A representação temática da informação na Saúde Coletiva no contexto das palavras-chave

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rdbci.v19i00.8665241

Palavras-chave:

Saúde coletiva, Ciência da Informação, Representação temática da informação

Resumo

Introdução: Diante da quantidade de estudos que constituem um campo de conhecimento, indica-se a importância da representação informacional de suas temáticas e por conseguinte, a disseminação dos conhecimentos produzidos. Objetivos: Identificar as palavras-chave utilizadas em dissertações do campo da saúde coletiva, apresentar as mais empregadas e analisar o conteúdo temático que as constituem. Metodologia: Optou-se pela pesquisa bibliográfica, documental e descritiva, de natureza quantiqualitativa, fundamentada nos aportes teóricos e metodológicos da representação temática da informação, para identificar as palavras-chave dos noventa e um trabalhos de mestrado, aprovados pelo Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Universidade Estadual de Londrina no período de 2010 a 2020. Resultados: Dentre as palavras-chave mais empregadas - Atenção Primária à Saúde (APS), trata-se da mais recorrente. Conclusão: Ao identificar e analisar as palavras-chave, ratifica-se o compromisso do campo da saúde coletiva, em especial do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Universidade Estadual de Londrina, que prioriza a promoção, a prevenção e a proteção da saúde com vistas ao bem-estar da população. Destaca-se, o papel da Ciência da Informação, dos estudos relacionados à organização e a representação da informação, com vistas a recuperação e a socialização da informação científica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Sandra Regina Moitinho Lage, Universidade Estadual de Londrina

Doutoranda em Ciência da Informação pela Universidade Estadual de Londrina (Londrina, PR - Brasil).

Patricia Ofelia Pereira de Almeida, Universidade Estadual de Londrina

Mestre em Ciência da Informação pela Universidade Estadual de Londrina (Londrina, PR - Brasil).

Rosane Suely Alvares Lunardelli, Universidade Estadual de Londrina

Pós-Doutora em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba. Professora Associada do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina (Londrina, PR - Brasil).


CONTRIBUIÇÕES DOS AUTORES
Conceituação, Curadoria de Dados, Análise Formal, Aquisição de Financiamento, Investigação, Metodologia, Administração de Projetos, Recursos, Software, Supervisão, Validação, Visualização, Redação – rascunho original: LAGE, S.R.M.; ALMEIDA, P.P. de; LUNARDELLI, R.S.A.; Redação – revisão & edição: LAGE, S.R.M.; ALMEIDA, P.P. de; LUNARDELLI, R.S.A.

Referências

ALBUQUERQUE, Maria Elizabeth Baltar Carneiro; GAUDÊNCIO, Sale Mário; SANTOS, Raimunda Fernanda dos. Reflexões Teóricas em Representação da Informação. In: ALBUQUERQUE, Maria Elizabeth Baltar Carneiro; MARTINS, Gracy Kelli; MOTA, Denysson Axel Ribeiro. (Org.). Organização e Representação da Informação e do Conhecimento: intersecções teórico-sociais. João Pessoa: UFPB, 2019. p. 13-24.

ADATIHARA, Thiago Akira. Fatores de risco para a incidência de diabetes mellitus e prédiabetes em indivíduos de 40 anos ou mais: um estudo de coorte. 2018. 148 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina. Londrina, 2018.

Disponível em: http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/portal/pages/dissertacoesteses/dissertacoes/dissertacoes-a-partir-de-2012.php. Acesso em: 02 abr. 2021.

ARAÚJO JUNIOR, Rogério Henrique de; Precisão no processo de busca e recuperação da informação. Brasília: Thesaurus, 2007.

ATENÇÃO básica. FIOCRUZ. SUS de A a Z. In: Fundação Oswaldo Cruz. Disponível em: https://pensesus.fiocruz.br/atencao-basica. Acesso em: 11 jul. 2020.

BARRETO, Maurício L. A pesquisa em saúde coletiva no Brasil. Cadernos de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 19, n. 2, p. 354-355, mar./abr., 2003. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csp/v19n2/15400.pdf. Acesso em: 24 fev. 2020.

BARRETO, Aldo de Albuquerque. Uma quase história da ciência da informação. DataGramaZero: Revista de Ciência da Informação, Rio de Janeiro, v. 9, n. 2, p. 1-15, abr. 2008. Disponível em: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/162. Acesso em: 08 abr. 2021.

BELKIN, Nicholas J.; ROBERTSON, Stephen E. Information science and the phenomena of information. Journal of the American Society for Information Science, v. 27, n. 4, p. 197-204, 1976.

BORBA, Diego dos Santos; VAN DER LAAN, Regina Helena; CHINI, Bernadete Ros. Palavras-chave: convergências e diferenciações entre a linguagem natural e a terminologia. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 17, n. 2, p. 26-36, jun. 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-99362012000200003&lng=pt&nrm=iso. Acesso em 29 jun. 2020.

BRÄSCHER, Marisa; CAFÉ, Ligia Maria Arruda. Organização da informação ou organização do conhecimento? In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO - ENANCIB, 9., 2008, São Paulo. Anais eletrônicos [...] São Paulo: ANCIB, 2008. p. 1-14. Disponível em: http://enancib.ibict.br/index.php/enancib/ixenancib/paper/view/3016/2142. Acesso em: 20 fev. 2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. O que é Atenção Primária? Disponível em: https://aps.saude.gov.br/smp/smpoquee. Acesso em: 16 jul. 2020a.

BRASIL. Ministério da Saúde. Princípios do SUS. Disponível em: https://www.saude.gov.br/sistema-unico-de-saude/principios-do-sus. Acesso em: 15 jul. 2020b.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Acolhimento à demanda espontânea. Brasília: Ministério da Saúde, 2013. (Cadernos de Atenção Básica; n. 28, v. 2).

CAFÉ, Ligia Maria Arruda; SALES, Rodrigo de. Organização da informação: conceitos básicos e breve fundamentação teórica. In: ROBREDO, Jaime.; BRÄSCHER, Marisa. (org.). Passeios no bosque da informação: estudos sobre representação e organização da informação e do conhecimento. Brasília DF: IBICT, 2010. Cap. 6, p. 115-129. Disponível em: http://www.ibict.br/publicações/eroic.pdf. Acesso em: 01 fev.2020.

CINTRA, Anna Maria Marques; TÁLAMO, Maria de Fátima Gonçalves Moreira; LARA, Marilda Lopes Ginez de; KOBASHI, Nair Yumiko. Para entender as linguagens documentárias. 2. ed. São Paulo: Polis, 2002.

DIAS, Ana Luísa. Condutas alimentares e fatores associados em professores da Rede Estadual de Ensino de Londrina-PR. 2014. 165f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) – Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina. Londrina, 2014. Disponível http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/portal/pages/dissertacoesteses/dissertacoes/dissertacoes-a-partir-de-2012.php. Acesso em: 02 abr. 2021.

DIAS, Eduardo Wense; NAVES, Madalena Lopes. Análise de assunto: teoria e prática. 2. ed. Brasília: Thesaurus, 2013. 115 p.

FERRAZ, Edinalva de Moura. Governança das Ações e Serviços de Média Complexidade em uma Região de Saúde. 2018. 79 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) – Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2018. Disponível http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/portal/pages/dissertacoesteses/dissertacoes/dissertacoes-a-partir-de-2012.php. Acesso em: 02 abr. 2021.

FUJITA, Mariângela Spotti Lopes. A representação documentária de artigos científicos em educação especial: orientação aos autores para determinação de palavras chaves. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 10, n. 3, 2004. Disponível em: http://educa.fcc.org.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382004000300002&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 12 jul. 2020.

GARCIA, Débora Cristina Ferreira; GATTAZ, Cristiane Chaves; GATTAZ, Nilce Chaves. A relevância do título, do resumo e de palavras-chave para a escrita de artigos científicos. Revista de Administração Contemporânea, Maringá, PR, Brasil, v. 23, n. 3, maio/junho, 2019. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rac/v23n3/1982-7849-rac-2019190178.pdf. Acesso em: 30 jun. 2020.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2017

GIL-LEIVA, Isidoro; ALONSO-ARROYO, Adolfo. La relación entre las palabras clave aportadas por los autores de artículos de revista y su indización en las bases de datos ISOC, IME e ICYT. Revista española de Documentación Científica, Madrid, v. 28, n.1, p. 62-79, 2005. Disponível em: http://redc.revistas.csic.es/index.php/redc/article/view/165/219. Acesso em: 28 out. 2018.

GUIMARÃES, Cristian. Produção operária italiana e movimento sanitário brasileiro: contribuições para pensar a noção de coletivo. Saúde debate, Rio de Janeiro, v. 43, n. spe5, p. 113-125, 2019. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-11042019001000113&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 06 mar. 2021.

GUIMARÃES Maria Cristina Soares. Uma geografia para a ciência faz diferença: um apelo da Saúde Pública. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro , v. 26, n. 1, p. 50-58, jan. 2010. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2010000100006&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 06 dez. 2020.

HARTLEY, James; KOSTOFF, Ronald N. How useful are 'key words' in scientific journals?. Journal of Information Science, Cambridge, v. 29, n. 5, p. 433-438, 2003. Disponível em: https://journals-sagepub-com.ez78.periodicos.capes.gov.br/doi/pdf/10.1177/01655515030295008. Acesso em: 17 jul. 2020.

KOBASHI, Nair Yumiko. Análise documentária e representação da informação. Informare, Rio de Janeiro, v. 2, n. 2, p. 5-27, jul./dez. 1996. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/4524093/mod_resource/content/1/Artigo%20Kobashi%202.pdf. Acesso em: 10 fev. 2020.

KOBASHI, Nair Yumiko. Fundamentos semânticos e pragmáticos da construção de instrumentos de representação de informação. DataGramaZero: Revista de Ciência da Informação, Rio de Janeiro, v. 8, n. 6, dez. 2007. Disponível em: http://www.brapci.inf.br/index.php/article/view/0000007756/afaee985f0729edf7ceb3925f54e80a4. Acesso em: 24 fev. 2020.

LENZI, Lívia Aparecida Ferreira; BRAMBILA, Ednéa Zandonadi. Ciência da informação, ciência e revolução científica: breve histórico e reflexões. Informação & Informação, Londrina, v. 11, n. 1, jan./jun., 2006. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/informacao/article/view/1679. Acesso em: 24 fev. 2020.

LEVORATO, Adrieli de Fátima Massaro. Satisfação no trabalho e absenteísmo entre professores da rede estadual de ensino básico de Londrina. 2016. 142 p. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) – Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2016.

Disponível em: http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/portal/pages/dissertacoesteses/dissertacoes/dissertacoes-a-partir-de-2012.php. Acesso em: 02 abr. 2021.

LIMA, Nísia Trindade; SANTANA, José Paranaguá de. Apresentação. In: LIMA, Nísia Trindade; SANTANA, José Paranaguá de Saúde coletiva como compromisso: a trajetória da Abrasco. Rio de Janeiro: Fiocruz: Abrasco, 2006. p. 9-15.

LOYOLA, Maria Andréa. O lugar das ciências sociais na saúde coletiva. Saúde e Sociedade, São Paulo, v. 21, n. 1, p. 9-14, jan./ mar., 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12902012000100002&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 18 fev. 2020.

MIGUÉIS, Ana; NEVES, Bruno; SILVA, Ana Luísa; TRINDADE, Álvaro; BERNARDES, José Augusto. A importância das palavras-chave dos artigos científicos da área das Ciências Farmacêuticas, depositados no Estudo Geral: estudo comparativo com os termos atribuídos na MEDLINE. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, Ribeirão Preto, v. 4, n. 2, p. 112-125, dez. 2013. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/incid/article/view/69284. Acesso em: 16 jun. 2020.

NESELLO, Francine. Violência escolar contra professores da Rede Estadual de Ensino de Londrina: caracterização e fatores associados. 2014. 156f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2014.

Disponível http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/portal/pages/dissertacoesteses/dissertacoes/dissertacoes-a-partir-de-2012.php. Acesso em: 02 abr. 2021.

NOVAES, Hillegonda Maria Dutilh; WERNECK, Guilherme Loureiro; CESSE, Eduarda Angela Pessoa; GOLDBAUM, Moises; MINAYO, Maria Cecília de Souza. Pós-Graduação senso estrito em Saúde Coletiva e o Sistema Único de Saúde. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro , v. 23, n. 6, p. 2017-2025, junho 2018. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232018000602017&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 28 fev. 2021.

NOVELLINO, Maria Salet Ferreira. S. F. Instrumentos e metodologias de representação da informação. Informação e Informação, Londrina, v. 1, n. 2, p. 37-45, jul./dez. 1996. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/informacao/article/view/1603/1358. Acesso em: 01 jun. 2019.

OLIVEIRA, Ivan Luís Idalgo. Retinopatia diabética em indivíduos com diabetes e pré-diabetes no município de Cambé-PR. 2016. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2016. Disponível http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/portal/pages/dissertacoesteses/dissertacoes/dissertacoes-a-partir-de-2012.php. Acesso em: 02 abr. 2021.

OPAS, 2018. Relatório 30 anos de SUS, que SUS para 2030? Organização Pan-Americana da Saúde 2018 Disponível em: http://saudeamanha.fiocruz.br/wp-content/uploads/2019/06/serie-30-anos-sus.pdf. Acesso em: 16 out. 2020.

PAIM, Jairnilson Silva; ALMEIDA FILHO, Naomar de. N. A crise da Saúde Pública e a utopia da Saúde Coletiva. Salvador: Casa da Qualidade Editora, 2000.

PAIVA, Carlos Henrique Assunção; TEIXEIRA, Luiz Antonio. Reforma sanitária e a criação do Sistema Único de Saúde: notas sobre contextos e autores. História, Ciências, Saúde – Manguinhos, Rio de Janeiro, v.21, n.1, p.15-35, jan./mar. 2014. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-59702014000100015&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 17 jul. 2020.

PEIRCE, Charles Sanders. Semiótica. 4. ed. Perspectiva, 2008.

PIMENTEL, Joamara de Oliveira. SUS para todos, para pobres ou para ninguém? A visão de estudantes de Educação Física de três universidades públicas do Paraná. 2020. 78 p. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2020.

Disponível http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/portal/pages/dissertacoesteses/dissertacoes/dissertacoes-a-partir-de-2012.php. Acesso em: 02 abr. 2021.

POBLACIÓN, Dinah Aguiar; NORONHA, Daisy Pires. Produção das literaturas "branca" e "cinzenta" pelos docentes/doutores dos programas de pós-graduação em ciência da informação no Brasil. Ciência da Informação, Brasília, v. 31, n. 2, p. 98-106, ago. 2002. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-19652002000200011&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 27 jun. 2020.

RABELO, Camila Regina Oliveira; PINTO, Virginia Bentes. Tendências nos estudos de representação temática da informação: uma revisão integrativa dos artigos científicos indexados na Brapci. Em Questão, Porto Alegre, v. 25, n. 2, p. 66-88, 2019. Disponível em: https://brapci.inf.br/index.php/res/download/114177. Acesso em: 04 out. 2020.

REFORMA Sanitária. FIOCRUZ. SUS de A a Z. In: Fundação Oswaldo Cruz. Disponível em: https://pensesus.fiocruz.br/reforma-sanitaria. Acesso em: 11 jul. 2020.

REMONDI, Felipe Assan. Não adesão ao tratamento medicamentoso contínuo e fatores associados: estudo de base populacional. 2012. 91f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2012.

Disponível em: http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/Mestrado/diss/123.pdf. Acesso em: 02 abr. 2021.

RODRIGUES, Maria Rosemary; PEREIRA, Felipe Caldonazzo de Almeida; LONDERO, Rodolfo Rorato; CERVANTES, Brígida Maria Nogueira. Tratamento temático da informação na revista discursos fotográficos: palavras-chave ou descritores? In: SEMINÁRIO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO - SECIN, 7., 2017, Londrina. Anais eletrônicos […] Londrina: UEL, 2017. pg. 1063-1076. Disponível em: http://www.uel.br/eventos/cinf/index.php/secin2017/secin2107/schedConf/presentations. Acesso em: 28 out. 2018.

SANTOS, Mayara Cristina da Silva. Dor em professores da educação básica: associação com atividade física e tempo vendo televisão. 2020. 175f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2020.

Disponível em: http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/Mestrado/diss/123.pdf. Acesso em: 02 abr. 2021.

TAVARES, Paulo César Vieira. Atuação do Ministério Público Estadual de Londrina na área da saúde pública: análise das demandas e atividades. 2010. 99 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2010.

Disponível em: http://www.uel.br/pos/saudecoletiva/Mestrado/diss/111.pdf. Acesso em: 02 abr. 2021.

TEIXEIRA, Sônia Maria Fleury. Retomar o debate sobre a reforma sanitária para avançar o sistema único de saúde (SUS). Rev. adm. empres. São Paulo , v. 49, n. 4, p. 472-480, Dec. 2009 . Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-75902009000400010&lng=en&nrm=iso>.Acesso em: 27 Mar. 2021.

VICTORINO, Marcio de Carvalho.; BRÄSCHER, Marisa. Organização da informação e do conhecimento, engenharia de software e arquitetura orientada a serviços: uma abordagem holística para o desenvolvimento de sistemas de informação computadorizados. DataGramaZero: Revista de Ciência da Informação, Brasília, v. 10, n. 3, p. 1-16, jun. 2009. Disponível em: http://www.brapci.inf.br/index.php/res/v/6517. Acesso em: 29 fev. 2020.

WERNECK, Guilherme. Como se dará a evolução de covid-19 na população que vive em condições precárias. Especial Coronavírus. Rio de Janeiro: Abrasco, 2020. Disponível em: https://www.abrasco.org.br/site/noticias/opiniao/como-se-dara-a-evolucao-de-covid-19-na-populacao-que-vive-em-condicoes-precarias/46286/. Acesso em: 12 jul. 2020.

Publicado

2021-06-16

Como Citar

LAGE, S. R. M.; ALMEIDA, P. O. P. de; LUNARDELLI, R. S. A. A representação temática da informação na Saúde Coletiva no contexto das palavras-chave . RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, SP, v. 19, n. 00, p. e021014, 2021. DOI: 10.20396/rdbci.v19i00.8665241. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/8665241. Acesso em: 28 set. 2021.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)