“Modos de existência” como dispositivo teórico-conceitual

contribuições de Michel Foucault e Étienne Souriau à pesquisa educacional

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/etd.v22i4.8655333

Palavras-chave:

Pesquisa e educação, Pensamento, Existência, Filosofia

Resumo

O estudo focaliza o campo da pesquisa educacional, discutindo a natureza do trabalho de pensamento frente a um problema de investigação. A partir do pensamento de Michel Foucault e Étienne Souriau, aborda o dispositivo teórico-conceitual “modos de existência”, destacando como ambos os pensadores produzem a implicação entre um pensamento das artes e um pensamento filosófico no enfrentamento da questão. O trabalho busca demonstrar como tal procedimento confere aos modos de existência uma condição estratégica de dispositivo teórico-conceitual, ultrapassando assim os territórios de problematização nos quais foram forjados. Foucault discute modos de existência a partir de uma problematização do sujeito e da experiência, sugerindo, no horizonte de uma dessubjetivação radical, uma experiência da impossibilidade. Souriau discute modos de existência a partir de uma problematização da obra estética, evocando, no trabalho mesmo dessa obra, os movimentos singulares de instauração e inacabamento. Dado o tratamento de ambos os pensadores à questão dos modos de existência, torna-se possível empreender uma abordagem de natureza indissociavelmente política, ética e estética, aspectos que ativam implicações estratégicas no campo da educação e, particularmente no âmbito da pesquisa em educação, uma vez que uma problematização dos modos de existência opera em favor de uma problematização do próprio modo de existência de um problema de investigação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cintya Regina Ribeiro, Universidade de São Paulo

Pós doutora em Ciências Humanas e Sociais - Faculdad de Filosofía y Letras - Universidad de Buenos Aires,  Argentina. Doutora e Mestre em Educação - Universidade de São Paulo. Docente pesquisadora - Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo. 

Referências

FOUCAULT, Michel. Ditos e escritos V: Ética, sexualidade, política. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2004.

FOUCAULT, Michel. Ditos e escritos VI: repensar a política. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2010.

FOUCAULT, Michel. Ditos e escritos IX: Genealogia da ética, subjetividade e sexualidade. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2014.

FOUCAULT, Michel. A coragem da verdade. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2011.

LAPOUJADE, David. As existências mínimas. São Paulo: n-1 edições, 2017.

SOURIAU, Étienne. Los diferentes modos de existencia. Ciudad Autónoma de Buenos Aires, Cactus, 2017.

Downloads

Publicado

2020-11-09

Como Citar

RIBEIRO, C. R. “Modos de existência” como dispositivo teórico-conceitual: contribuições de Michel Foucault e Étienne Souriau à pesquisa educacional. ETD - Educação Temática Digital, Campinas, SP, v. 22, n. 4, p. 912–930, 2020. DOI: 10.20396/etd.v22i4.8655333. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/8655333. Acesso em: 4 dez. 2021.