Publicações científicas em marketing verde

uma perspectiva bibliométrica

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rdbci.v19i00.8666154

Palavras-chave:

Estudos métricos da informação, Desenvolvimento sustentável, Produtividade científica

Resumo

Introdução/Objetivo: Estudo quantitativo-qualitativo, de natureza exploratória e descritiva, que objetivou identificar e analisar as características das publicações científicas em marketing verde, no período de 1991 a 2020. Metodologia: O corpus de análise foi constituído por artigos indexados na base  Scopus, e analisado por meio de indicadores bibliométricos. Resultados: Os resultados mostram que no período investigado foram publicados 1.149 artigos sobre o tema. O ano de 2020 apresentou a maior quantidade de artigos publicados (161). O idioma predominante das publicações é o inglês. Os Estados Unidos da América foram identificados como país mais produtivo, e com maior rede de colaboração internacional de pesquisa. A área de conhecimento "Negócios, Gestão e Contabilidade" concentrou quase um terço de todas as publicações. Quanto aos autores há tendência à pesquisa colaborativa, 79% dos artigos analisados foram produzidos por mais de um autor. Os autores mais produtivos são Polonsky M. J., com quatorze autorias e Chen Y.S., com dez autorias. 498 periódicos publicaram sobre marketing verde, e o “Sustainability” foi o periódico com maior número de publicações (49). O corpus investigado recebeu 36.559 citações, com média de 31,81 citações por artigo. 53.877 referências foram utilizadas no conjunto dos artigos, destas, apenas 18 apresentaram 20 ocorrências ou mais. A análise das palavras-chave indicou que o termo "vantagem competitiva" separa a zona de informações triviais da zona de ruídos de pesquisa. Conclusão: As pesquisas sobre marketing verde tiveram uma progressão temática temporal caracterizada por cinco estágios: comportamento do consumidor, marketing verde, desenvolvimento sustentável, sustentabilidade e produtos verdes. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Rafael Felix da Silva, Universidade Federal do Paraná

Doutorando em Gestão da Informação pela Universidade Federal do Paraná. Contador na Universidade Federal do Paraná (Curitiba, PR - Brasil).

Edelvino Razzolini Filho, Universidade Federal do Paraná

Doutor em em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina. Professor Associado do Programa de Pós Graduação em Gestão da Informação da Universidade Federal do Paraná (Curitiba, PR - Brasil).

Referências

ALENCASTRO, Mário Sérgio Cunha. Ética e Meio Ambiente: construindo as bases para um futuro sustentável. Curitiba: Intersaberes, 2015. 184 p. (Desenvolvimento Sustentável).

ALVARADO, Rubén Urbizagástegui. A Lei de Lotka na bibliometria brasileira. Ciência da Informação, v. 31, n. 2, p. 14-20, ago. 2002. FapUNIFESP (SciELO). Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/s0100-19652002000200002. Acesso em: 20 abr. 2021.

ANDREOLI, Tais Pasquotto; CRESPO, Aline; MINCIOTTI, Silvio. What has been written about Greenwashing: a bibliometric research and a critical analysis of the articles found regarding this theme. RGSA- Revista de Gestão Social e Ambiental, v. 11, n. 2, p. 54, 2017. Disponível em: http://dx.doi.org/10.24857/rgsa.v11i2.1294. Acesso em: 10 abr. 2021.

ANWAR, Muhammad Azfar et al. Mapping the Evolution of Energy-Growth Nexus: Synergies and trade-offs. Journal of Economic Surveys, n. 33, p. 968-988, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.1111/joes.12306. Acesso em: 25 nov. 2020.

ARAÚJO, Carlos Alberto. Bibliometria: evolução histórica e questões atuais. Em Questão, Porto Alegre, v. 1, n. 12, p. 11-32, 2006. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/EmQuestao/article/view/16. Acesso em: 20 abr. 2021.

BHARDWAJ, Amit Kumar et al. Research Trends in Green Product for Environment: A Bibliometric Perspective. International Journal of Environmental Research and Public Health, n. 17, p. 1-21, 2020. Disponível em: https://www.mdpi.com/1660-4601/17/22/8469. Acesso em: 15 mai. 2021.

BOOTH, Andrew D. A "Law" of occurrences for words of low frequency. Information and Control, v. 10, n. 4, p. 386-393, april 1967.

BRECTU, Angela. Ecomarketing, the Response of Marketing to Contemporary Society’s Ethical Requirements. Estudos Econômicos., v. 26, p. 44-53, 2019.

CAIADO, Rodrigo Goyannes Gusmão et al. Towards sustainable development through the perspective of eco-efficiency: a systematic literature review. Journal of Cleaner Production, v. 165, p. 890-904, Nov. 2017. Elsevier BV. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.jclepro.2017.07.166. Acesso em: 12 mar. 2021.

CARDOSO, Paulo Ribeiro; VAN SCHOOR, Maria. Portuguese Consumers’ Green Purchase Behavior: an analysis of its antecedents and a proposal of segmentation. Revista Brasileira de Marketing, v. 16, n. 2, p. 140-153, 30 jun. 2017. University Nove de Julho. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5585/remark.v16i2.3229. Acesso em: 15 jan. 2021.

CHEN, Chaomei. CiteSpace II: detecting and visualizing emerging trends and transient patterns in scientific literature. Journal of the American Society for Information Science and Technology, v. 3, n. 57, p. 359-377, 2006. Disponível em: https://doi.org/10.1002/asi.20317. Acesso em: 13 jun. 2021.

CHEN, Xiuwen et al. Mapping the Research Trends by Co-word Analysis Based on Keywords from Funded Project. Procedia Computer Science, v. 91, p. 547-555, 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.procs.2016.07.140. Acesso em: 13 jun. 2021.

CORREA, Caroline; BRAGA JUNIOR, Sergio Silva; SILVA, Dirceu da. The social control exerted by advertising: a study on the perception of greenwashing in green products at retail. British Journal of Education, Society & Behavioral Science, v. 19, n. 2, p. 1-9, 10 jan. 2017. Disponível em: http://dx.doi.org/10.9734/bjesbs/2017/29819. Acesso em: 14 mai. 2021.

CURTY, Renata Gonçalves; DELBIANCO, Natalia Rodrigues. As diferentes métricas dos estudos métricos da informação. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 25, p. 01-21, 20 out. 2020. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5007/1518-2924.2020.e74593. Acesso em: 18 mar. 2021.

DANGELICO, Rosa Maria. Green Product Innovation: where we are and where we are going. Business Strategy and the Environment, v. 25, n. 8, p. 560-576, 13 mar. 2015. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1002/bse.1886. Acesso em: 20 mar. 2021.

DANGELICO, Rosa Maria; VOCALELLI, Daniele. “Green Marketing”: an analysis of definitions, strategy steps, and tools through a systematic review of the literature. Journal of Cleaner Production, v. 165, p. 1263-1279, Nov. 2017. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.jclepro.2017.07.184. Acesso em: 20 mar. 2021.

DEAN, Thomas John; PACHECO, Desiree Figueroa. Green marketing: a strategic balancing act for creating value. Journal of Business Strategy, v. 35, n. 5, p. 14-22, 9 set. 2014. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1108/jbs-11-2013-0109. Acesso em: 21 mai. 2021.

ELSEVIER. Scopus. 2021. Disponível em: http://www.americalatina.elsevier.com/sul/pt-br/scopus.php. Acesso em: 20 mai.2021.

GARG, Arunesh. Green Marketing for Sustainable Development: an industry perspective. Sustainable Development, v. 23, n. 5, p. 301-316, 22 jun. 2015. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1002/sd.1592. Acesso em: 10 mai. 2021.

GINGRAS, Yves. Os desvios da avaliação da pesquisa: o bom uso da bibliometria: filosofia e ciências humanas editora: UFRJ especificações técnicas sinopse. Rio de Janeiro: UFRJ, 2016. 148 p.

GRÁCIO, Maria Cláudia Cabrini. Acoplamento bibliográfico e análise de cocitação: revisão teórico-conceitual. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 21, n. 47, p. 82, 12 set. 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5007/1518-2924.2016v21n47p82. Acesso em: 09 mai.2021.

GRANDA-ORIVE, José Ignacio et al. Ciertas ventajas de Scopus sobre Web of Science en un análisis bibliométrico sobre tabaquismo. Revista Española de Documentación Científica, v. 36, n. 2, p. 1-9, 20 jun. 2013. Disponível em: http://dx.doi.org/10.3989/redc.2013.2.941. Acesso em: 05 mai.2021.

GROENING, Christopher; SARKIS, Joseph; ZHU, Qingyun. Green marketing consumer-level theory review: a compendium of applied theories and further research directions. Journal of Cleaner Production, v. 172, p. 1848-1866, jan. 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.jclepro.2017.12.002. Acesso em: 12 mar. 2021.

GUEDES, Vânia Lisboa da Silveira. Bibliometria e a Gestão da Informação e do Conhecimento Científico e Tecnológico: uma revisão da literatura. Ponto de acesso, Salvador, v. 6, n. 2, p. 74-109, 2012. Disponível em: http://dx.doi.org/10.9771/1981-6766rpa.v6i2.5695. Acesso em: 12 mar. 2021.

GUEDES, Vânia Lisboa da Silveira; BORSCHIVER, Suzana. Bibliometria: uma ferramenta estatística para a gestão da informação e do conhecimento, em sistemas de informação, de comunicação e de avaliação científica e tecnológica. In: CINFORM – Encontro Nacional De Ciência Da Informação, 6, 2005, Salvador. Anais [...]. Salvador: ICI/UFBA, 2005.

HERRMANN, Christoph et al. The Positive Impact Factory: transition from eco-efficiency to eco effectiveness strategies in manufacturing. Procedia Cirp, v. 29, p. 19-27, 2015. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.procir.2015.02.066. Acesso em: 06 mar. 2021.

HILÁRIO, Carla Mara; GRÁCIO, Maria Claudia Cabrini; WOLFRAM, Dietmar. Contribuição dos autores e ordem da autoria nos artigos do Journal of Informetrics (2016). In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 18., 2017, Marília, SP. Anais [...]. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/104901. Acesso em: 16 jun. 2021.

KOTLER, Philip.; KELLER, Kevin Lane. Administração de marketing. 14. ed. Pearson Universidades, 2012. 794 p.

KOTLER, Philip. Administração de marketing: a edição do novo milênio. 10. ed. Pearson, 2000. 384 p.

LI, Jinfeng. Bibliometric Analysis of Atmospheric Simulation Trends in Meteorology and Atmospheric Science Journal: update. Croatica Chemica Acta, v. 91, n. 1, p. 109-113, 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5562/cca3210. Acesso em: 16 abr. 2021.

LIU, Shubo; LIU, Xiaoyuan. Culture and Green Advertising Preference: a comparative and critical discursive analysis. Frontiers in Psychology, v. 11, p. 1-17, 18 set. 2020. Disponível em: http://dx.doi.org/10.3389/fpsyg.2020.01944. Acesso em: 07 jun. 2021.

MATHUR, Sanjeela; TANDON, Neelam. Green Marketing: the emerging key driver towards sustainability in an emerging economy. SSRN Electronic Journal, p. 648-654, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.3462927. Acesso em: 09 abr. 2021.

MELLO, Ivan Ribeiro et al. 25 anos de publicação em auditoria: análise bibliométrica sob o ponto de vista da Lei de Lotka, Lei de Zipf e Ponto de Transição (T) de Goffman. Revista de Estudos Contábeis, Londrina, v. 8, n. 15, p. 45-65, jul./dez. 2017.

MILOVANOV, Olja. Marketing and Sustainability: identifying the profile of green consumers. Strategic Management, v. 4, n. 20, p. 54-66, 2015.

MOHIUDDIN, Muhammad et al. Environmental Knowledge, Awareness, and Business School Students’ Intentions to Purchase Green Vehicles in Emerging Countries. Sustainability, n. 10, p. 1-18, 2018. Disponível em: https://www.mdpi.com/2071-1050/10/5/1534. Acesso em: 20 nov. 2020.

MORAES, Lena Lúcia de; KAFURE, Ivette. Bibliometria e ciência de dados. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 18, p. 1-20, 21 jun. 2020. Disponível em: http://dx.doi.org/10.20396/rdbci.v19i0.8658521. Acesso em 12 maio 2021.

MORAES, Marcos; FURTADO, Renata Lira; TOMAÉL, Maria Inês. Redes de Citação: estudo de rede de pesquisadores a partir da competência em informação. Em Questão, v. 21, n. 2, p. 181, 2015. Disponível em: http://dx.doi.org/10.19132/1808-5245212.181-202. Acesso em: 08 abr. 2021.

NKRUMAH, Seth Kofi et al. Examining green capabilities as drivers of green supply chain management adoption. Management Research Review, v. 44, n. 1, p. 94-111, 2020. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1108/mrr-01-2020-0015. Acesso em 08 abr. 2021.

NORONHA, Daisy Pires; MARICATO, João de Melo. Estudos métricos da informação: primeiras aproximações. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 13, n. 1, p. 116-128, 16 maio 2008. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5007/1518-2924.2008v13nesp1p116. Acesso em 09 abr. 2021

OLIVEIRA, Ely Francina Tannuri de. Estudos Métricos da Informação no Brasil: indicadores de produção, colaboração, impacto e visibilidade. Marília: Cultura Acadêmica, 2018. 184 p.

OTTMAN, Jacquelyn A. The New Rules of Green Marketing: strategies, tools, and inspiration for sustainable branding. [S.I.]: Berrett-Koehler, 2011. 272 p.

PAO, Miranda Lee. Automatic text analysis based on transiction phenomena of word. Journal of the American Society for Information Science, v. 29, n. 3, p. 121-124, May 1978. Disponível em: https://doi.org/10.1002/asi.4630290303. Acesso em: 18 jun. 2021.

PAPADAS, Karolos-Konstantinos; AVLONITIS, George J.; CARRIGAN, Marylyn. Green marketing orientation: conceptualization, scale development and validation. Journal of Business Research, v. 80, p. 236-246, Nov. 2017. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.jbusres.2017.05.024. Acesso em: 06 dez. 2020.

PEATTIE, Ken; CRANE, Andrew. Green marketing: legend, myth, farce, or prophesy? Qualitative Market Research: An International Journal, v. 8, n. 4, p. 357-370, dez. 2005. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1108/13522750510619733. Acesso em: 05 nov. 2020.

PEREIRA, Juliana Dachi Vieira; VIANA, João Garibaldi Almeida; ALVES, Ricardo. Green Consumer Behavior: evidence from the Brazil? Uruguay border region. Revista Brasileira de Marketing, v. 18, n. 1, p. 41-57, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5585/remark.v18i1.3755. Acesso em: 12 mar. 2021.

PINTO, Adilson Luiz; GONZALES-AGUILAR, Audilio. Visibilidad de los estudios en análisis de redes sociales en América del Sur: su evolución y métricas de 1990-2013. Transinformação, v. 26, n. 3, p. 253-267, 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/j/tinf/a/3MTwvhyS3s7Fm3JRsCc6yVS/abstract/?lang=es. Acesso em: 09 jun. 2021.

POLONSKY, Michael Jay. Transformative green marketing impediments and opportunities. Journal of Business Research, v. 64, n. 12, p. 1311-1319, dez. 2011. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.jbusres.2011.01.016. Acesso em: 15 nov. 2020.

PRITCHARD, Alan. Statistical Bibliography or Bibliometrics? Journal of Documentation, v. 4, n. 25, p. 348-349, 1969.

REX, Emma; BAUMANN, Henrikke. Beyond ecolabels: what green marketing can learn from conventional marketing? Journal of Cleaner Production, v. 15, n. 6, p. 567-576, jan. 2007. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.jclepro.2006.05.013. Acesso em: 20 nov. 2020.

RODRIGUES, Julianne Dias et al. Comportamento de consumo verde: uma análise dos consumidores de campina grande/pb. Revista Brasileira de Administração Científica, v. 5, n. 1, p. 316-332, 31 jan. 2014. Disponível em: http://dx.doi.org/10.6008/spc2179-684x.2014.001.0019. Acesso em: 06 jan. 2021.

SALEEM, Farida et al. Bibliometric Analysis of Green Marketing Research from 1977 to 2020. Publications, v. 9, n. 1, p. 1, 2021. Disponível em: http://dx.doi.org/10.3390/publications9010001. Acesso em: 15 abr. 2021.

SANTOS, Geovane Camilo dos. Análise Bibliométrica dos Artigos Publicados como Estudos Bibliométricos na História do Congresso Brasileiro de Custos. Pensar Contábil, Rio de Janeiro, v. 17, n. 62, p. 4-13, 2015.

SANTOS, Raimundo Nonato Macedo dos; KOBASHI, Nair Yumiko. Bibliometria, Cientometria, Infometria: conceitos e aplicações. Pesq. Bras. Ci. Inf, Brasília, v. 2, n. 1, p. 155-172, 2009. Disponível em: https://brapci.inf.br/index.php/res/v/119278. Acesso em: 01 jun. 2021.

TODESCHINI, Roberto; BACCINI, Alberto. Handbook of Bibliometric Indicators: quantitative tools for studying and evaluating research. [S.I.]: Wiley-Vch, 2016. 512 p

VANTI, Nadia Aurora. Da bibliometria à webometria: uma exploração conceitual dos mecanismos utilizados para medir o registro da informação e a difusão. Ciência da Informação, Brasília, v. 2, n. 31, p. 152-162, 2002. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0100-19652002000200016. Acesso em: 22 mai. 2021.

VERGARA, Sylvia Constant. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 16. ed. São Paulo, Atlas, 2016. 104 p.

VERMA, Sanjeev. Niche level segmentation of green consumers. South Asian Journal of Business Studies, v. 6, n. 3, p. 274-290, 2017. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1108/sajbs-05-2016-0040. Acesso em: 15 jan. 2021

VICKERY, Brian Campbell. Bradford's law of scattering. Journal of Documentation, v. 4, p. 198-203, 1948.

YOUTIE, Jan; BORZEMAN, Barry. Social dynamics of research collaboration: norms, practices, and ethical issues in determining co-authorship rights. Scientometrics, v. 101, n. 2, p. 953-962, nov. 2014. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1007/s11192-014-1391-7. Acesso em: 25 jun.2021.

ZIPF, George Kingsley. Human Behavior and the Principle of Least Effort. Eastford: Martino Fine Books, 2012. 588 p.

Arquivos adicionais

Publicado

2021-08-10

Como Citar

SILVA, R. F. da .; RAZZOLINI FILHO, E. . Publicações científicas em marketing verde: uma perspectiva bibliométrica . RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, SP, v. 19, n. 00, p. e021018, 2021. DOI: 10.20396/rdbci.v19i00.8666154. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/8666154. Acesso em: 30 jun. 2022.