Informação científica em tempos de pandemia

análise do tempo de indexação de artigos de periódicos com vocabulário controlado MeSH no PubMed

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rdbci.v19i00.8665311

Palavras-chave:

Informação técnica e científica, Indexação, Recuperação da informação

Resumo

Introdução/Objetivo: Apresenta temática vinculada à recuperação da informação científica contida no buscador PubMed cujo objetivo é verificar atrasos na indexação de publicações científicas com os termos do vocabulário controlado Medical Subject Headings (MeSH). Metodologia: Contempla a pesquisa bibliográfica para contextualização temática, e é exploratória e descritiva com aplicabilidade prática sobre assuntos relacionados à pandemia de Covid-19. Foi construída estratégia de busca no PubMed com 16 termos relacionados à temática nos campos MeSH Terms e Text Word. Para o estudo foram selecionadas publicações de 2021 no idioma português. Os metadados das 85 publicações foram exportados para análise em planilha sob os aspectos de entrada da publicação no PubMed, tempo até a indexação com os termos MeSH e categoria da publicação. Resultados: Cerca de 89% das publicações, considerando a amostra de 62 itens, tiveram um atraso na indexação de pelo menos 15 dias; e cerca de 11% demoraram de 15 a 135 dias. Conclusão: Para que os pesquisadores consigam recuperar os mais recentes conteúdos científicos sobre a COVID-19, é fundamental que sejam construídas estratégias de busca que contemplem a utilização do termo do vocabulário controlado MeSH aliado à utilização das variações de nomenclatura da temática em demais campos, como o Text Word, já que publicações podem constar no buscador, mas ainda não terem sido indexadas, a fim de recuperar maior número de literatura científica já publicada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Giovana Deliberali Maimone, Universidade de São Paulo

Doutora em Ciência da Informação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. Professora da Universidade de São Paulo  no curso de Informação e Cultura da Escola de Comunicações e Artes (São Paulo, SP - Brasil). 

Thamyres Vieira dos Santos, Universidade de São Paulo

Mestranda em Ciência da Informação pela Universidade de São Paulo. Bibliotecária no Hospital Israelita Albert Einstein. (São Paulo, SP - Brasil). 

 

Reconhecimentos: Não é aplicável.
Financiamento: Não é aplicável.
Conflito de interesse: Os autores certificam que não têm interesse comercial ou associativo que represente um conflito de interesses em relação ao manuscrito.
Aprovação ética: Não é aplicável.
Disponibilidade de dados e material: Não é aplicável.
Contribuições dos autores: - Conceituação: SANTOS, T. V; MAIMONE, G.D.; Curadoria de dados, Análise formal, Investigação, Metodologia, Visualização, Escrita – rascunho original: SANTOS, T. V.; Administração do projeto, Supervisão, Validação, Escrita – revisão & edição: MAIMONE, G. D.

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. ABNT NBR 12676: Métodos para análise de documentos: determinação de seus assuntos e seleção de termos de indexação. Rio de Janeiro: ABNT, 1992.

ARAÚJO JÚNIOR, Rogério Henrique de. Precisão no processo de busca e recuperação da informação. Brasília, DF: Thesaurus, 2007.

BALHARA, Yatan Pal Singh. Indexed journal: what does it mean? Lung India, Mumbai, v. 29, n. 2, p. 193, Apr./Jun. 2012. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3354504/. Acesso em: 20 dez. 2020.

BRANDAU, Ricardo; MONTEIRO, Rosangela; BRAILE, Domingo M. Importância do uso correto dos descritores nos artigos científicos. Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular, São José do Rio Preto, v. 20, n. 1, p. VII-IX, jan./mar. 2005. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-76382005000100004. Acesso em: 23 maio 2021.

CALLAWAY, Ewen. The COVID-19 crisis could permanently change scientific publishing. Nature, London, v. 582, p. 167-168, Jun. 2020. Disponível em: https://www.nature.com/articles/d41586-020-01520-4. Acesso em: 11 jun. 2020.

CARDOSO FILHO, Jair Cunha; SANTOS, Márcia Mazo. Processos e temas selecionados. In: ALVARES, Lilian (org.). Organização da informação e do conhecimento: conceitos, subsídios interdisciplinares e aplicações. São Paulo: B4 Editora, 2012. p. 185-224.

CUNHA, Murilo Bastos da. Os impactos da COVID-19 nas áreas da Ciência da Informação. Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação, Brasília, DF, v. 13, n. 3, p. 756-759, 2020. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/RICI/article/view/33373. Acesso em: 3 jan. 2021.

DAMÁSIO, Edilson. Preprints na comunicação científica: uma introdução. Biblos: revista do Instituto de Ciências Humanas e da Informação, Rio Grande, v. 32, n. 2, p. 155-168, jul./dez. 2018. Disponível em: https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/8635. Acesso em: 31 mar. 2021.

DEVANE, C. Lindsay. The role of scientific publishing in the SARS-CoV-2 Pandemic. Pharmacotherapy, Carlisle, v. 40, n. 5, p. 376-378, May 2020. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/32364280/. Acesso em: 20 dez. 2020.

EISEIN, Michael B.; AKHMANOVA et al. Publishing in the time of COVID-19. eLife, Cambridge, v. 9, n. e57162, p. 1-3, mar. 2020. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/32209226/. Acesso em: 20 dez. 2020.

IOANNIDIS, John. P. A. Coronavirus disease 2019: the harms of exaggerated information and non-evidence-based measures. European Journal of Clinical Investigation, Oxford, v. 50, n. e13222, mar. 2020. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/full/10.1111/eci.13222. Acesso em: 20 dez. 2020.

IRWIN, Adriane N.; RACKHAM, Daniel. Comparison of the time-to-indexing in PubMed between biomedical journals according to impact factor, discipline, and focus. Research in Social and Administrative Pharmacy, New York, v. 13, n. 2, p. 389-393, Mar./Apr. 2017. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/27215603/. Acesso em: 22 maio 2021.

JENUWINE, Elizabeth S.; FLOYD, Judith A. Comparison of Medical Subject Headings and text-word searches in MEDLINE to retrieve studies on sleep in healthy individuals. Journal of the Medical Library Association, Chicago, v. 92, n. 3, p. 349-353, Jul. 2004. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/15243641/. Acesso em: 23 maio 2021.

LANCASTER, F. W. Indexação e resumos: teoria e prática. 2. ed. Brasília, DF: Briquet de Lemos, 2004.

LEIVA-CEPAS, F.; ROMERO-RODRIGUÉZ, E.; BARROSO SEVILLANO, M. Las revistas científicas ante la pandemia por COVID-19. Semergen, Madrid, v. 46, n. S1, p. 1-2, agosto 2020. Disponível em: https://www.elsevier.es/es-revista-medicina-familia-semergen-40-articulo-las-revistas-cientificas-ante-pandemia-S1138359320302045. Acesso em: 20 dez. 2020.

MINGUET, Fernando et al. Quality of pharmacy-specific Medical Subject Headings (MeSH) assignment in pharmacy journals indexed in MEDLINE. Research in Social and Administrative Pharmacy, New York, v. 11, n. 5, p. 686-695, sep./oct. 2015. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/25498253/. Acesso em: 22 maio 2021.

MINGUET, Fernando et al. Processo automático de identificação de termos MeSH em falta: caso prático de Farmácia. In: XI JORNADAS APDIS, 2014, Lisboa. Anais [...]. Lisboa: Associação Portuguesa de Documentação e Informação em Saúde, 2014. Disponível em: https://apdis.pt/publicacoes/index.php/jornadas/article/view/49/41. Acesso em: 23 maio 2021.

NATIONAL LIBRARY OF MEDICINE. MEDLINE®/PubMed® data element (field) descriptions. Bethesda: NLM, 2019. Disponível em: https://www.nlm.nih.gov/bsd/mms/medlineelements.html#mhda. Acesso em: 4 jan. 2021.

NATIONAL LIBRARY OF MEDICINE. PubMed user guide. Bethesda: NLM, 2019. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/help/#filters-language. Acesso em: 22 maio 2021.

RODRIGUEZ, Ryan W. Comparison of indexing times among articles from medical, nursing, and pharmacy journals. American Journal of Health System Pharmacy, Bethesda, v. 73, n. 8, p. 569-575, apr. 2016. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/27045069. Acesso em: 22 dez. 2020.

RODRIGUEZ, Ryan W. Delay in indexing articles published in major pharmacy practice journals. American Journal of Health System Pharmacy, Bethesda, v. 71, n. 4, p. 321-324, feb. 2014. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/24481157/. Acesso em: 16 dez. 2020.

SANTOS, Cibele Araújo Camargo Marques dos. A organização e representação do conhecimento na pandemia de COVID-19: contribuições e desafios. Revista Fontes Documentais, Aracaju, v. 3, n. esp., p. 75-85, 2020. Disponível em: https://aplicacoes.ifs.edu.br/periodicos/index.php/fontesdocumentais/article/view/649/498. Acesso em: 13 mar. 2020.

SEPÚLVEDA-VILDÓSOLA, Ana Carolina et al. Scientific Publications During the COVID-19 Pandemic. Archives of Medical Research, New York, v. 51, p. 349-354, july 2020. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/32507366/. Acesso em: 20 dez. 2020.

SILVA, Maria dos Remédios da; FUJITA, Mariângela Spotti Lopes. A prática de indexação: análise da evolução de tendências teóricas e metodológicas. Transinformação, Campinas, v. 16, n. 2, p. 133-161, maio/ago. 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/tinf/v16n2/03.pdf. Acesso em: 01 abr. 2021.

TARGINO, Maria das Graças. Comunicação científica: uma revisão de seus elementos básicos. Revista Informação & Sociedade: estudos, João Pessoa, v. 10, n. 2, p. 37-85, 2000. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/ies/article/view/326. Acesso em: 23 dez. 2020.

TORRES-SALINAS, Daniel. Ritmo de crescimento diário de la producción científica sobre COVID-19. Análisis em bases de datos y repositorios em acceso abierto. El professional de la información, Barcelona, v. 29, n. 2, p. 1-6, abr. 2020. Disponível em: https://revista.profesionaldelainformacion.com/index.php/EPI/article/view/79259. Acesso em: 20 dez. 2020.

TORT, Adriano B. L.; TARGINO, Zé H.; AMARAL, Olavo B. Rising publication delayx inflate Journal Impact Factors. PLOS One, San Francisco, v. 7, n. 12, e53374, dec. 2012. Disponível em: https://journals.plos.org/plosone/article?id=10.1371/journal.pone.0053374. Acesso em: 15 dez. 2020.

UTAGAWA, Claudia Yamada; GAMBARATO, Bruno Chaboli; PEREIRA, Vinicius Gomes. O uso de descritores em artigos científicos na área de educação em saúde. Revista de Saúde Digital de Tecnologias Educacionais, Fortaleza, v. 3, n. 1, p. 27-40, ago./dez. 2018. https://bit.ly/3inOJtd. Acesso em: 23 maio 2021.

WERSIG, Gernot. Information Science: the study of postmodern knowledge usage. Information Processing & Management, Oxford, v. 29, n. 2, p. 229-239, 1993.

Publicado

2021-05-31

Como Citar

MAIMONE, G. D.; SANTOS, T. V. dos . Informação científica em tempos de pandemia: análise do tempo de indexação de artigos de periódicos com vocabulário controlado MeSH no PubMed. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, SP, v. 19, n. 00, p. e021012, 2021. DOI: 10.20396/rdbci.v19i00.8665311. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/8665311. Acesso em: 28 set. 2021.

Edição

Seção

Artigos de Pesquisa