A integração dos sistemas de educação superior na Europa: de Roma a Bolonha ou da integração econômica à integração acadêmica

Autores

  • Mário Luiz Neves de Azevedo Universidade Estadual de Maringá

DOI:

https://doi.org/10.20396/etd.v9in.esp..731

Palavras-chave:

Política educacional. Processo de Bolonha. Reformas.

Resumo

Este trabalho trata a respeito do processo de integração dos sistemas de educação superior na Europa, região que, desde o fim da segunda guerra mundial, está procurando eliminar as fronteiras em todos os âmbitos. O Processo de Bolonha, homenagem à universidade mais antiga da Europa, é o nome do conjunto dos eventos (reuniões, resoluções e normas) relativos às medidas de implementação dos princípios da reunião de ministros da educação europeus que ocorreu em Bolonha, em 1999, com a finalidade de construir um espaço europeu de educação superior até o ano 2010, cujos objetivos fundamentais encetam, principalmente, para a competitividade do Sistema Europeu de Ensino Superior frente a outras regiões e para a mobilidade e o emprego no Espaço Europeu. Dessa maneira, analisa-se também o papel dos atores sociais nesse processo e a discussão a respeito da natureza da educação superior: um bem público catalisador da solidariedade internacional ou uma mercadoria a ser explorada na construção de um mercado educativo transnacional. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mário Luiz Neves de Azevedo, Universidade Estadual de Maringá

Doutor em Educação pela Universidade de São Paulo Vice Reitor da Universidade Estadual de Maringá

Referências

AMARAL, A. Reformas na União Européia e sua implementação: balanço e perspectivas. São Paulo. Disponível em: www.mec.gov.br. Acesso em: 15 dez. 2005.

ATTALI, J. Pour un modèle européen d'enseignement supérieur. Rapport de la Comission présidée par Jacques Attali. Paris: Éditions Stock, 1998.

BOURDIEU, P. Contre-feux. Paris:Éditions Liber-Raisons d'Agir, 1998.

BOURDIEU, P. Razões práticas: sobre a teoria da ação. Tradução Mariza Corrêa. Campinas: Papirus, 1996.

BOURDIEU, P. Os usos sociais da ciência: por uma sociologia do campo científico. São Paulo: UNESP, 2004.

DIAS SOBRINHO, J. Dilemas da educação superior no mundo globalizado. Sociedade do conhecimento ou economia do conhecimento? São Paulo: Casa do Psicólogo, 2005.

GRAMSCI, A. Maquiavel, a política e o Estado moderno. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1989.

GRUPPI, L. O Conceito de hegemonia em Gramsci. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1980.

HEFCE/OECD. Financial management and governance in HEIs: England. Londres. Disponível em: www.hefce.ac.uk. Acesso em: 7 jul 2005.

IAU (Internacional Association of Universities). Sharing quality higher education across borders: a statement on behalf of higher education institutions worldwide. Paris, 2004. Disponível em: www.unesco.org/iau. Acesso em: 22 jan. 2006.

IAU (Internacional Association of Universities). Internationalization Survey (preliminary findings report). Paris. Disponível em: www.unesco.org/iau. Acesso em: 22 jan. 2006.

KNIGHT, J. Internationalization Survey (preliminary findings report). Paris. Disponível em: www.unesco.org/iau. Acesso em 22 jan 2006.

LÊNIN, V. Sobre os Sindicatos. São Paulo: Polis, 1979.

MARX, K.; ENGELS, F. O manifesto do partido comunista. Obras Escolhidas. São Paulo: Alfa-Omega, s/d. Volume 1.

MATHIEU, Jean-Luc. L ́Union Européenne. Paris: PUF, 1998.

PORTUGAL. A declaração de Bolonha e o sistema de graus do ensino superior: bases para uma discussão. Lisboa: 2001. Mimeo

Realising the European Higher Education Area. Communiqué of the Conferenceof European Ministers Responsible for Higher Education, Berlin, 19 Sep. 2003. Disponível em: http://eees.universia.pt. Acesso em: 15 jul. 2005.

SILVA JUNIOR, J. R.; OLIVEIRA, J. F.; MANCEBO, D. (Org.). Reforma universitária: dimensões e perspectivas. Campinas: Editora Alínea/ANPEd, 2006. (Coletânea Políticas Universitárias-GT 11 “Política de Educação Superior”).

The Bologna Declaration. Communiqué of the Conference of European Ministers Responsible for Higher Education, Berlin, 19 Jun.. 1999. Disponível em: http://eees.universia.pt. Acesso em: 15 jul. 2005.

The European Higher Education Area: Achieving the Goals. Communiqué of the Conference of European Ministers Responsible for Higher Education, Bergen, 19-20 May 2005. Disponível em: http://eees.universia.pt. Acesso em: 15 jul. 2005.

The Sorbonne Declaration. Communiqué of the Conferenceof European Ministers Responsible for Higher Education, Berlin, 1998. Disponível em: http://eees.universia.pt. Acesso em: 15 jul. 2005.

TILAK, J. Are we marching towards laissez-faireism in higher education development? In: IAU. The Wealth of Diversity: The Role of Universities in Promoting Dialogue and Development. 2004 General Conference. São Paulo: Edusp/IAU, 2005.

Towards the European Higher Education Area: responding to challenges in a globalised world. London Communiqué. London: 18 may 2007. Disponível em: http://www.cicic.ca. Acesso: 1 out. 2007.

UNESCO/OCDE. Directrices en materia de calidad de la ecucación superior a través de las fronteras. Paris: 2006. Extraído de www.unesco.org. Acesso em 20 mar 2006.

Downloads

Publicado

2008-11-17

Como Citar

AZEVEDO, M. L. N. de. A integração dos sistemas de educação superior na Europa: de Roma a Bolonha ou da integração econômica à integração acadêmica. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 9, p. 133-149, 2008. DOI: 10.20396/etd.v9in.esp.731. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/731. Acesso em: 31 out. 2020.