Contribuições da pedagogia histórico-crítica para a educação especial brasileira

Autores

  • Régis Henrique dos Reis Silva UFG e Unicamp

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v14i58.8640380

Palavras-chave:

Educação Especial. Pedagogia Histórico-Crítica. Psicologia Histórico-Cultural

Resumo

Este texto discute sucintamente as contribuições da pedagogia histórico-crítica para a área de educação especial brasileira e também demonstra que a defesa da socialização do conhecimento, por meio da escola, a todas as pessoas, inclusive aos deficientes, está em consonância com a luta de classes em uma perspectiva histórico-filosófica e político-social. Para tanto, primeiramente trataremos dos desafios da educação especial brasileira na contemporaneidade. Na sequência, abordaremos, a partir de alguns apontamentos sobre a pedagogia histórico-crítica e psicologia histórico-cultural, suas contribuições para a educação especial. Por fim, recuperaremos, a partir do exposto, as sínteses e articulações necessárias para demonstrar que a defesa da socialização do conhecimento por meio da escola a todas as pessoas, inclusive aos deficientes, faz parte da luta de classes, particularmente a que se realiza no âmbito educacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Régis Henrique dos Reis Silva, UFG e Unicamp

Doutor em Filosofia e História da Educação pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); Professor Adjunto da Universidade Federal de Goiás (UFG); e Pesquisador do Grupo de Estudos e Pesquisas em Filosofia da Educação da Unicamp (Paideia/Unicamp).

Referências

ANTUNES, R. Os sentidos do Trabalho: ensaio sobre a afirmação e a negação do trabalho. 2. ed. São Paulo, SP: Boitempo, 2009. 287 p. (Coleção Mundo do Trabalho)

BARROCO, S. M. S. Pedagogia histórico-crítica, psicologia histórico-cultural e educação especial: em defesa do desenvolvimento da pessoa com e sem deficiência. In:

MARSIGLIA, A. C. G. (Org.). Pedagogia histórico-crítica: 30 anos. Campinas, SP: Autores Associados, 2011. (Coleção Memória da Educação)

BUENO, J. G. S. A pesquisa educacional e a transformação das práticas escolares. In: DECHICHI, C; SILVA, L. C. da. (Orgs.) Inclusão escolar e educação especial: teoria e prática na diversidade. Uberlândia: EDUFU, 2008. p. 65-80.

BUENO, J. G. S. Educação Especial brasileira: integração/segregação do aluno diferente. São Paulo: EDUC, 1993.

DI GIORGI, C. A. G. Concepções do Banco Mundial e outros organismos internacionais sobre educação: problemas e contradições. Revista Nuances – v. II – out. 1996. Unicamp, SP.

DORÉ, R. et al. A integração escolar: os principais conceitos, os desafios e os fatores de sucesso no secundário. In: MANTOAN, M. T. E. et al. A Integração de pessoas com deficiência: contribuições para uma reflexão sobre o tema. São Paulo: Menom/SENAC, 1998. p. 174-183.

DUARTE, N. Lukács e Saviani: a ontologia do ser social e a pedagogia histórico-crítica. In: SAVIANI, D; DUARTE, N. Pedagogia histórico-crítica e luta de classes na educação escolar. Campinas, SP: Autores Associados, 2012.

FREITAS, L. C. de. A internalização da exclusão. Educação e Sociedade. Campinas, v. 23, n. 80, set. 2002. p. 299-325.

FRIGOTTO, G. A nova e as velhas faces da crise do capital e o labirinto dos referenciais Teóricos. In: FRIGOTTO, G; CIAVATTA, M. (Orgs.). Teoria e Educação no Labirinto do Capital. 2. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2001.

GARCIA, R. M. C; MICHELS, M. H. A política de educação especial no Brasil (1991-2011): uma análise da produção do GT 15 – educação especial da ANPED. Rev. Bras. Ed. Esp., Marília, v.17, Maio-Ago. 2011. Edição Especial. p. 105-123.

GARCIA. R. M. C. Políticas públicas de inclusão: uma análise no campo da educação especial brasileira. 2004. Tese (Doutorado em Educação). UFSC. Florianópolis, 2004.

JANNUZZI, G, S de M. A educação do deficiente no Brasil: dos primórdios ao início do século XXI. 2. ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2006. 243 p.

KASSAR, M. de C. M. Percursos da constituição de uma política brasileira de educação especial inclusiva. Rev. Bras. Ed. Esp. Marília, v.17, Maio-Ago., 2011. Edição Especial. p. 41-58.

LANCILLOTTI, S. S. P. Deficiência e trabalho: redimensionando o singular no contexto universal. Campinas, SP: Autores Associados, 2003. (Coleção Polêmicas do Nosso Tempo, 85). 111 p.

MENDES, E. G. A radicalização do debate sobre inclusão escolar no Brasil. Rev. Bras. Educ., Campinas: Autores Associados, v. 11, n. 33, set./dez., 2006. p. 387-405.

MENDES, E. G. Breve histórico da educação especial no Brasil. Revista Educación y Pedagogía, Medellín, Universidad de Antioquia, Facultad de Educación, vol. 22, n. 57, mayo-agosto, 2010. p. 93-109.

MORAES, M. C. M. de. Recuo da teoria: dilemas na pesquisa em educação. Revista Portuguesa de Educação. Vol.14(1), p.7-25, Universidade do Minho, 2001.

VILARINHO NETO, S. Equidade: apontamentos para a educação do corpo. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 33, n. 1, jan./mar. 2011. p. 135-148.

OLIVEIRA, C. B. de. Políticas educacionais inclusivas para a criança deficiente: concepções e veiculações no Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte, 1978-1999. 2003. Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Faculdade de Educação Física, Unicamp, Campinas/SP, 2003.

PLATT, A. D. O paradigma inclusivo das políticas educacionais e o paradigma excludente das políticas econômicas nos anos 90: o constructo sócio conceitual da normalidade/anormalidade (ou adequação social). Tese (Doutorado em Educação). Unicamp. Campinas, SP, 2004.

SANFELICE, J. L. Inclusão educacional no Brasil: limites e possibilidades. Revista deEducação/PUC-Campinas. Campinas, n. 21, nov. 2006. p. 29-40.

SAVIANI, D; DUARTE, N. Pedagogia histórico-crítica e luta de classes na educação escolar. Campinas, SP: Autores Associados, 2012.

SAVIANI, D. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 10. ed. rev. Campinas, SP: Autores Associados, 2008. (Coleção Educação Contemporânea)

VIDAL, M. H. C. V. Atando nós que constroem redes... A expansão da rede Pitágoras no contexto da transnacionalização da educação. 2006. 159 f. Dissertação. (Mestrado em Educação). Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2006.

Downloads

Publicado

2015-01-30

Como Citar

SILVA, R. H. dos R. Contribuições da pedagogia histórico-crítica para a educação especial brasileira. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 14, n. 58, p. 78–89, 2015. DOI: 10.20396/rho.v14i58.8640380. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8640380. Acesso em: 23 out. 2021.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>