Das reconfigurações contemporâneas do(s) sistema(s) da arte

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24978/mod.v2i3.1077

Palavras-chave:

Sistema da arte, Regras da arte, Fluxos, Redes, Ecossistema.

Resumo

Buscando complexificar o conceito de sistema da arte na contemporaneidade, este artigo apresenta algumas de suas principais características e mecanismos de operação nas últimas décadas. Para tanto e a partir das três esferas elementares de legitimação, o tripé produção-distribuição-consumo, atores e situações foram sendo adicionados para dar conta da realidade atual, como o papel do curador ou da feira de arte. Nesse sentido, aponto como a noção de rede e a compreensão dos fluxos típicos do cenário globalizado reconfiguram a estrutura do sistema e afetam as relações de poder existentes. Tendo em mente questões geopolíticas e as especificidades das distintas paisagens, apresento a ideia da pluralidade de sistemas da arte, reforçada pela analogia com o conceito de ecossistema, para compor uma modelagem conceitual atualizada do que o termo sistema da arte engloba hoje.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruna Wulff Fetter, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Professora do Instituto de Artes da UFRGS. Este artigo é baseado em sua Tese de Doutorado defendida no PPGAV/UFRGS, em outubro de 2016, e que contou com apoio da CAPES e da Fulbright.

Referências

ARTPRICE. Relatório anual da Artprice de 2012. Disponível em: <http://web.artprice.com/AMI/AMI.aspx?id=MzIxNTExOTM3OTU1Nzk>. Acesso em: 10 jun. 2016.

BOURDIEU, P. A produção da crença: contribuição para uma economia dos bens simbólicos. São Paulo: Zouk, 2002.

_____. As regras da arte. São Paulo: Cia. das Letras, [1995] 2010.

BUENO, M. L. Artes plásticas no século XX: modernidade e globalização. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 1999.

BULHÕES, M. A. Lacunas como ponto de partida. In: _____. Artes plásticas no Rio Grande do Sul: pesquisas recentes. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 1995.

CAUQUELIN, A. Arte contemporânea: uma introdução. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

CANCLINI, N. G. A sociedade sem relato: antropologia e estética da iminência. São Paulo: EDUSP, 2012.

DI MAGGIO, P. J.; POWELL W. W. The Iron Cage Revisited: Institucional isomorphism and collective rationality in organizational fields. In: American Sociological Reviews, Vol. 48, N. 2 (Apr, 1983), pp. 147-160.

FETTER, B. W. Narrativas Conflitantes e Convergentes: as feiras e os ecossistemas contemporâneos da arte. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da UFRGS. Porto Alegre: 2016.

GRAW, I. High Price: Art Between the Market and Celebrity Culture. Berlin: Sternberg Press, 2009.

_____. The Gallerist’s Hat. In: Texte Zur Kunst. 24/12/2014. Jahrgang, Heft 96, p. 82-97.

LATOUR, B. Reagregando o social/ Bruno Latour. Salvador: Edufba, 2012; Bauru, São Paulo: Edusc, 2012.

LIPOVETSKY, G; SEROY, J. A estetização do mundo: Viver na era do capitalismo. São Paulo: Cia. das Letras, 2015.

MOULIN, R. O mercado da arte: mundialização e novas tecnologias. Porto Alegre: Zouk, 2007.

QUEMIN, A.; FIALHO, A. L. O valor da obra de arte. São Paulo: Metalivros, 2014.

RICKLEFS, R. E. A economia da natureza. 6a edição, Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2010.

SIMON, J. Neomaterialism. Berlin: Sternberg Press, 2013.

SHINER, Larry. La invención del arte - una historia cultural. Barcelona, Buenos Aires, México: Paidós Estética 36, 2010.

VELTHUIS, O. The contemporary art market between stasis and flux. In: LIND, M.; VELTHIUS, O. (orgs.). Contemporary art and its commercial markets: A report on current conditions and future scenarios. Berlin: Sternberg Press, Tensta Konsthall, 2012.

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2018-09-11

Como Citar

FETTER, B. W. Das reconfigurações contemporâneas do(s) sistema(s) da arte. MODOS: Revista de História da Arte, Campinas, SP, v. 2, n. 3, p. 102–119, 2018. DOI: 10.24978/mod.v2i3.1077. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/mod/article/view/8663230. Acesso em: 30 nov. 2021.

Edição

Seção

Dossiê - Arte, Imagem, Política: Curadoria, Circuitos e Instituições