Banner Portal
Estudo bibliométrico e epistemológico das teses de doutorado do PPGE-UFSCar (1993-2005)
PDF

Palavras-chave

Pesquisa educacional
Análise bibliométrica
Análise epistemológica.

Como Citar

COELHO, Marcio; HAYASHI, Maria Cristina Piumbato Innocentini. Estudo bibliométrico e epistemológico das teses de doutorado do PPGE-UFSCar (1993-2005). Filosofia e Educação, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 146–187, 2014. DOI: 10.20396/rfe.v6i2.8635376. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rfe/article/view/8635376. Acesso em: 18 abr. 2024.

Resumo

Considerando as mudanças que ocorreram no contexto histórico-social e também na pesquisa em Educação no Brasil a partir da década de 1990, este estudo analisou a produção científica do PPGE-UFSCar, tendo como objeto 55 teses defendidas na Área de Fundamentos da Educação, entre 1993 e 2007, submetidas à análise bibliométrica e epistemológica, objetivando determinar qual o paradigma foi predominante no período. O resultado revelou que o Marxismo foi utilizado em mais de 60% das pesquisas; e também identificou a presença de tendências pós-modernas fundamentando 17 teses e da Fenomenologia em 3 teses.

https://doi.org/10.20396/rfe.v6i2.8635376
PDF

O periódico Filosofia e Educaçãoutiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.