Em busca da pedagogia da emancipação na educação para a competência em informação sustentável

Autores

  • Elisabeth Adriana Dudziak Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.20396/rdbci.v9i1.1925

Palavras-chave:

Ciência da informação, ompetência em informação

Resumo

O projeto de pesquisa Competências Info-Midiáticas no Ensino Superior (CIMES), ainda em andamento, permite neste momento apresentar apenas alguns resultados parciais. Tomando por base o campo de estudos internacionalmente reconhecido como IML (Information and Media Literacy), o projeto CIMES tem por objetivo implantar um Sistema Educacional Interativo de Promoção da Competência Info-Midiática dos Estudantes de Ensino Superior das universidades públicas brasileiras. Considerando a magnitude do projeto, várias frentes de trabalho têm sido desenvolvidas, traduzidas em sub-projetos a serem implementados paulatinamente, com a colaboração de diferentes agentes. Um destes sub-projetos está relacionado à conceituação da educação para a competência info-midiática e a definição dos processos de ensino-aprendizagem-avaliação. O objetivo deste artigo não é descrever o projeto e sim propor uma reflexão a respeito das diferentes concepções pedagógicas possíveis a serem utilizadas nos processos de educação para a competência em informação. Com base na revisão teórica feita até o momento, resultados parciais revelam que há distintas concepções e apropriações da pedagogia da competência em informação, determinando diferentes tipos e níveis de ação e intervenção no processo de ensino-aprendizagem-avaliação, e respectivos resultados. A pedagogia da competência em informação, em seu nível mais elevado, conduz à emancipação do estudante como usuário e produtor de informação. Definida como fenômeno dialético, a pedagogia da emancipação constrói-se ininterruptamente mediante um diálogo recursivo entre o ser humano e a realidade, entre sujeito e sociedade, entre meio e mensagem. A proposta é avançar na discussão sobre o modelo pedagógico a ser adotado e, a partir dele, considerar o design do processo educacional como um todo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Elisabeth Adriana Dudziak, Universidade de São Paulo

Doutora em Engenharia de Produção (EPUSP). Mestre em Ciência da Informação (ECA-USP). Docente da Universidade Paulista (UNIP). Bibliotecária no DT-SIBI –Universidade de São Paulo Universidade de São Paulo.

Referências

BELLUZZO, R.C.B. Construção de mapas: desenvolvendo competências em informação e

comunicação. 2.ed. Bauru: Cá entre Nós, 2007.

BRUCE, C. Information literacy models: from experience to practice. In: LILAC 2007, Manchester. Posters and Parallel Sessions. Londres: CILIP - Information Literacy Group, 2007. Disponível em: <http://www.cilip.org.uk/get-involved/special-interest-groups/communityservices/subgroups/information-literacy/events/lilac/pages/lilac-2007.aspx>. Acesso em: 10 maio 2007.

BRUCE, C.; EDWARDS, S.; LUPTON, M. Six frames for information literacy education: a

conceptual framework for interpreting the relationships between theory and practice. Italics ejournal, v. 5, n.1, January 2006. Disponível em: <http://www.ics.heacademy.ac.uk/italics/vol5-

/pdf/sixframes_final%20_1_.pdf>. Acesso em: 12 Jun. 2007.

DUDZIAK, E.A. Information literacy e o papel educacional das bibliotecas. 2001. Dissertação

(Mestrado) – Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. São Paulo, 2001.

Disponível em: <http://www.teses.usp.br> Acesso em 2 agosto 2010.

EUROPEAN COMMISSION. Study on Assessment Criteria for Media Literacy Levels - A

comprehensive view of the concept of media literacy and an understanding of how media

literacy level in Europe should be assessed. Brussels, 2009.(Final report).

<http://ec.europa.eu/avpolicy/media_literacy/docs/studies/eavi_study_assess_crit_media_lit_levels_europe_finrep.pdf>. Acesso em 19 abril 2010.

FEUERSTEIN, R. The International Center for the Enhancement of Learning Potential.

Jerusalem, 2010. Disponível em: <http://www.icelp.org/asp/main.asp>. Acesso em: 20 agosto 2010.

FREIRE, P. Pedagogia da Autonomia – Saberes necessários à prática educativa. 14ª Edição. São

Paulo: Paz e Terra, 1996.

GIBBONS, M. et al. The new production of knowledge. London: Thousand Oaks, 1994.

GOMES, C.M.A. Feuerstein e a Construção Mediada do Conhecimento. Porto Alegre: Artmed,

HABERMAS, J. Consciência Moral e Agir Comunicativo. Trad. Guido de Almeida. Rio de

Janeiro: Tempo Brasileiro, 1989.

JENKINS, H. et al. Confronting the Challenges of Participatory Culture: Media Education for

the 21st Century. Chicago: The MacArthur Foundation, s.d. (Building the Field of Digital Media

and Learning). Disponível em: <http://digitallearning.macfound.org/atf/cf/%7B7E45C7E0-A3E0-4B89-AC9C-E807E1B0AE4E%7D/JENKINS_WHITE_PAPER.PDF>. Acesso em: 23 abril 2010.

KUHLTHAU, C. C. Seeking Meaning: a process approach to library and information services.

Norwood: Ablex, 1993.

KUHN, T. A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva, 1970.

PERRENOUD, P. Construir as competências desde a escola. Porto Alegre: Artmed, 1999.

RIOS, T. A. Significado e pressupostos do projeto pedagógico. Brasília: MEC, 2006.

SILVA, A.M.; MARCIAL, V.F. Alfabetização informacional em Portugal: alguns resultados de um

projeto de pesquisa. Brazilian Journal of Information Science, v. 2, n.1, p. 33-48, jan/jun. 2008.

UNESCO. Representação no Brasil. Comunicação e Informação. Brasília, 2010. Disponível em:

<http://www.unesco.org/pt/brasilia/communication-and-information/> Acesso em: 20 abril 2010.

UNESCO. Indicadores de desenvolvimento da mídia: marco para a avaliação do

desenvolvimento dos meios de comunicação. Brasília, fev. 2010. Disponível em:

<http://unesdoc.unesco.org/images/0016/001631/163102POR.pdf>. Acesso em: 20 abril 2010.

UNESCO. Mapping media education policies in the world. New York, 2009. Disponível em:

<http://unesdoc.unesco.org/images/0018/001819/181917e.pdf>. Acesso em: 19 abril 2010.

VENÂNCIO, L.S. O caminhar faz a trilha. Dissertação (Mestrado) – Escola de Ciência da

Informação da Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2007. Disponível em:

<http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/bitstream/1843/VALA74QKJ7/1/mestrado___ludmila_salom_o_ven_ncio.pdf>. Acesso em 25 agosto 2010.

WHITWORTH, A. Toward a critical theory of information literacy education. Italics e-journal, v.

, n.1, January 2006. Disponível em:

<http://www.ics.heacademy.ac.uk/italics/vol5-1/pdf/Whitworth_final.pdf>. Acesso em: 12 agosto

Downloads

Publicado

2011-07-25

Como Citar

DUDZIAK, E. A. Em busca da pedagogia da emancipação na educação para a competência em informação sustentável. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, SP, v. 9, n. 2, p. 166–183, 2011. DOI: 10.20396/rdbci.v9i1.1925. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/1925. Acesso em: 11 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos de Pesquisa