Construção e aplicação de matrizes bibliométrica e epistemológica para análise do referencial freireano no Ensino de Ciências

Autores

  • Gabriela Zauith Universidade Federal de São Carlos
  • Maria Cristina Piumbato Innocentini Hayashi Universidade Federal de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.20396/rfe.v6i2.8635375

Palavras-chave:

Ensino de Ciências. Educação CTS. Análise bibliométrica. Análise epistemológica. Paulo Freire.

Resumo

O artigo apresenta os resultados de uma pesquisa que investigou a apropriação do referencial teórico de Paulo Freire em teses e dissertações nas áreas de Ensino de Ciências e Educação CTS (Ciência, Tecnologia e Sociedade). Através de uma análise bibliométrica e epistemológica de quatro matrizes que agregam os niveis epistemológico, ontológico e gnosiológico foi identificada a presença do referencial teórico de Paulo Freire nesses trabalhos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriela Zauith, Universidade Federal de São Carlos

Doutora em Educação pela UFSCar, jornalista formada pela Unaerp. Atualmente cursa pedagogia e atua como professora universitária.

Maria Cristina Piumbato Innocentini Hayashi, Universidade Federal de São Carlos

Professora Associada do Departamento de Ciência da Informação da UFSCar e coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Ciência, Tecnologia e Sociedade da UFSCar. Bolsista de Produtividade do CNPq.

Downloads

Publicado

2014-06-30

Como Citar

ZAUITH, G.; PIUMBATO INNOCENTINI HAYASHI, M. C. Construção e aplicação de matrizes bibliométrica e epistemológica para análise do referencial freireano no Ensino de Ciências. Filosofia e Educação, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 113–145, 2014. DOI: 10.20396/rfe.v6i2.8635375. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rfe/article/view/8635375. Acesso em: 28 jan. 2022.