A política de educação especial do estado do Paraná nas décadas de 1970 e 1980

Autores

  • Vera Lucia Ruiz Rodrigues da Silva UNIOESTE
  • Paulino José Orso UNIOESTE
  • Dorisvaldo Rodrigues da Silva UNIOESTE

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v15i64.8641940

Palavras-chave:

Educação Especial. Integração. História. Paraná

Resumo

Este artigo aborda, de forma resumida, resultados de pesquisa realizada durante a dissertação intitulada Educação da Pessoa com Deficiência no Estado do Paraná nas décadas de 1970 e 1980: coexistência de atendimento em escolas públicas regulares e em especiais privadas/filantrópicas. Tem como objetivo compreender como o atendimento na área de educação especial foi oficializado pelo Estado, constituindo legalmente a possibilidade de oferta educacional em ambientes escolares públicos e privados/filantrópicos. O trabalho de pesquisa centrou-se em revisão bibliográfica de fontes primárias e secundárias existentes em instituições públicas, banco de dados de teses e dissertações e busca por registros documentais, como as Mensagens de Governadores apresentadas na Assembleia Legislativa do período investigado. O Estado do Paraná implementou ações relacionadas à Educação Especial, por meio de legislações estaduais que foram pautadas na Política do CENESP – Centro Nacional de Educação Especial. Deste modo, frente à concepção de pessoa com deficiência presente nas propostas de currículo destinadas para esse segmento, a expansão do atendimento em escolas especiais superou o atendimento no ensino regular.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vera Lucia Ruiz Rodrigues da Silva, UNIOESTE

Mestre em Educação. Pedagoga. Coordenadora do Programa Institucional de Ações Relativas às Pessoas com Necessidades Especiais (PEE) da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). Membro dos grupos de Pesquisas História, Sociedade e Educação no Brasil – Grupo do Oeste do Paraná (HISTEDOPR), e Estudos Marxistas em Educação.

Paulino José Orso, UNIOESTE

Doutor em Educação. Docente da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). Líder do Grupo de Pesquisa História, Sociedade e Educação no Brasil – Grupo do Oeste do Paraná (HISTEDOPR).

Dorisvaldo Rodrigues da Silva, UNIOESTE

Mestre em Engenharia de Produção. Psicólogo. Coordenador do Centro de Reabilitação Física da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). Membro do Programa Institucional de Ações Relativas às Pessoas com Necessidades Especiais (PEE) da UNIOESTE

Referências

BRASIL. Senado Federal. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei n.o 4.024, de 20 de dezembro de 1961. Fixa as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília: 1961. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L4024.htm. Acesso em: 30 maio 2012.

BRASIL. Senado Federal. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei n.o 5.692, de 11 de agosto de 1971. Fixa as Diretrizes e Bases para o ensino de 1o e 2o graus, e dá outras providências. Disponível em: http://www.pedagogiaemfoco.pro.br/l5692_71.htm. Acesso em: 30 maio 2012.

BRASIL. Presidência da República. Decreto no 72.425, de 3 de julho de 1973. Cria o Centro Nacional de Educação Especial (CENESP), e da outras providências. Brasília/DF, 1973.

BRASIL. Diretrizes básicas para ação do Centro Nacional de Educação Especial. (Extraídas do Projeto Prioritário n. 35 – Educação Especial do Plano Setorial de Educação e Cultura. 1972/1974). Brasília/DF, 1974.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Centro Nacional de Educação Especial – CENESP. Proposta curricular para deficientes visuais. Volume I. Elaboração: Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Convênio CENESP-PREMEN. Brasília, DF: Departamento de Documentação e Divulgação, 1979a.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Centro Nacional de Educação Especial – CENESP. Proposta curricular para deficientes visuais: Manual do professor. Volume IV. Elaboração: Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Convênio CENESP-PREMEN. Brasília, DF: Departamento de Documentação e Divulgação, 1979b.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Centro Nacional de Educação Especial – CENESP. Proposta curricular para deficientes mentais educáveis. Volume I. Elaboração: Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Convênio CENESP-PREMEN. Brasília, DF: Departamento de Documentação e Divulgação, 1979c.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Centro Nacional de Educação Especial – CENESP. Proposta curricular para deficientes auditivos. Volume I. Elaboração: Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Convênio CENESP-PREMEN. Brasília, DF: Departamento de Documentação e Divulgação, 1979d.

BRASIL. História do Movimento Político das Pessoas com Deficiência no Brasil. Compilado por Mário Cléber Martins Lanna Júnior. - Brasília: Secretaria de Direitos Humanos. Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência, 2010.

BUENO, J. G. S. Educação Especial brasileira: integração/segregação do aluno diferente. São Paulo: EDUC; PUC/SP, 1993.

CANZIANI, M. L. B. Educação Especial: visão de um processo dinâmico e integrado. Curitiba: Educa, 1985.

CARVALHO, R. E. A nova LDB e a Educação Especial. Rio de Janeiro: WVA, 1997.

GONÇALVES, N. G. Desenvolvimentismo e educação no Paraná (décadas de 1969 e 1970). Diálogos, Maringá, v. 1, n. 1, p. 143-171, 1997.

HOTZ C. Estado e política educacional no Brasil (1979 a 1989). 200 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2008.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado por ocasião da abertura da 3a Sessão Ordinária da 4a Legislatura pelo Senhor Ney Aminthas de Barros Braga. Curitiba, 1961.

PARANÁ. Decreto no 10.527, 11 de janeiro de 1963. Atos do Poder Executivo. Diário Oficial do Estado. Curitiba, 11 jan. 1963.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Conselho Estadual de Educação. Lei n° 4.978, de 5 de dezembro de 1964. Estabelece o Sistema Estadual de Ensino. Curitiba, 1964.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor Jayme Canet Junior. Curitiba, 1977.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor Jayme Canet Junior. Curitiba, 1978.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor Jayme Canet Junior. Curitiba, 1979.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor Ney Aminthas de Barros Braga. Curitiba, 1980.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor Ney Aminthas de Barros Braga. Curitiba, 1982.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor José Richa. Curitiba, 1985.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor José Richa. Curitiba, 1986.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor João Elisio Ferraz de Campos. Curitiba, 1987.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor Álvaro Dias. Curitiba, 1988.

PARANÁ. Governo do Estado do Paraná. Mensagem apresentada à Assembleia Legislativa do Estado pelo Senhor Álvaro Dias. Curitiba, 1989.

PARANÁ. Secretaria de Estado da Educação. Departamento de Educação Especial. Fundamentos teórico-metodológicos para a Educação Especial. Curitiba: SEED/DEE, 1994.

TRINTIN, J. G. A nova economia paranaense: 1970-2000. Maringá: Eduem, 2006.

Downloads

Publicado

2015-11-23

Como Citar

SILVA, V. L. R. R. da; ORSO, P. J.; SILVA, D. R. da. A política de educação especial do estado do Paraná nas décadas de 1970 e 1980. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 15, n. 64, p. 251–265, 2015. DOI: 10.20396/rho.v15i64.8641940. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8641940. Acesso em: 30 nov. 2021.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>