Banner Portal
Aprender didática
PDF

Palavras-chave

Didática
Formação de professores
Educação física

Como Citar

LOPES, João Pedro Goes; VIEIRA, Rubens Antonio Gurgel. Aprender didática: um relato de experiência na licenciatura de educação física. Filosofia e Educação, Campinas, SP, v. 13, n. 3, p. 2769–2789, 2022. DOI: 10.20396/rfe.v13i3.8664025. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rfe/article/view/8664025. Acesso em: 19 jun. 2024.

Resumo

O presente relato de experiência aborda um semestre de aula em uma instituição privada de ensino superior da cidade de Sorocaba, interior paulista. Objetivou-se operar com a disciplina inspirados na produção filosófica de Gilles Deleuze para problematizar o conceito de aprendizagem. O processo de avaliação se deu por um trabalho final que correspondia ao acompanhamento de cinco horas aula de Educação Física em qualquer nível da educação básica, e produção de um texto de 5 páginas com o seguinte tema: “o que te fez pensar?”. Muitos dos trabalhos correspondiam a um nível descritivo mais superficial sobre os acontecimentos. Outros, porém, apresentaram complexos dilemas sobre o que é a educação.

https://doi.org/10.20396/rfe.v13i3.8664025
PDF

Referências

BALL, Stephen. Reformar escolas/reformar professores e os terrores da performatividade. Revista Portuguesa de Educação, vol. 15, núm. 2, 2002.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil Platôs, vol. 2. 2ª edição. São Paulo: Editora 34, 2012.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil Platôs vol. 1. 2ª edição. São Paulo: Editora 34, 2011.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. O Anti-Édipo: capitalismo e esquizofrenia 1. Tradução de Luiz B. L. Orlandi. São Paulo: Ed. 34, 2010.

FARIA, Marcelly Camacho Torteli. Um estudo do conto confissões de uma viúva moça, de Machado de Assis: experimentar o feminino. In: GRUPO TRANSVERSAL (Org.). Educação Menor: conceitos e experimentações. 2. ed. Curitiba: Appris, 2015. p. 141-159.

GALLO, Silvio. As múltiplas dimensões do aprender. Congresso de Educação Básica: Aprendizagem e Currículo. Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura de Florianópolis. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC. 07/02/2012.

GALLO, Silvio. Deleuze & a Educação. Belo Horizonte: Autêntica, 2017.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós modernidade. Rio de Janeiro: DP&A, 2006.

MACEDO, Elizabeth. Currículo como espaço Currículo como espaço-tempo de fronteira cultural. Revista Brasileira de Educação, v. 11, n. 32, p. 285-372, maio/ago. 2006.

NEIRA, Marcos Garcia. Educação Física cultural: inspiração e prática pedagógica. 1 ed. Jundiaí, São Paulo: Paco, 2018.

PASSOS Eduardo; KASTRUP, Virgínia; ESCÓSSIA, Liliana da. (Org.). Pistas do método da cartografia: Pesquisa-intervenção e produção de subjetividade. Porto Alegre: Sulina, 2015.

SCHÉRER, René. Aprender com Deleuze. Educação e Sociedade, Campinas, vol. 26, n. 93, p. 1183-1194, Set./Dez. 2005.

SILVA, Cintia Vieira da. Corpo e pensamento: alianças conceituais entre Deleuze e Espinosa. Campinas, São Paulo: Editora da Unicamp, 2013

WILLIANS, James. Pós-estruturalismo. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

Copyright (c) 2021 Filosofia e Educação

Downloads

Não há dados estatísticos.