Informação & Informação, Londrina, v. 19, n. 3, p. 86-106, set./dez. 2014.

FONSECA, M. O. Arquivologia e Ciência da Informação. Rio de Janeiro: FGV, 2005.

GAGO, A. B. The importance of archival authority records in family archives: the Almada e Lencastre Bastos archive - a practical case. Boletim do Arquivo Da Universidade de Coimbra, Coimbra, v. 30, 2017.

GUERRINI, Mauro; POSSEMATO, Tiziana. Linked data: a new alphabet for the semantic web. JLIS.it, v. 4, n. 1, p. 67-90, jan. 2013.

HAWKINS, Les. The Semantic Web and the BIBFRAME Initiative. Serials Review, v. 41, n. 2, p. 106-107, jun. 2015.

HAWKINS, Les. Update on the CONSER BIBFRAME Task Group. Serials Review, v. 43, n. 1, p. 39-40, fev. 2017.

HAWKINS, Les. Updates on Program for Cooperative Cataloging (PCC) Linked Data Task Groups. Serials Review, v. 42, n. 2, p. 129-130, jun. 2016.

HEDLUND, Dhion Carlos. O patrimônio fotográfico de Santa Maria em ambiente digital. 2014. 221 f. Dissertação (Mestrado em Patrimônio Cultural)– Centro de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS, 2014.

HEDLUND, Dhion Carlos; FLORES, Daniel. Análise e aplicação do ICA-AtoM como ferramenta para descrição e acesso às informações do Patrimônio Documental e Histórico do município de Santa Maria – RS. Informação Arquivística, v. 3, n. 1, p. 24-41, 2014.

INTERNATIONAL COUNCIL ON ARCHIVES. ISAD(G): Norma geral internacional de descrição arquivística. 2. ed. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2000. Disponível em: https://www.ica.org/sites/default/files/CBPS_2000_Guidelines_ISAD%28G%29_Second-edition_PT.pdf. Acesso em: 30 maio 2017.

INTERNATIONAL COUNCIL ON ARCHIVES. Records in Contexts: a conceptual model for archival description. Consultation Draft v0.1. Sept. 2016. Disponível em: https://www.ica.org/sites/default/files/RiC-CM-0.1.pdf. Acesso em: 30 maio 2017.

IZADI, A.; NAKHODA, M. Archival standards in archival open access software and offering appropriate software for internal archival centers. Iranian Journal of Information Processing Management, v. 32, n. 1, p. 151-174, 2016.

JEFFERY, David; WUSTEMAN, Judith. OJAX++: demonstrating the next generation of virtual research environments. The Electronic Library, v. 30, n. 1, p. 134-145, 2012.

KARUNARATHNE, W. K. S.; WIMALARATHNE, S. P. Enhancing security of ICA-AtoM: The web based Archival Description Software. IN: 1st INTERNATIONAL CONFERENCE ON COMPUTATIONAL SYSTEMS AND COMMUNICATIONS (ICCSC), 1., 2014, Trivandrum, India. Anais... Trivandrum: IEEE, 2014. p. 236-241.

LIMA, Eliseu dos Santos; FLORES, Daniel. A utilização do Ica-Atom como plataforma de acesso, difusão e descrição dos documentos arquivísticos de instituições públicas. Informação & Informação, Londrina, v. 21, n. 3, p. 207-227, set./dez. 2016.

LLANES PADRÓN, D. La descripción archivística en los tiempos posmodernos: conceptos, principios y normas. Marília: Oficina Universitária; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2016.

LLANES-PADRON, D.; MORO-CABERO, M. Records in contexts: A new model for the representation of archival information in semantic web scenarios. El Profesional de la información, v. 26, n. 3, p. 525-534, maio/jun. 2017.

LLANES-PADRON, D; PASTOR-SANCHEZ, J. A. Records in contexts: the road of archives to semantic interoperability. Program: Program-Electronic Library and Information Systems, v. 51, n. 4, p. 387-405, 2017.

MOREIRO, J. A. et al. Free software evaluation for administrative archives management. El Profesional de la información, v. 20, n. 2, p. 206-2013, mar./abr. 2011.

PERUGINELLI, S. et al. RDA and archives: The search for a bridge between different domains. JLIS.it, v. 9, n. 1, p. 137-147, jan. 2018.

PISANSKI, Jan; ŽUMER, Maja. Funkcionalne Zahteve za Bibliografske Zapise (FZBZ): analiza uporabnosti konceptualnega modela bibliografskega sveta. Knjiznica, v. 53, n. 1/2, p. 61-76, 2009.

PISANSKI, Jan; ŽUMER, Maja. User verification of the FRBR conceptual model. Journal of Documentation, v. 68, n. 4, p. 582-592, 2012.

RIVA, Pat. Introducing the Functional Requirements for Bibliographic Records and Related IFLA Developments. Bulletin of the American Society for Information Science & Technology, v. 33, n. 6, p. 7-11, ago./set. 2007.

RIVA, Pat. On the new conceptual model of the bibliographic universe: the FRBR Library Reference Model. AIB Studi, v. 56, n. 2, maio/ago. 2016.

RIVA, Pat; BELLEMARE, Nathalie. Les FRBR pour les nuls. Argus, Montreal, Quebec, v. 38, n. 2, out. 2009.

RIVA, Pat; OLIVER, Chris. Evaluation of RDA as an Implementation of FRBR and FRAD. Cataloging & Classification Quarterly, v. 50, n. 5/7, p. 564-586, mar. 2012.

SALABA, Athena; ZHANG, Yin. Functional requirements for bibliographic records: from a Conceptual Model to Application and System Development. Bulletin of the American Society for Information Science & Technology, v. 33, n. 6, p. 17-23, ago./set. 2007.

SANTOS, Andrea Gonçalves dos. Descrevendo o patrimônio documental da FURG: Faculdade de Direito Clovis Bevilaqua (1959-1972). 2012. 273 f. Dissertação (Mestrado em Patrimônio Cultural)– Centro de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS, 2012.

STRUBULIS, C.; FLOURIS, G. TZITZIKAS, Y.; DOERR, M. A case study on propagating and updating provenance information using the CIDOC CRM. International Journal on Digital Libraries, v. 15, n. 1, p. 27-51, nov. 2014.

TANIGUCHI, Shoichi. Automatic Identification of "Works" toward Construction of FRBRized OPACs: An Experiment on JAPAN/MARC Bibliographic Records. Library & Information Science, n. 61, p. 119-151, 2009.

TANIGUCHI, Shoichi. Examining BIBFRAME 2.0 from the Viewpoint of RDA Metadata Schema. Cataloging & Classification Quarterly, v. 55, n. 6, p. 387-412, abr. 2017a.

TANIGUCHI, Shoichi. Is BIBFRAME 2.0 a Suitable Schema for Exchanging and Sharing Diverse Descriptive Metadata about Bibliographic Resources? Cataloging & Classification Quarterly, v. 56, n. 1, p. 40-61, set. 2018.

TANIGUCHI, Shoichi. What Does Giving Primacy to a Certain Entity Cause in a Conceptual Model for Cataloging? Expression-Entity Dominant Model Revisited. Library Resources & Technical Services, v. 61, n. 4, out. 2017b.

WUSTEMAN, Judith. RSS: the latest feed. Library Hi Tech, v. 22, n. 4, p. 404-413, 2004.

WUSTEMAN, Judith. XML and e-journals: The state of play. Library Hi Tech, v. 21, n. 1, p. 21-33, 2003.

XAVIER, Jean Frederick Brito. O uso de metadados para a preservação digital no Arquivo da Marinha: a implementação do Software ICA-AToM. 2014. 124 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação)– Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Escola de Comunicação, Rio de Janeiro, 2014.

ZHANG, Yin; SALABA, Athena. Critical Issues and Challenges Facing FRBR Research and Practice. Bulletin of the American Society for Information Science & Technology, v. 33, n. 6, p. 30-31, ago./set. 2007a.

ZHANG, Yin; SALABA, Athena. Functional requirements for bibliographic records: Critical Issues and Challenges Facing FRBR Research and Practice. Bulletin of the American Society for Information Science & Technology, v. 33, n. 6, p. 30-31, ago./set. 2007b.

ZUMER, Maja. FRBR: The End of the Road or a New Beginning? Bulletin of the American Society for Information Science & Technology, v. 33, n. 6, p. 27-29, ago./set. 2007.

Publicado
2019-01-24
Como Citar
Moraes, H. A. R., Zafalon, Z. R., & Barroso, T. de B. (2019). Descrição arquivística, records in contexts (RiC) e access to memory (AtoM). RDBCI: Revista Digital De Biblioteconomia E Ciência Da Informação, 17, e019009. https://doi.org/10.20396/rdbci.v17i0.8652807
Seção
Artigos de Pesquisa