Percalços e desafios da profissão docente no meio rural em Ariquemes (RO)

trilhas de um caminho

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v20i0.8655941

Palavras-chave:

Escola rural, Magistério rural, Escolas multisseriadas

Resumo

O artigo objetiva analisar os percalços e desafios enfrentados por professoras e professores para o exercício da profissão docente no meio rural entre as décadas de 1980 a 1990 em Ariquemes – RO, região Norte do Brasil. Entre as indagações destacamos: de que modo o magistério rural estava organizado em termos de carreira e grau de instrução de professoras e professores? Quais as atribuições das professoras e professores nos cotidianos das escolas rurais? Em termos metodológicos utilizamos fontes históricas diversas, entre elas declarações; discursos governamentais e fontes orais coletadas por meio de entrevistas semiestruturadas com professoras e professoras que exerceram e/ou ainda exercem o magistério no meio rural. Compreende-se a partir da investigação que o ingresso na carreira docente ocorria por meio de indicação da comunidade e que a prática docente nas escolas rurais eram de modo multisseriado. As quatro primeiras séries do primeiro grau dividiam o mesmo espaço da escola e as professoras e professores rurais enfrentavam várias dificuldades, alguma delas: percorrer longínquas distâncias para lecionar, tripla e quádrupla função, entre outras funções. Por estes artifícios as professoras e professores representavam o modelo social do intelectual cidadão e lecionar nas escolas rurais não representava um serviço, tampouco uma inserção no mercado de trabalho, mas uma ajuda a sua própria comunidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roger dos Santos Lima, Universidade Federal de Rondônia

Mestre em  Educação pela Universidade Federal de Rondônia. Professor da Faculdades Integradas de Ariquemes. 

Josemir Almeida Barros, Universidade Federal de Rondônia

Doutor em Educação pela Universidade Federal de Uberlândia. Professor da Universidade Federal de Rondônia.

Referências

ADHARA. Ariquemes, 06 de julho 2018. Entrevista concedida ao pesquisador.

ALTAIR. Ariquemes, 27 de junho 2018. Entrevista concedida ao pesquisador.

BLOCH, M. Apologia da história, ou o ofício de historiador. Rio de Janeiro: Zahar, 2001.

BRASIL. Lei 5.692, de 11 de agosto de 1971. Fixa Diretrizes e Bases para o ensino de 1° e 2º graus, e dá outras providências. Brasília, DF: 1971. Disponível em: https://goo.gl/7UxpjF. Acesso em: 15 jun. 2018.

CALAZANS, M. J. C. Professor/produtor rural e seus múltiplos trabalhos. Educ. Rev. [online], n. 02, p. 12-18, 1985. Disponível em: https://goo.gl/kd9Co2. Acesso em: 09 out. 2018.

CORRÊA, R. L. T. Aspectos de trajetórias de professoras rurais no Paraná (1957-1979). Cadernos de história da educação, v. 17, n. 2, p. 365-379, maio/ago. 2018. Disponível em: https://goo.gl/nehHAa. Acesso em: 06 ago. 2018. DOI: https://doi.org/10.14393/che-v17n2-2018-6

DECLARAÇÃO Ariquemes-RO, 06 de maio de 1988. Ariquemes, RO: SEMEC, 1988.

DECLARAÇÃO Ariquemes-RO, 12 de jan. de 1984. Ariquemes, RO: SEMEC, 1984.

DISCURSO proferido pelo Deputado Jerônimo Santana na Câmara dos Deputados em 06 de maio de1981. In: BRASIL. Em defesa do povo de Ariquemes. Brasília: Coordenação de Publicação, 1981. p. 45.

DUARTE, S. G. Dicionário brasileiro de educação. Rio de Janeiro: Nobel, 1986.

GONÇALVES, M. C. “Eu era professora, era catequista, era enfermeira, eu era tudo!”: a profissão docente no meio rural piauiense (1971-1989). 2015. 198p. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Piauí, Piauí, 2015.

GOUVEIA, C. T. G. de. O projeto logos II em Rondônia: a implantação do projeto-piloto e as mudanças em sua organização político-pedagógica. 2016. 157p. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2016.

LE GOFF, J. (Org.). A história nova. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1990.

LIMA, A. M. de. Achegas para história da educação no estado de Rondônia. 2. ed. Porto Velho: SEDUC, 1993.

MEIHY, J. C. S. Bom. Manual de história oral. 5. ed. São Paulo: Loyola, 2005.

PIACENTINE, A. P. F. da. S. História da formação para professores leigos rurais: o curso de magistério rural em Dourados, na década de 1970. 2012. 93p. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2012.

ZANIAH. Ariquemes, 27 de junho 2018. Entrevista concedida ao pesquisador.

Downloads

Publicado

2020-07-09

Como Citar

LIMA, R. dos S. .; BARROS, J. A. Percalços e desafios da profissão docente no meio rural em Ariquemes (RO): trilhas de um caminho. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 20, p. e020032, 2020. DOI: 10.20396/rho.v20i0.8655941. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8655941. Acesso em: 28 set. 2022.