Banner Portal
O diferencial da atuação de um licenciado em dança na construção da autonomia dos alunos em diferentes realidades
PORTUGUÊS

Palavras-chave

Dança
Ensino
Autonomia

Como Citar

CARUSO, Paula; TOPFSTEDT, Angélica Duarte; BERTHO, Caroline Gonsalvez; COSTA, Igor Manoel Rodrigues; TOMASIN, Raíssa Helena Ramos. O diferencial da atuação de um licenciado em dança na construção da autonomia dos alunos em diferentes realidades. Conceição/Conception, Campinas, SP, v. 7, p. 181–228, 2018. DOI: 10.20396/conce.v7i0.8653848. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conce/article/view/8653848. Acesso em: 20 abr. 2024.

Resumo

Este manifesto apresenta quatro relatos de experiências de Licenciandos no curso de Dança da Unicamp, que observaram em suas práticas docentes e nas práticas observadas em estágios, o desenvolvimento da autonomia dos alunos através da Dança. A principal das referência bibliográfica utilizada foi o livro “Pedagogia da Autonomia” de Paulo Freire, relacionando-o a outras referências teóricas sobre métodos e abordagens de Educação Somática.

https://doi.org/10.20396/conce.v7i0.8653848
PORTUGUÊS

Referências

ALEXANDER, Gerda. Eutonia caminho para a percepção corporal. 2ª edição brasileira. Tradução de José Luis Mora Fuentes. São Paulo: Martins Fontes Editora, 1991.

BELTRÃO, Bruno. Break dance: Fissão e reação em cadeia. In: Lições de dança 2. Rio de Janeiro: UniverCidade Editora, 2000.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. O que é o método Paulo Freire. 11ª edição. São Paulo: Editora Brasiliense, 1981. Coleção Primeiros Passos, nº 38.

FERRACINI, Renato. A presença não é um atributo do Ator. Capítulo de Livro In: Linguagem, Sociedade, Políticas.1ed.Campinas e Pouso Alegre : RG e Univás, 2014, v.1, p. 227-237.

FORTIN, Sylvie. Educação somática: novo ingrediente da formação pratica em dança. Tradução de Márcia Strazzacappa. In: GREINER, Cristine (Org.). Cadernos do GIPE-CIT, n.2. Salvador: UFBA, 1999. p. 40-55.

FREIRE, Paulo. Educação e mudança. Editora Paz e terra, 2014.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz & Terra, 1996.

FREIRE, Paulo - Pedagogia da esperança: Um reencontro com a Pedagogia do Oprimido – Notas: Ana Maria Araújo Freire Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.

FREIRE, Paulo – Pedagogia do Oprimido, 17ª. ed. Rio de Janeiro, Paz e Terra,1987.

GERALDI, Silvia Maria. Representações sobre técnicas para dançar. In: Sigrid Nora (Org.) Húmus 2. Caxias do Sul, RS:Lorigraf, 2007, v.2, p. 75-87.

GERALDI, Silvia Maria. Aprendizagem orgânica: a contribuição do método feldenkrais à educação da dança e do movimento. In: o avesso do avesso do corpo: educação somática como práxis: 97.

MARTINS, Rosana. Hip Hop: o estilo que ninguém segura. Santo André: Prima Linha, 2005.

MILLER, J. A escuta do corpo: sistematização da Técnica Klauss Vianna. São Paulo: Summus, 2007.

MILLER, J. Qual é o corpo que dança?: dança e educação somática para adultos e crianças. São Paulo: Summus, 2012.

VIANNA, K. A dança. São Paulo: Summus, 2008.

MILLER, Jussara – Dança e educação somática: a técnica na cena contemporânea in: O avesso do avesso do corpo - educação somática como práxis /Organizadores: Cristiane Wosniak, Nirvana Marinho– Joinville: Nova Letra, 2011.p. 149-161

NEGRAXA, Thiago. As danças da cultura Hip Hope e Funk Styles. SÃO PAULO: ALL PRINT EDITORA, 2015.

OLIVEIRA, Daniella Machado de; OLIVEIRA, Daniella Machado de. Contribuições para o estudo da adolescência sob a ótica de Winnicott para a Educação. Psicologia em Revista, Belo Horizonte, v. 16, n. 1, p.64-80, abr. 2010

SILVA, A. C. R. Dança de Rua: do ser competitivo ao artista da cena. 15/12/2014. 297p. Dissertação (Mestrado em Artes da Cena) - Universidade Estadual de Campinas. Campinas, SP - 2014.

Licença Creative Commons
A Conceição/Conception utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto. A revista permite que o autor retenha os direitos de publicação sem restrições.

Downloads

Não há dados estatísticos.