Desafios da sociedade da informação na recuperação e uso de informações em ambientes digitais

Palavras-chave: Informação, Fake news, Sociedade da informação

Resumo

Para a sociedade contemporânea, também conhecida como sociedade da informação, a informação é considerada como sendo o seu bem de maior valor. Porém, mesmo sendo o cerne dessa nova sociedade, o grande volume de informação desencadeia uma série problemas. A liberdade na comunicação, possível através do uso da internet e das redes sociais, associadas à ausência de hierarquia na produção e disseminação na internet potencializa o surgimento de uma inundação de informações que dificultam a capacidade de análise e crítica por parte dos seus usuários. Problemas como pós-verdade, fake-news e  desinformação se tornam cada vez mais comuns e despertam questionamentos referentes à qualidade dos integrantes dessa sociedade, uma vez que a formação de opinião sofre influência direta da qualidade das informações disponíveis na internet e nas redes sociais. Pensando nisso, se vê como oportuno a realização de uma pesquisa bibliográfica com a finalidade de mapear ações visando a identificação das fake-news no contexto da pós-verdade, bem como, combater a  sua produção e disseminação, pois no atual momento em que a sociedade da informação se encontra, percebe-se o surgimento de potenciais problemas relacionados ao grande volume de informações disponíveis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Samyr Santos Delfino, Universidade Federal da Paraíba

Doutorando no Programa de Pós Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal da Paraíba.

Júlio Afonso Sá de Pinho Neto, Universidade Federal da Paraíba

Doutorado em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro  e pós-doutorado em Ciência da Informação pela Faculdade de Comunicação e Documentação da Universidade de Murcia, Espanha.

Marckson Roberto Ferreira de Sousa, Universidade Federal da Paraíba

Doutor em Engenharia Elétrica na área de Processamento da Informação pela Universidade Federal da Paraíba.

Referências

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade líquida. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2001.
BRASIL. Lei Nº 12.965, de 23 de Abril de 2014. Marco civil da internet. Disponível em: . Acesso em fev. 2019.

BRASIL, Lei Nº 13.709, de 14 de Agosto de 2018. Lei geral de proteção aos dados. Disponível em Acesso em fev. 2019.

CASTELLS, Manuel. A era da informação: economia, sociedade e cultura. In: A Sociedade em rede, Rodrigo G. de Azevedo. São Paulo: Paz e Terra, 1999. v. 1.

CASTELLS, Manuel. Internet e sociedade em rede. In: MORAES, D. (Org.). Por uma
outra comunicação: mídia, mundialização cultural e poder. 3. ed. Rio de Janeiro:
Record, 2005.

FONTES, Gabriela Scroczynski, GOMES, Icléia Rodrigues de Lima Cibercidades: as tecnologias de comunicação e a reconfiguração de práticas sociais. Inf. & Inf., Londrina, v. 18, n. 2, p. 60 – 76, maio/ago. 2013.

HIGGINS, K.; Post-truth: a guide for the perplexed. Nature, Londres, v. 540, n.9. 2106. Disponível em: . Acesso em: 19 fev. 2019.

KEYES, R.; The Post-Truth ERA: dishonesty and deception in contemporary life. New York: St. Martin’s Press, 2004.

LE COADIC, Yves-François. A ciência da informação. Brasília: Briquet de Lemos, 2004.

LEITE, Leonardo Ripoll Tavares, MATOS, José Claudio Morelli. Zumbificação da informação: A desinformação e o caos informacional. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação – v. 13, n. esp. CBBD 2017.

MARTELETO, R. M.; Análise de redes sociais- aplicação nos estudos de transferências da informação. Ciência da Informação, Brasília, DF, v.30, n.1, p.71-81, 2001.

MONTEIRO A. F.; Comunicação hi-tech: digital e pós-verdade política. In: PENSACOM BRASIL – GT5 Comunicação e Política, 1, São Paulo - SP, 2016.

OLIVEIRA, C. B; Uma proposta de arquitetura da informação para o processo de inovação em centros de pesquisas. Tese (doutorado) - Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Informação, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Informação (PPGCINF) – Brasília, 2012.

OXFORD DICTIONARIES. Oxford dictionaries word of the year 2016. Londres, 2016. Disponível em: . Acesso em: 19 fev. 2019.

SILVA, Helena et al. Inclusão digital e educação para a competência informacional: uma questão de ética e cidadania. Ci. Inf., Brasília, v. 34, n. 1, p.28-36, jan./abr. 2005

SILVA, L. M.; LUCE, B.; FILHO, R. S.; Impacto da pós-verdade em fontes de informação para a saúde. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação – v. 13, n. esp. CBBD 2017.

Sociedade da informação no Brasil: livro verde / organizado por Tadao Takahashi. – Brasília: Ministério da Ciência e Tecnologia, 2000.

TOMAÉL, Maria Inês et al. Avaliação de fontes de informação na Internet: critérios de qualidade. Informação & Sociedade, João Pessoa, v.11, n. 2, p. 13-35, 2001.

VARELA, Aida. Informação e construção da cidadania. Brasília, DF: Thesaurus, 2007.

ZUCKERBERG, Mark. Conversation with Mark Zuckberg, 2016. Techonomy. Disponível em: http://techonomy.com/conf/te16/videos-conversationswith-2/in-conversation-with-mark-zuckerberg/. Acesso em 20 fev. 2019

WERTHEIN, Jorge. Ci. Inf., Brasília, v. 29, n. 2, p. 71-77, maio/ago. 2000
Publicado
2019-11-19
Como Citar
Delfino, S. S., Pinho Neto, J. A. S. de, & Sousa, M. R. F. de. (2019). Desafios da sociedade da informação na recuperação e uso de informações em ambientes digitais. RDBCI: Revista Digital De Biblioteconomia E Ciência Da Informação, 17, e019036. https://doi.org/10.20396/rdbci.v17i0.8655973