Artistas franceses no Brasil

Descrição e promoção de sua imagem na imprensa do século XIX

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24978/mod.v3i2.4129

Palavras-chave:

Século XIX, Brasil, artistas franceses, imprensa.

Resumo

A imprensa foi um dos principais veículos de divulgação da imagem do artista. Nas décadas de 1840 a 1860, a construção de sua identidade, a promoção de suas habilidades e suas funções transcorreram de forma crescente nos jornais e periódicos, onde a descrição destas características por meio da escrita era elemento fundamental para a sua apresentação e reconhecimento perante o público. Neste campo, os artistas franceses residentes no Rio de Janeiro e que não integravam a Academia Imperial de Belas Artes foram grandes protagonistas. Pretende-se, neste artigo, a partir de uma pequena amostra de seis artistas – Louis Boulanger, Gros de Prangey, Alfred Martinet, os irmãos Moreaux e Sébastien Sisson -, analisar como estas descrições eram realizadas na imprensa a fim de construir sua autoimagem e promoção. 



Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elaine Dias, Universidade Federal de São Paulo

Docente no Departamento de História da Arte da Universidade Federal de São Paulo.

Referências

BALDASARRE, Maria Isabel. La imagen del artista. La construccion del artista professional a través de la prensa ilustrada. In: MALOSETTI COSTA, Laura; GENE, Marcela (compiladoras). Impresiones porteñas: imagen y palabra en la historia cultural de Buenos Aires. Buenos Aires: Edhasa, 2009.

________. Retratos de atelier entre Europa y América. In VALLE, A.; DAZZI, C.; PORTELLA, I. (orgs.). Oitocentos. Tomo IV: O ateliê do artista. Rio de Janeiro: CEFET/RJ, Dezenovevinte, 2017.

BONNET, Alain. La transformation de l’artiste. In: Catalogue l’artiste en représentation. Lyon: Fage Éditions, 2012.

CAMPIOFIORITO. História da pintura brasileira no século XIX. Vol. 3. A pintura posterior à Missão Francesa. 1835-1870. Rio de Janeiro: Edições Pinacotheke, 1983.

CATALOGUE SALON. Explication des ouvrages de peinture et dessins, sculpture, architecture et gravure des artistes vivants. Paris, 1838.

DIAS, Elaine. Paisagem e Academia. Félix-Émile Taunay e o Brasil. Campinas: Editora da Unicamp, 2009.

ESNER, Rachel. Nos artistes chez eux. L’image des artistes dans la presse illustrée. In: Catalogue l’artiste en représentation. Lyon: Fage Éditions, 2012.

FERREIRA, Orlando da Costa. Imagem e letra. São Paulo: Edusp, 1994.

FERREZ, Gilberto. A fotografia no Brasil. 1840-1900. Rio de Janeiro: Funarte, 1985.

HALLWELL, Lawrence. O Livro no Brasil: sua história. São Paulo: Edusp, 2005.

MACIEL LEVY, Carlos. Exposições Gerais da Academia Imperial e da Escola Nacional de Belas Artes. Período monárquico. Catálogo de Artistas e obras entre 1840 e 1884. Rio de Janeiro: ArteData, 2003.

MAUAD, Ana Maria. Imagem e autoimagem no Segundo Reinado. In: ALENCASTRO, L. F. História da vida privada no Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 1997.

MARQUES DOS SANTOS, Francisco. Dois artistas franceses no Rio de Janeiro: Armand Julien Pallière e Luiz Aleixo Boulanger. In: Revista do SPHAN, n. 3, 1939.

SANTOS, Renata. A imagem gravada. A gravura no Rio de Janeiro entre 1808 e 1853. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2008.

SCHWARCZ, Lília. As barbas do imperador. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

SILVA, Rosangela. O espaço do criador em um espaço de criação: a imprensa ilustrada oitocentista e o artista na América Latina. In: VALLE, A.; DAZZI, C.; PORTELLA, I. (orgs.). Oitocentos. Tomo IV: O ateliê do artista. Rio de Janeiro: CEFET/RJ, Dezenovevinte, 2017.

SIMIONI, Ana Paula. Profissão artista. Pintoras e escultoras acadêmicas brasileiras. São Paulo: Edusp, 2008.

VALLE, Arthur. A imagem do artista na imprensa carioca entre fins do século XIX e início do XIX. In: Catálogo da exposição Trabalho de artista: imagem e autoimagem (1826-1929). São Paulo: Pinacoteca de São Paulo, 2018.

Downloads

Publicado

2019-05-19

Como Citar

DIAS, E. Artistas franceses no Brasil: Descrição e promoção de sua imagem na imprensa do século XIX. MODOS: Revista de História da Arte, Campinas, SP, v. 3, n. 2, p. 126–143, 2019. DOI: 10.24978/mod.v3i2.4129. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/mod/article/view/8663036. Acesso em: 10 dez. 2022.

Edição

Seção

Dossiê - O artista em representação