Um olhar crítico sobre a figura da condessa de Barral na biografia histórica

Autores

  • Vanessa Gandra Martins Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/rfe.v3i2.8635449

Palavras-chave:

Teorias biográficas. Ética. Educação. História. Literatura.

Resumo

Este artigo procura fazer uma leitura crítica da utilização da figura da condessa de Barral na biografia histórica e romanceada, intitulada Condessa de Barral, a paixão do imperador, assinada por Mary Del Priore e editada pela editora Objetiva, destacando as questões teóricas referentes às biografias, aos limites entre a literatura e História, à escrita epistolar como fonte histórica e a ética do historiador enquanto educador.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vanessa Gandra Martins, Universidade Estadual de Campinas

Aluna do pós-doutorado em Política, ética e Educacão da Faculdade de Educação da Unicamp

Downloads

Publicado

2011-12-12

Como Citar

Martins, V. G. (2011). Um olhar crítico sobre a figura da condessa de Barral na biografia histórica. Filosofia E Educação, 3(2), 44–55. https://doi.org/10.20396/rfe.v3i2.8635449