“Ite, eunte omnes docete”, ou seja, “Ide, ensinai a todos os povos”: paradigma da concepção de educação para todos – atitude democrática que diferencia a Paidéia Grega da Paidéia Cristã.

Autores

  • Valdirene Pereira Costa Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/rfe.v10i1.8651998

Palavras-chave:

Filosofia. Paidéia. Educação. Cristianismo.

Resumo

O artigo busca delinear a posição da Paidéia Grega na história da Educação e evidenciar a diferença existente entre a Paidéia Grega e a Paidéia Cristã. Mostra-se que a educação é o esforço consciente do conhecimento; que esta não é uma propriedade individual, mas pertence à comunidade que imprime seu caráter em cada um de seus membros; que toda educação, portanto, é resultado da consciência viva que rege uma comunidade humana, quer se trate: de uma família, de uma classe, de uma profissão, de um grupo étnico, de um Estado; e que o homem é a fonte de toda ação e de todo conhecimento. Destaca a concepção fundante da Paideia Cristã e sua original proposta de universalização da possibilidade de conhecer e de crer, posta para toda a humanidade. Define a Educação como processo de formação humana e importante ou destacada prática social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Valdirene Pereira Costa, Universidade Estadual de Campinas

Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisas PAIDEIA/UNICAMP e IFSULDEMINAS.

Referências

FONSECA, Maria de Jesus. A Paidéia grega revisitada. Millenium, 1998.

GROSS, Renato. Fé cristã, conhecimento e educação: Paidéia ao alcance

de todos. Diálogo Educ., Curitiba, v. 6, n.19, p.141-156, set./dez. 2006.

JAEGER, Werner. Cristianismo primitivo e Paidéia grega. Tradução de Teresa Loureuri Perez. Lisboa: Edições 70, 1991.

JAEGER, Werner. Paidéia: a formação do homem grego. Tradução Artur M. Parreira; revisão do texto grego Gilson César Cardoso de Souza. 6. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2013.

NUNES, César. A Paidéia cristã. In: NUNES, César. Educar para a emancipação. Florianópólis: Sophos, 2003. p. 79-82.

SILVA, R. G. A. da.; MELO, José Joaquim P.. A formação do homem ideal: o herói grego e o cristão. Seminário de Pesquisa. Programa de Pós-graduação em Educação. Universidade Estadual de Maringá, 2008.

Downloads

Publicado

2018-03-26

Como Citar

COSTA, V. P. “Ite, eunte omnes docete”, ou seja, “Ide, ensinai a todos os povos”: paradigma da concepção de educação para todos – atitude democrática que diferencia a Paidéia Grega da Paidéia Cristã. Filosofia e Educação, Campinas, SP, v. 10, n. 1, p. 37–57, 2018. DOI: 10.20396/rfe.v10i1.8651998. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rfe/article/view/8651998. Acesso em: 3 dez. 2021.