Devaneio e educação

  • Vagner da Silva Universidade Federal de Rondônia
Palavras-chave: Devaneio. Educação. Repetição.

Resumo

O presente artigo tem por objetivo mostrar que é possível interpretar o pensamento de Rousseau como cíclico, no qual a última etapa, que o encerra e enseja a repetição é o devaneio. Apesar desta circularidade o pensamento de Rousseau não anula história e educação, pois o devaneio possibilita ao indivíduo um contato com a realidade objetiva e também uma fuga dela, fuga que torna o devaneio um marcador temporal e histórico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vagner da Silva, Universidade Federal de Rondônia
Professor adjunto da Universidade Federal de Rondônia, com mestrado em Filosofia e doutorado em Filosofia da Educação pela Unicamp.
Publicado
2012-10-26
Como Citar
Silva, V. da. (2012). Devaneio e educação. Filosofia E Educação, 4(2), 100-124. https://doi.org/10.20396/rfe.v4i2.8635426