Tecnologia e participação social no processo de produção e consumo de bens culturais: novas possibilidades trazidas pelas práticas letradas digitais mediadas pela internet

Autores

  • Denise Bértoli Braga Universidade Estadual de Campinas

Palavras-chave:

Internet. Participação social. Apropriação local das TICs. Letramentos digitais

Resumo

O presente artigo reflete sobre os limites sócio-estruturais que impedem a participação social mais ampla dos grupos economicamente desfavorecidos. O texto argumenta que, embora a Internet não garanta tal participação, ela propicia novos espaços para circulação social em práticas letradas diversas, inclusive aquelas de natureza hegemônica. Para ilustrar essa questão o artigo discute dados de uma entrevista realizada com um jovem líder que atua em uma comunidade localizada na periferia da cidade de Campinas, São Paulo. Os argumentos e colocações apresentados pelo entrevistado nos levam a refletir sobre a democratização dos modos de produção e consumo do conhecimento, em geral, e sobre a possibilidade de apropriação das TICs por comunidades periféricas, em particular.

ABSTRACT:

The present paper focuses on the limits socio-structurally imposed to exclude the social participation of economically disadvantaged groups in different spheres of cultural production and consumption. The paper argues that, although not guaranteeing new modes of participation, the Internet offers new virtual spaces that broaden the access to diversified ways of social circulation and participation in digital literacy practices, including those hegemonic in nature. To illustrate some of these major issues the study focuses on the data of an interview given by a young leader from a peripheral community located on the outskirts of the city of Campinas, São Paulo. The statements and arguments presented by the interviewee lead us to reflect on the process of democratization of knowledge production and consumption, in general, and about ICT appropriation by peripheral communities, in particular. Palavras chaves: Inte

Keywords: Internet; social participation; local appropriation of ICT resources; digital literacies

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Denise Bértoli Braga, Universidade Estadual de Campinas

Possui graduação em Letras Português/Inglês pela Universidade Federal do Paraná (1977), mestrado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (1982), doutorado em Educação pela Universidade de Londres (1990) e pós-doutorado na Universidade de Monash, Austrália (2009). É professora titular do Departamento de Linguística Aplicada da Universidade Estadual de Campinas onde atua como docente e pesquisadora desde 1980. Tem experiência na área de Leitura em Língua Materna e Estrangeira, com ênfase em Leitura Crítica. Desde 1996 tem se dedicado ao estudo do impacto das tecnologias digitais nas formas de comunicação, nas metodologias de ensino, com ênfase na produção de materiais digitais para estudo automonitorado. Foi a pesquisadora responsável pela implantação da área de pesquisa voltada para esses temas no curso de Pós-graduação em Linguística Aplicada da Unicamp. Atualmente atua na linha de pesquisa Linguagens e Tecnologias do curso de Linguística Aplicada e, além de questões relativas ao ensino de línguas mediado por computador, tem priorizado pesquisas que buscam caminhos para explorar os recursos da internet para criação de relações sociais mais horizontais. Esses diferentes trabalhos foram desenvolvidos em conjunto com equipes interinstitucionais e interdisciplinares de áreas Humanas e Técnicas. Foi desenvolvedora e coordenadora do curso digital Read in Web para leitura de textos acadêmicos em língua inglesa, patenteado pela Unicamp em 2014, e que em 2015 foi registrado como software livre.

Referências

BAUMAN, Z. (2001). Moderidade Línquida. Rio de Janeiro: Jorge Zahar.

_______. (2003). Comunidade: A busca por segurança no mundo atual. Rio de Janeiro: Jorge Zahar.

BRAGA, D. B. (2007a). Developing Critical Social Awareness Through Digital Literacy Practices Within the Context of Higher Education in Brazil. Language and Education a, v. 21, p. 180-196.

_______. (2007b). Práticas letradas digitais: considerações sobre possibilidades de ensino e reflexão social Crítica. In: Júlio César Araújo. (Org.). Internet & Ensino - Novos gêneros, outros desafios.

Rio de Janeiro: Lucerna, v. 1, p. 181-195.

_______. (2007c). Social interpretations and the uses of technology: A Gramscian explanation of the ideological differences that inform programmers positions. Critical Literacy in Global Citizenship Education, v. 1, p. 80-89.

BUZATO M. E. K. (2007). Entre a fronteira e a periferia: linguagem e letramento na inclusão digital.

Tese de doutoramento, IEL, UNICAMP.

_______. (2008). Inclusão digital como invenção do cotidiano: um estudo de caso. Revista Brasileira de Educação, v.13, n.38, p.325-413.

CERTEAU, M. (1994). Invenção do cotidiano: artes do fazer. Tradução Ephrain Ferreira Alves Petrópolis: Vozes.

GEE, J. (1991). Social Linguistics: Ideology in Discourses, London: Falmer Press.

GIDDENS, A. (1987). Social Theory and Modern Sociology. Cambridge: Polity Press.

GNERRE, M. (1991). Linguagem escrita e poder . São Paulo: Martins Fonte.

GRAMSCI, A. (1971). In: Q. Hoare & Nowell-Smith (Eds.) Selection from the Prison Notebooks London: Lawrence & Wishart.

JESSOP, B. (1989). Capitalism, nation-states and surveillance. Em: Held, D e Thompson J.B. Social Theory and Modern Societies : Anthony Giddens and his critics. Grã-Bretanha: Cambridge University Press.

HEATH, S. B. (1983). Ways with Words: Language, life and work in communities and classrooms. Nova Iorque: Cambridge University Press.

MICHAELS, S. E COLLINS M. (1984). Oral Discourse Styles: Classroom interaction and the acquisition of literacy. Em: Tannen, D (eds) Coherence in Spoken and Written Discourse. Norwood, New Jersey: Ablex Publishng Corporation, p. 219-244.

GUMPERZ, J. J. (1977). Sociocultural knowledge in conversational inference. Em: Saville-Troike, M.

(eds) Georgetown Round Table on Language and Linguistics. Washington: Linguistics and Anthropology.

POYNDER, E.S. (2006). http://poynder.blogspot.com/2006/03/interview-with-richard-stallman.html.

Consultado em 2/2/2007.

RAYMOND E.S. (2000). The Cathedral and the Bazaar http://www.catb.org~esr/writings/cathedral-bazaar/ cathedar-bazaar. Consultado em 30/01/ 2007.

Downloads

Publicado

2016-04-25

Como Citar

BRAGA, D. B. Tecnologia e participação social no processo de produção e consumo de bens culturais: novas possibilidades trazidas pelas práticas letradas digitais mediadas pela internet. Trabalhos em Linguística Aplicada, Campinas, SP, v. 49, n. 2, p. 373–391, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/tla/article/view/8645266. Acesso em: 28 out. 2021.

Edição

Seção

Artigos