Os conceitos de informação, documento e regime de informação a partir da perspectiva frohmanniana na Ciência da Informação

uma revisão sistemática da literatura em periódicos brasileiros

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rdbci.v19i00.8662643

Palavras-chave:

Bernd Frohmann, Neodocumentalismo, Revisão sistemática da literatura, Ciência da informação

Resumo

Introdução: O presente trabalho propõe uma discussão sobre os estudos que abordam os conceitos de informação, documento e regime de informação, na perspectiva de Bernd Frohmann, no que diz respeito à sua materialidade, à institucionalidade, à historicidade e à agência documentária autônoma. A questão norteadora é: como os autores, no contexto da Ciência da Informação, discutem as abordagens baseadas nos estudos de Bernd Frohmann? Objetivo: Para tanto, objetiva-se identificar o enfoque e as concepções e características referentes aos conceitos de informação, documento e regime de informação, buscando compreender as manifestações e influências que esse autor traz às incursões teóricas na Ciência da Informação. Método: A pesquisa foi realizada em periódicos da Ciência da Informação Qualis A1 e A2, no período de 2009 a 2019, e optou-se pela Revisão Sistemática de Literatura. Resultados: Os resultados demonstram o enfoque nas noções de informação, documento e regime de informação em Frohmann nesses trabalhos para embasar concepções e características introduzidas pelos próprios autores do campo da Ciência da Informação no Brasil. Conclusão: Considera-se que os trabalhos analisados complementam e ampliam diversas temáticas e emergem com reflexões desde filosóficas passando pelo profissional da informação até as práticas informacionais circundadas pelas políticas de informação, tecnologia e poder.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Ana Flávia Dias Zammataro, Universidade Estadual de Londrina

Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação pela Universidade Estadual de Londrina. Editora adjunta da Scriba Soluções Editoriais.

Ana Cristina de Albuquerque, Universidade Estadual de Londrina

Doutora em Ciência da Informação pela Universidade Estadual de Londrina. Professora Adjunta do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina.

Referências

ARAÚJO, Carlos Alberto Ávila. Ciência da Informação como campo integrador para as áreas de Biblioteconomia, Arquivologia e Museologia. Informação & Informação, Londrina, v. 15, n. 1, 2010. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/informacao/article/view/4744. Acesso em: 9 out. 2020.

ARAÚJO, Carlos Alberto Ávila; BERTI, Ilemar. Christina Lansoni Wey. Pressupostos da Teoria ator–rede para os estudos das práticas informacionais. Informação & Sociedade, João Pessoa, v. 28, n. 2, p. 285-294, maio/ago. 2018. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/ies/article/view/38024. Acesso em: 23 abr. 2020.

ARBOIT, Aline Elis; BUFREM, Leilah Santiago; FRETIAS, Juliana Lazzaroto. Configuração epistemológica da Ciência da Informação na literatura periódica brasileira por meio de análise de citações (1972-2008). Perspect. Ciênc. Inf., Belo Horizonte, v. 15, n. 1, abr. 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-99362010000100003. Acesso em: 9 out. 2020.

BEZERRA, Arthur Coelho. Vigilância e cultura algorítmica no novo regime global de mediação da informação. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 22, n. 4, p. 68-81, out./dez. 2017. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1981-5344/2936. Acesso em: 23 abr. 2020.

BEZERRA, Emy Pôrto et al. Regime de informação: abordagens conceituais e aplicações práticas. Em Questão, Porto Alegre, v. 22, n. 2, p. 60-86, maio/ago. 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.19132/1808-5245222.60-86. Acesso em: 23 abr. 2020.

BRAMAN, S. The emergent global information policy regime. In: BRAMAN, S. (ed.). The emergent global information policy regime. Houndsmills, UK: Palgrave Macmillan, 2004.

BRINER, Rob; DENYER, David. Systematic review and evidence synthesis as a practice and scholarship tool. Handbook of Evidence-based Management, London: Companies, Classrooms and Research, 2012.

BOCCATO, Vera Regina Casari. O contexto sociocognitivo do indexador no processo de representação temática da informação. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, Florianópolis, v. 17, n. esp. 1, 2012. Disponível em: https://brapci.inf.br/index.php/res/v/31670. Acesso em: 9 out. 2020.

CAPURRO, Rafael. Epistemologia e Ciência da informação. Trad. CABRAL, Ana Maria Rezende et al. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 5., Belo Horizonte, 10 de novembro de 2003. Anais... Belo Horizonte: UFMG, 2003, 18 p. Disponível em: http://www.capurro.de/enancib_p.htm. Acesso em: 9 out. 2020.

CAVALCANTE, Lídia Eugenia et al. Documento e informação audiovisual: bases conceituais numa perspectiva neodocumentalista. Em Questão, Porto Alegre, v. 24, n. 2, p. 235-259, maio/ago. 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.19132/1808-5245242.235-259. Acesso em: 23 abr. 2020.

DAL’EVEDOVE, Paula Regina; FUJITA, Mariângela Spotti Lopes. A nova configuração do paradigma cognitivo na Ciência da Informação: contribuições ao processo de conhecer do profissional da informação. Informação & Informação, Londrina, v. 18, n. 1, jan./abr. 2013. Disponível em: https://urless.in/OrYrS. Acesso em: 9 out. 2020.

DELAIA, Claudia Regina; FREIRE, Isa Maria. Subsídios para uma política de gestão da informação da Embrapa Solos: à luz do regime de informação. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 15, n. 3, p. 107-130, set./dez. 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/pci/v15n3/07.pdf. Acesso em: 9 out. 2020.

DE-LA-TORRE-UGARTE-GUANILO, Mônica Cecilia; TAKAHASHI, Renata Ferreira; BERTOLOZZI, Maria Rita. Revisão sistemática: noções gerais. Rev. esc. enferm. USP, São Paulo, v. 45, n. 5, p. 1260-1266, out. 2011. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0080-62342011000500033. Acessos em: 31 out. 2020.

DENYER, David; TRANFIELD, David. Producing a systematic review. In: BUNCHANA, David; BRYMAN, Alan. (eds.). The SAGE handbook of organizational research methods. London: Sage Publications Ltd., 2009, p. 671-689.

DOSSE, François. O Império do sentido: a humanização das Ciências Humanas. São Paulo: Editora Unesp, 2018.

FERRANDO, Thays Lacerda; FREITAS, Lídia Silva de. Documento e dispositivo: entre Bernd Frohmann e Michel Foucault. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO (ENANCIB), 18., 2017, Marília. Anais [...] Marília: Unesp, 2017. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/105326. Acesso em: 23 abr. 2020.

FREIRE, Gustavo Henrique de Araújo; SERAFIM, Lucas Almeida. Regime de informação para o mapeamento das competências em informação na educação superior. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, Florianópolis, v. 9, n. 1, 2014. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/pbcib/article/view/19514. Acesso em: 9 out. 2020.

FREITAS, Lídia. O dispositivo de arquivo: a construção histórico-discursiva do documento e do fato. In: FREITAS, Lídia; MARCONDES, Carlos Henrique; RODRIGUES, Ana Célia. (org.). Documento: gênese e contextos de uso. Niterói: Ed. UFF, 2010. Disponível em: http://www.ci.uff.br/ppgci/index.php/2012-03-24-21-04-47. Acesso em: 23 abr. 2020.

FROHMAN, Bernd. A documentação rediviva: prolegômenos a uma (outra) filosofia da informação. Morpheus - Revista Eletrônica em Ciências Humanas, v. 9, n. 14, 2012. p. 227-249. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/index.php/morpheus/article/view/4828. Acesso em: 23 abr. 2020.

FROHMANN, Bernd. Documentation redux: prolegomenon to (another) philosophy of information. Library Trends, v. 52, n. 3, p. 387-407, 2004.

FROHMAN, Bernd. Multiplicity, materiality, and autonomous agency of documentation. 2007. Disponível em: https://urless.in/nRbjP. Acesso em: 23 abr. 2020.

FROHMAN, Bernd. O caráter social, material e público da informação. In: FUJITA, Mariângela Spotti; MARTELETO, Regina Maria; LARA, Marilda Lopes Ginez de. (org.). A dimensão epistemológica da informação e suas interfaces técnicas, políticas e institucionais nos processos de produção, acesso e disseminação da informação. 2006. Disponível em: https://urless.in/FuoA1. Acesso em: 23 abr. 2020.

FROHMANN, Bernd. Reference, representation, and the materiality of documents. In: COLÓQUIO CIENTÍFICO INTERNACIONAL DA REDE MUSSI. 2011. Anais... Toulouse: Université de Toulouse 3, 2011.

FROHMANN, B. Rules of indexing: a critique of mentalism in information retrieval theory. Journal of Documentation, London, 1990, v. 46, n. 2, p. 81-101.

FROHMAN, Bernd. Revisiting “what is document?”. Journal of documentation, v. 65, n. 2, p. 291-303, 2009. Disponível em: www.emeraldinsight.com/0022-0418.htm. Acesso em: 23 abr. 2020.

FROHMANN, Bernd. Taking information policy beyond information science: applying the actos network theory. In: ANNUAL CONFERENCE CANADIAN ASSOCIATION FOR INFORMATION SCIENCE, 23,1995, Edmonton, Alberta. Annals […] Edmonton, 1995. Disponível em: https://urless.in/Vwutc. Acesso em: 6 out. 2020.

FROHMAN, B. The power of images: a discourse analysis of the cognitive viewpoint. Journal of Documentation, v. 48, n. 4, p. 365-386, 1992.

FROHMANN, Bernd. The Role of Facts in Paul Otlet’s Modernist Project of Documentation. In: RAYWARD, W. B. (ed.). European modernism and the information society: informing the present, understanding the past. Aldershot, UK: Ashgate, 2008. p. 75-88.

FUKAHORI, Mitsuo André Vieira; PRESSER, Nadi Helena. Necessidades de informação: uma análise sociocognitiva na gestão acadêmica no contexto da regulação. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, Florianópolis, v. 17, n. 35, p. 27-46, 2012. Disponível em: https://brapci.inf.br/index.php/res/v/38672. Acesso em: 9 out. 2020.

GALVÃO, Taís Freire; PEREIRA, Mauricio Gomes. Revisões sistemáticas da literatura: passos para sua elaboração. Epidemiol. Serv. Saúde, Brasília, v. 23 n. 1, jan./mar. 2014. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5123/S1679-49742014000100018. Acesso em: 1 nov. 2020.

GOMES, Henriette Ferreira; SILVA, Jonathas Carvalho. Conceitos de informação na Ciência da Informação: percepções analíticas, proposições e categorizações, Inf. & Soc.:Est, João Pessoa, v. 25, n. 1, p. 145-157, jan./abr. 2015. Disponível em: https://urless.in/mA8Jz. Acesso em: 9 out. 2020.

GONZÁLEZ DE GÓMEZ, Maria. Nélida. Reflexões sobre a genealogia dos regimes de informação. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 29, n. 1, 2019. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/ies/article/view/44357. Acesso em 31 out. 2020.

HIGGINS, JULIAN; GREEN, SALLY (ed.). Cochrane handbook for systematic reviews ofinterventions. v. 5.1.0 [Atualizado em março 2011], The Cochrane Collaboration, 2011. Disponível em: www.handbook.cochrane.org. Acesso em: 31 out. 2020.

LARA, Marilda Lopes Ginez de; MOURA, Amanda Pacini de. Construir o edifício documentário: concepções de Paul Otlet para uma ciência e uma técnica dos documentos. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 17, n. 4, p. 2-17, out./dez. 2012. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/pci/v17n4/02.pdf. Acesso em: 9 out. 2020.

MARCONDES, Carlos. Henrique. Linguagem e documento: fundamentos evolutivos e culturais da Ciência da Informação. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 15, n. 2, 2010. Disponível em: http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/1019. Acesso em: 9 out. 2020.

MEDEIROS, Jackson da Silva. Compreensões sobre o dispositivo: da informação à via para profanação. Informação & Informação, Londrina, v. 22, n. 3, p. 158 – 177, set./out. 2017. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2017v22n3p158>. Acesso em: 23 abr. 2020.

ORTEGA, Cristina Dotta; SALDANHA, Gustavo Silva. A noção de documento desde Paul Otlet e as propostas neodocumentalistas. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO (ENANCIB), 18., 2017, Marília. Anais [...] Marília: Unesp, 2017. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/104362. Acesso em: 23 abr. 2020.

ORTEGA, Cristina Dotta; SALDANHA, Gustavo Silva. A noção de documento no espaço-tempo da Ciência da Informação: críticas e pragmáticas de um conceito. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 24, n. esp., p. 189-203, jan./mar. 2019. Disponível em: http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/3920/2242. Acesso em: 23 abr. 2020.

PIMENTA, Shirley Guimarães. Conceitos de informação e texto nas abordagens do ponto de vista cognitivo na Ciência da Informação e do processamento da informação na Psicologia Cognitiva – uma visão interdisciplinar. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, Florianópolis, v. 17, n. esp. 1, 2012. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/1518-2924.2012v17nesp1p40. Acesso em: 9 out. 2020.

SALDANHA, Gustavo Silva. O “fabuloso” antílope de Suzanne Briet: a análise e a crítica da análise neodocumentalista. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO (ENANCIB) 13., 2012, Rio de Janeiro. Anais [...] Rio de Janeiro: Fiocruz, 2012. Disponível em: https://urless.in/5tYxk. Acesso em: 23 abr. 2020.

SALDANHA, Gustavo Silva. Sobre a Bibliologia entre Peignot, Otlet e Estivals: vertentes de um longo discurso “metaepistemológico” da organização dos saberes. Informação & Sociedade, João Pessoa, v. 25, n. 2, set./dez. 2015. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/75. Acesso em: 9 out. 2020.

SALDANHA, Gustavo Silva. Um método entre a Filosofia da informação e a organização do conhecimento: Wittgenstein, epistemologia histórica e crítica da linguagem. Informação & Sociedade, João Pessoa, v. 28, n. 3, p. 81-94, set./dez. 2018. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/ies/article/view/38084/21803. Acesso em: 23 abr. 2020.

SAMPAIO, Rosana; MANCINI, Marisa Cotta. Estudos de revisão sistemática: um guia para síntese criteriosa da evidência científica. Rev. bras. Fisioter., São Carlos, v. 11 n. 1, 2007. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1413-35552007000100013. Acesso em: 1 nov. 2020.

Publicado

2021-04-06

Como Citar

ZAMMATARO, A. F. D.; ALBUQUERQUE, A. C. de. Os conceitos de informação, documento e regime de informação a partir da perspectiva frohmanniana na Ciência da Informação : uma revisão sistemática da literatura em periódicos brasileiros. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, SP, v. 19, n. 00, p. e021008, 2021. DOI: 10.20396/rdbci.v19i00.8662643. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/8662643. Acesso em: 28 set. 2021.