Banner Portal
Educação popular, cultura e democracia
Imagem: Universidade de Nápoles Federico II, fundada em 1224. - Google / Licença Creative Commons.
PORTUGUÊS
ENGLISH (English)
VÍDEO
ÁUDIO

Palavras-chave

Educação popular
Universidade
Campesinato
Timor-Leste

Como Citar

URBAN, Samuel Penteado. Educação popular, cultura e democracia: reflexões acerca da universidade popular camponesa do Timor-Leste. Revista Internacional de Educação Superior, Campinas, SP, v. 10, n. 00, p. e024035, 2023. DOI: 10.20396/riesup.v10i00.8664664. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/riesup/article/view/8664664. Acesso em: 25 jul. 2024.

Resumo

Introdução/Objetivo: O presente texto busca refletir sobre o Instituto de Economia Fulidaidai-Slulu, compreendendo-o como uma universidade popular camponesa do Timor-Leste por meio da relação entre Educação Popular, cultura e democracia. Metodologia: Destaca-se que a presente reflexão apenas foi possível em função de minha experiência junto à construção do currículo dessa universidade camponesa, quando, em 2013, realizei atividades junto à Cooperação Brasileira no país leste-timorense, e num segundo momento, em 2017, quando atuei como docente do instituto como atividade do meu doutorado sanduíche junto a Universidade Nacional de Timor Lorosa’e. Resultados/Conclusão: Acerca dos resultados e conclusões, destaca-se que, não havendo uma desvinculação entre formação de mão de obra e formação humana, o instituto põe em prática a Educação Popular como expressão da cultura rebelde, atuando junto ao processo de conscientização dos camponeses, sendo que os próprios membros da União dos Agricultores de Ermera (UNAER) são também protagonistas desse processo educativo, atuando na disseminação e desenvolvimento de uma economia e de uma tecnologia ligada a outro modelo societário (democrático).

https://doi.org/10.20396/riesup.v10i00.8664664
PORTUGUÊS
ENGLISH (English)
VÍDEO
ÁUDIO

Referências

BARBOSA, Lia Pinheiro. Cultura e Educação no pensamento Gramsciano. Revista de Ciências Sociais, Fortaleza, v. 35, n. 2, 2004. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/revcienso/issue/view/722. Acesso em: 25 jan. 2021.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues; ASSUMPÇÃO, Raiane. Cultura rebelde: escritos sobre a educação popular ontem e agora. 1 ed. São Paulo, SP: Editora e Livraria Instituto Paulo Freire, 2009. 107 p. ISBN 9788561910297.

CHAUI, Marilena. Cultura e democracia. Revista latinoamericana de Ciencias Sociales, v. 1, n. 1, 2008. Disponível em: http://bibliotecavirtual.clacso.org.ar/ar/libros/secret/CyE/cye3S2a.pdf. Acesso em: 05 fev. 2021.

FREIRE, Paulo. Ação Cultural para a liberdade e outros escritos. 13 ed. Rio de Janeiro, RJ: Paz e Terra, 2010. 176 p. ISBN 9788577530236.

FREIRE, Paulo. Criando métodos de pesquisa alternativa. In: BRANDÃO, Carlos Rodrigues. Pesquisa participante. São Paulo, SP: Brasiliense, 1981. 211 p.

LEMOS, Cristina. Inovação na era do conhecimento. In: LASTRES, Helena Maria Martins; ALBAGLI, Sarita. Informação e globalização na era do conhecimento. Rio de Janeiro, RJ: Campus, 1999. 318 p. ISBN 853520489X.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. 17 ed. Rio de Janeiro, RJ: Paz e Terra, 1987. 184 p. ISBN 8521900058.

FREIRE, Paulo; NOGUEIRA, Adriano. Que fazer: Teoria e Prática em Educação Popular. 13 ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014. 92 p. ISBN 9788532605795.

GOHN, Maria da Glória. Educação Não Formal e Cultura Política. 5 ed. São Paulo: Cortez, 2011. 128 p. ISBN 9788524917233.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do Cárcere: notas sobre o Estado e a política. 4 ed., Rio de janeiro: Civilização Brasileira, 2002. 432 p. ISBN 9788520005378.

GRAMSCI, Antonio. Intelectuais e a Organização da Cultura. São Paulo: Civilização Brasileira, 1989.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do Cárcere: volume 2 – Os intelectuais, O princípio educativo, Jornalismo. 2 ed. Rio de janeiro: Civilização Brasileira, 2001. 332 p. ISBN 8520005128.

MARTINS, Marcos Francisco. Educação não escolar: discussão terminológica e mapeamento dos fundamentos das tendências. Revista Contrapontos - Eletrônica, Itajaí, v. 16, n. 1, 2016. Disponível em: https://siaiap32.univali.br/seer/index.php/rc/article/view/7609#:~:text=O%20artigo%20problematiza%20as%20terminologias,sustentado%20no%20materialismo%20hist%C3%B3rico%2Ddial%C3%A9tico. Acesso em: 12 dez. 2020.

NUNES, João Arriscado. O resgate da Epistemologia. In: SANTOS, Boaventura de Sousa; MENESES, Maria Paula. Epistemologias do Sul. Coimbra: CES, 2009. 518 p. ISBN 9789724037387.

SANTOS, Boaventura de Sousa. A universidade no século XXI: para uma reforma democrática e emancipatória da universidade. 3 ed. São Paulo, SP: Cortez, 2011. 116 p. ISBN 9788524916069.

SANTOS, Boaventura de Sousa. O fim do império cognitivo: a afirmação das epistemologias do Sul. 1 ed. Belo Horizonte, MG: Autêntica Editora, 2019. 478 p. ISBN 9788551304846.

SANTOS, Boaventura de Sousa; MENESES, Maria Paula. Epistemologias do Sul. 1 ed. Coimbra: CES, 2009. 518 p. ISBN 9789724037387.

SILVA, Antero Benedito da. FRETILIN Popular Education 1973-1978 and its relevance to Timor-Leste today. 2011. 327 f. Tese (Doutorado em Filosofia) – University of New England, Victoria, 2011.

SILVA, Antero Benedito da. Litercy model of the Maubere Pedagogy. In: URBAN, Samuel Penteado; SILVA, Antero Benedita; LINSINGEN, Irlan von. Popular education in Timor-Leste: past and present experiences. Mossoró, RN: EDUERN, 2020. 107 p. ISBN 9786599134487.

SILVA, Antonio Fernando Gouvêa da. Mesa-redonda - Freire e Saviani: proximidades e distanciamentos. GPTeFE (Grupo de Pesquisa Teorias e Fundamentos da Educação) e PPGEd (Programa de Mestrado em Educação), Sorocaba, 2016.

STRECK, Danilo R. et al. Educação Popular e Docência. 1 ed. São Paulo, SP: Cortez, 2014. 214 p. ISBN 9788524923111.

UNITED NATIONS (UN). Joint Program: Promoting Sustainable Food and Nutrition Security in Timor-Leste. Final Report. Díli, 2011. 49 p. Disponível em: http://www.mdgfund.org/sites/default/files/Signed_JP_Timor_Leste_Children_Sept09.pdf. Acesso em: jan. 2016.

URBAN, Samuel Penteado; SILVA, Antero Benedita; LINSINGEN, Irlan von. The Fulidaidai-Slulu Institute of Economics: Popular Education and Peasant Struggle. In: URBAN, Samuel Penteado; SILVA, Antero Benedita; LINSINGEN, Irlan von. Popular education in Timor-Leste: past and present experiences. Mossoró: EDUERN, 2020. 107 p. ISBN 9786599134487.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Samuel Penteado Urban

Downloads

Não há dados estatísticos.