Banner Portal
Imagem e escrita na construção da (in)coerência textual: episódios do ensino fundamental I
PDF

Palavras-chave

Linguística textual. Coerência textual. Práticas de letramento.

Como Citar

BUIN, Edilaine; ARAÚJO, Jonas Pereira de. Imagem e escrita na construção da (in)coerência textual: episódios do ensino fundamental I. Trabalhos em Linguística Aplicada, Campinas, SP, v. 57, n. 2, p. 1220–1243, 2018. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/tla/article/view/8651404. Acesso em: 20 maio. 2024.

Resumo

O presente artigo tem por finalidade analisar a construção da coerência textual, focando a relação entre escrita e imagem em três produções de estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental I, oriundos de uma escola pública de Itaporã-MS. Os dados apontam que, embora o conceito de coerência textual seja familiar à maioria dos docentes, para entender os processos de escrita dos sujeitos analisados é necessário que professores de língua materna voltem o olhar, acostumado a privilegiar a aquisição da ortografia da língua e o normativismo da tradição gramatical, para o desenvolvimento de outras competências linguísticas, associadas a práticas de letramento. A análise sugere que o conceito de coerência nos processos da aquisição da escrita seja mais bem compreendido se considerado a partir dessas práticas, deslocando-o do campo exclusivo da Linguística Textual.

PDF

Referências

ABAURRE, M. B. M. Uma história individual. In: ABAURRE, M. B. M.; FIAD, R. S.; MAYRINK-SABINSON, M. L T. Cenas de aquisição da escrita: o sujeito e o trabalho com o texto. Campinas: Associação de Leitura do Brasil/Mercado de Letras, 1997.

BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. São Paulo: Martins Fontes, 1992 (1929).

BUIN, E. A escrita na escola: a construção da coerência textual. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2012.

BUIN, E. Coerência textual na escola e práticas de letramento. Raído. Dourados, MS, v.9, n.18. 2015.

CORRÊA, M. L. G. O modo heterogêneo de constituição da escrita. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

GINZBURG, C. Mitos, emblemas, sinais: Morfologia e história. São Paulo: Companhia das Letras, 1999.

KOCH, I. V.; TRAVAGLIA, L. C. Texto e coerência. São Paulo: Cortez, 1990.

KOCH, I. V.; TRAVAGLIA, L. C. A coerência textual. São Paulo: Contexto, 2003.

KRESS, G.; VAN LEEUWEN, T. Reading Images: the grammar of visual design. London: Routledge, 1996.

MARCUSCHI, L. A. Produção textual, análise de gêneros e compreensão. São Paulo: Parábola Editorial, 2008.

RAMOS, P. A leitura dos quadrinhos. São Paulo: Contexto, 2009.

STREET, B. Perspectivas interculturais sobre o letramento. Tradução de Marcos Bagno. Revista de Filologia e Linguística Portuguesa, São Paulo, v. 8, p. 465-488, 2006.

SANTAELLA, L.; NÖTH, W. Imagem: Cognição, semiótica, mídia. 1. ed., São Paulo: Iluminuras, 2012.

O periódico Trabalhos em Linguística Aplicada utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto, em que:

  • A publicação se reserva o direito de efetuar, nos originais, alterações de ordem normativa, ortográfica e gramatical, com vistas a manter o padrão culto da língua, respeitando, porém, o estilo dos autores;
  • Os originais não serão devolvidos aos autores;
  • Os autores mantêm os direitos totais sobre seus trabalhos publicados na Trabalhos de Linguística Aplicada, ficando sua reimpressão total ou parcial, depósito ou republicação sujeita à indicação de primeira publicação na revista, por meio da licença CC-BY;
  • Deve ser consignada a fonte de publicação original;
  • As opiniões emitidas pelos autores dos artigos são de sua exclusiva responsabilidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.