Coleções em perspectiva
PDF

Palavras-chave

Patrimônio cultural
Tráfico de bens culturais
Roubo
Base de dados
SOMDAR

Como Citar

SÁ, Ivan Coelho de; FONSECA, Maciel Antonio Silveira. Coleções em perspectiva: o sistema de objetos desaparecidos, recuperados e restituídos como ferramenta de enfrentamento ao tráfico ilícito de bens culturais. MODOS: Revista de História da Arte, Campinas, SP, v. 8, n. 1, p. 206–222, 2024. DOI: 10.20396/modos.v8i1.8674154. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/mod/article/view/8674154. Acesso em: 24 jun. 2024.

Resumo

Este artigo apresenta resultados obtidos a partir da análise do Sistema de Objetos Mineiros Desaparecidos, Recuperados e Restituídos – SOMDAR, ferramenta implantada pelo Ministério Público de Minas Gerais – MPMG, voltada para a recuperação de coleções ou objetos, tidos como bens culturais por sua relevância, subtraídos de instituições e/ou acervos particulares. Foi realizado um levantamento em três importantes bases de dados, responsáveis por mapear objetos desaparecidos e ilegalmente comercializados: o International Observatory on Illicit Traffic in Cultural Goods, vinculado ao ICOM, o Object Identification e a Consulta de Bens Musealizados Desaparecidos, do Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM. O objetivo foi o de identificar se, e de que forma, o SOMDAR pode ser entendido como uma ferramenta capaz de apontar e combater as vulnerabilidades de acervos que são vítimas de subtrações criminosas. Os resultados iniciais apontam para a necessidade de que instrumentos semelhantes sejam disseminados nos demais entes da federação, dada a sua potencialidade de ser um aliado da preservação de bens culturais, dentro ou fora de coleções, além de integrar a sociedade civil para o auxílio na tutela do patrimônio cultural.

https://doi.org/10.20396/modos.v8i1.8674154
PDF

Referências

ASSOCIAÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO DE MINAS GERAIS. A velha história dos saques à memória. 2013. Disponível em: https://amp-mg.jusbrasil.com.br/noticias/111944937/a-velha-historia-dos-saques-a-memoria. Acesso em: 06 jul. 2023.

BRASIL. [Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Presidência da República, [2020]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 01 jul. 2023.

BRASIL. Decreto-Lei 2.848, de 07 de dezembro de 1940. Código Penal. Diário Oficial da União, Rio de Janeiro, 31 dez. 1940. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto-lei/del2848compilado.htm. Acesso em: 01 jul. 2023.

BRASIL. Lei nº 11.904 de 14 de janeiro de 2009. Institui o Estatuto de Museus e dá outras providências. Brasília, DF: Presidência da República, 15 jan. 2009. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2009/lei/l11904.htm. Acesso em: 01 jul. 2023.

CAVALLAZZI, R. L. Glossário de Direito e Urbanismo códigos da cidade: análise de interferências jurídico-urbanísticas na Cidade Standard. Multimídia. 3 ed. Versão 2017. . Rio de Janeiro: Laboratório de Direito e Urbanismo do PROUB-UFRJ, 2017.

CHOAY, F. A alegoria do patrimônio. Trad. Luciano Vieira Machado. 4 ed. São Paulo: Estação Liberdade, UNESP, 2006.

CHRISTOFOLETTI, R. O tráfico ilícito de bens culturais e a repatriação como reparação histórica. In: Rodrigo Christofoletti. (Org.). Bens Culturais e Relações Internacionais: o patrimônio como espelho do soft power. 1. Ed. Santos, São Paulo, 2017. Disponível em: https://www.ufjf.br/lapa/files/2008/08/O-tr%C3%A1fico-il%C3%ADcito-de-bens-culturais-e-a-repatria%C3%A7%C3%A3o-como-repara%C3%A7%C3%A3o-hist%C3%B3rica-Rodrigo-Christofoletti.pdf. Acesso em: 09 jul. 2023.

CRESWELL, J. W.; CLARK, V. L. P. Designing and conducting mixed methods research. Thousand Oaks: Sage, 2010.

INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS. Consulta de Bens Musealizados Desaparecidos. 2023. Disponível em: http://sca.ibram.gov.br/cbd_publico/. Acesso em: 05 jul. 2023.

INSTITUTO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO NACIONAL. IPHAN. Bens Móveis e Integrados. S. d. Disponível em: http://portal.iphan.gov.br/pagina/detalhes/1299. Acesso em: 06 jul. 2023.

INTERNATIONAL COUNCIL OF MUSEUMS. International Observatory on Illicit Traffic in Cultural Goods. 2021. Disponível em: https://icom.museum/en/our-actions/heritage- protection/international-observatory-on-illicit-traffic-in-cultural-goods/. Acesso em: 11 jul. 2023.

INTERNATIONAL COUNCIL OF MUSEUMS. Internacional Observatory on illicit Traffic in Cultural Goods. 2023. Disponível em: https://www.obs-traffic.museum/illicit-traffic-0. Acesso em: 05 jul. 2023.

INTERNATIONAL CRIMINAL POLICE ORGANIZATION. Protecting cultural heritage. Individuals and countries can all do more to protect cultural heritage. S.d. Disponível em: https://www.interpol.int/Crimes/Cultural-heritage-crime/Protecting-cultural-heritage. Acesso em: 11 jul. 2023.

INTERNATIONAL CRIMINAL POLICE ORGANIZATION. Protecting cultural heritage across the Americas. 2018. Disponível em: https://www.interpol.int/News-and-Events/News/2018/Protecting-cultural-heritage-across-the-Americas. Acesso em: 10 jul. 2023.

KOJIO, N. C. Del M. et al. Um discurso que se refaz: apagamentos da memória e política de preservação patrimonial na cidade de São José dos Campos (SP). REDES – Ver. Des. Regional, Santa Cruz do Sul, v. 17, n. 2, maio/ago. 2012.

LE GOFF, J. Memória. In: LE GOFF, J. (Coord.). Memória e história. Lisboa: Imprensa Nacional, Casa da Moeda, 1984.

LIMA, D. F.C. “Tráfico ilícito de bens culturais”, documentação museológica, informação em arte: da prevenção à restituição. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 21, 2021. Anais... Rio de Janeiro: IBICT, ANCIB, 2021a, [p.1-10].

LIMA, D. F. C. Tráfico ilícito de Bens Culturais e ‘boas práticas’ para Combate: Documentação Museológica, informação e Object ID como prevenção. Revista Museologia & Interdisciplinaridade, Brasília, v. 10, p. 73-89, 2021b.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A EDUCAÇÃO, A CIÊNCIA E A CULTURA. Recomendação sobre a proteção dos bens culturais móveis. UNESCO, Paris (França), 28 de novembro de 1978. Tradução de Flávio Lopes e Miguel Brito Correia. Disponível em: https://www.icomos.pt/images/pdfs/2021/24%20Recomenda%C3%A7%C3%A3o%20bens%20culturais%20m%C3%B3veis%20-%20UNESCO%201978.pdf. Acesso em: 08 jul. 2023.

PATRIMÔNIO CULTURAL. MPMG, CNMP, Abrampa e CNJ discutiram a proteção do patrimônio cultural e meio ambiente. 9 de agosto de 2021. Disponível em: https://patrimoniocultural.org/2021/08/09/mpmg-cnmp-abrampa-e-cnj-discutiram-a-protecao-do-patrimonio-cultural-e-meio-ambiente/. Acesso em: 10 jul. 2023.

POLÍCIA FEDERAL. Organograma. Unidades Centrais. 2023. Disponível em: https://www.gov.br/mj/pt-br/acesso-a-informacao/institucional/organogramas/2022-organogramas/pf-atualizado-v3.pdf. Acesso em: 10 jul. 2023.

SISTEMA DE OBJETOS MINEIROS DESAPARECIDOS, RECUPERADOS E RESTITUÍDOS. SOMDAR. 2023. Disponível em: https://somdar.synergia.dcc.ufmg.br/. Acesso em: 02 jun. 2023.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

Copyright (c) 2024 Ivan Coelho de Sá, Maciel Antonio Silveira Fonseca

Downloads

Não há dados estatísticos.