O arquivista como moderno profissional da informação: análise de competências à luz da literatura e da formação curricular

Palavras-chave: Ciência da informação. Arquivologia. Arquivista. Moderno profissional da informação. Competências profissionais.

Resumo

As demandas e exigências do mercado de trabalho no âmbito das profissões da informação desencadeiam necessidades de aprimoramento das práticas profissionais, por conseguinte, remetem à reforma curricular, haja vista formar profissionais competentes que atendam as necessidades sociais. Os arquivistas, ao serem categorizados como profissionais da informação, também se inserem nesse contexto, devendo adquirir status de um Moderno Profissional da Informação (MIP). Sendo assim, este estudo analisa as competências do MIP relacionando-as ao arquivista, com base na literatura e na formação curricular. Investiga na literatura o que vem sendo publicado sobre o MIP; compara as competências do MIP com o arquivista; e investiga essas competências no âmbito da formação arquivística. Metodologicamente, realizou-se revisão na literatura sobre as competências do MIP e suas relações com os arquivistas e análise a dez currículos de escolas de Arquivologia do Brasil, haja vista detectar disciplinas voltadas para construção das competências do MIP. Após pesquisa teórica e documental, percebeu-se que a maioria dos estudos realizados (80%) compara o MIP ao bibliotecário. A literatura é escassa (10%) ao direcionar o MIP ao arquivista, como também sem delineá-lo a profissionais específicos (10%). Quanto à formação acadêmica, as escolas, em linhas gerais, disponibilizam disciplinas, cujo enfoque curricular contempla as quatro competências do MIP. Detectou-se que as escolas reconhecem a necessidade de ampliar as competências dos arquivistas, a ponto de eles se tornarem MIPs, haja vista adequarem-se aos novos desafios impostos pelo mercado de trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jorge Santa Anna, Universidade Federal do Espírito Santo
Graduado em Biblioteconomia pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Professor de Departamento de Biblioteconomia da UFES. Pesquisador atuante no ramo da Consultoria Informacional e Normalização de Trabalhos Científicos.

Referências

ARAÚJO, Carlos Alberto Ávila. Arquivologia, Biblioteconomia, Museologia e Ciência da Informação: o diálogo possível. Brasília: Briquet de Lemos, 2014.

BERAQUET, Vera Silva et al. Qualidade de ensino na fabi-campinas face ao moderno profissional da informação. Transinformação, Campinas, v. 11, n. 1, p. 63-69, jan./abr. 1999.

BURKE, Peter. Uma história social do conhecimento: da enciclopédia à wikipédia. Rio de Janeiro: J. Zahar, 2012.

CAMPETTI SOBRINHO, Geraldo. Impactos da terceira revolução na sociedade pós-moderna: segmento serviços. Revista de Biblioteconomia de Brasília, Brasília, v. 22, n.2, p.211-220, 1998.

CASTRO, Cesar Augusto. Profissional da informação: perfis e atitudes desejadas. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 10, n. 1. 2000.

CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS (CONARQ). Cursos de Arquivologia no Brasil. Rio de Janeiro, 2015. Disponível em: http://www.conarq.arquivonacional.gov.br/links/389-cursos-de-arquivologia-no-brasil.html. Acesso em: 20 jun. 2014.

COOK, T. A ciência arquivística e o pós-modernismo: novas formulações para conceitos antigos. InCID: Revista Ciência da Informação e Documentação, Ribeirão Preto, v. 3, n. 2, p. 3-27, jul./dez. 2012. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/incid/article/view/48651/52722. Acesso em: 16 jun. 2014.

JARDIM, José Maria; FONSECA, Maria Odília. Estudos de usuários em arquivos: em busca de um estado da arte. [sine loco], DataGramaZero - Revista de Ciência da Informação, Rio de Janeiro, v.5, n.5, out. 2004. Disponível em: http://www.dgz.org.br/out04/Art_04.htm. Acesso em: 6 maio 2015.

JOHNSON, Ian. Desafios para o desenvolvimento Profissional na “Sociedade da Informação”: algumas respostas das Escolas de Biblioteconomia e Estudos de Informação na Grã-Bretanha. Informação & Informação, Londrina, v. 3, n. 2, p. 7-18, jul./dez. 1998.

LOPES, Luis Carlos. A nova arquivística na modernização administrativa. 2. ed. Brasília: Annabel Lee, 2009.

MADUREIRA, Helania Oliveira; VILARINHO, Lúcia Regina Goulart. A formação do bibliotecário para atuar em bibliotecas virtuais: uma questão a aprofundar. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 15, n. 3, 2010.

MASON, R. O. What is an information professional? Journal of Education for Library and Information Science, Chicago, v. 31, n. 2, p. 122-138, 1990.

MC GARRY, Kevin. O contexto dinâmico da informação: uma análise introdutória. Brasília: Briquet de Lemos, 1999.

MULLER, Mary Stela et al. Curso de arquivologia da UEL: consolidação de uma proposta de parceria. Informação & Informação, Londrina, v.2, n.1, p.45-66, jan./jun. 1997.

PONJUÁN DANTE, Glória. Does the Modern Information Professional have a Life Cycle? FID News Bulletin, Bruxelas, v. 43, n. 3, p. 61, mar. 1993.

PONJUÁN DANTE, Glória. Perfi l del profesional de información del nuevo milenio. In: VALENTIM, Marta Lígia (Org.). Profissionais da informação: formação, perfil e atuação profissional. São Paulo: Polis, 2000. p. 91-105.

RIBAS, Cláudia S. da Cunha; ZIVIANI, Paula Ziviani. O profissional da informação: rumos e desafios para uma sociedade inclusiva. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v.17, n.3, p.47-57, set./dez. 2007. Disponível em: http://www.ies.ufpb.br/ojs/index.php/ies/article/viewFile/638/1614. Acesso em: 12 maio 2015.

SANTOS, Jussara Pereira. O moderno profissional da informação: o bibliotecário e seu perfil face aos novos tempos. Informação & Informação, Londrina, v.1, n.1, p.5-13, jan./jun. 1996. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/informacao/article/view/1613. Acesso em: 12 maio 2015.

SILVEIRA, Fabrício José Nascimento da. O bibliotecário como agente histórico: do "humanista" ao "moderno profissional da informação”. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v.18, n.3, p. 83-94, set./dez. 2008.

SMIT, Johanna W. O profissional da informação e sua relação com as áreas de Biblioteconomia/Documentação, Arquivologia e Museologia. In: VALENTIM, Marta Lígia (Org.). Profissionais da informação: formação, perfil e atuação profissional. São Paulo: Polis, 2000. p. 119-134.

SOLLA PRICE, D. J. Little science, big science. New York: Columbia University Press, 1993.

TOGNOLI, Natália. A informação no contexto arquivístico: uma discussão a partir dos conceitos de informação-como-coisa e informação orgânica. Informação Arquivística, Rio de Janeiro, RJ, v. 1, n. 1, p. 113-122, jul./dez., 2012. Disponível em: http://www.aaerj.org.br/ojs/index.php/informacaoarquivistica/arti cle/vie w/8/7. Acesso em: 20 maio 2014.

VALENTIM, Marta Lígia Pomin. O moderno profissional da informação: formação e perspectiva profissional. Encontros Bibli: Revista de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Florianópolis, n.9, p.16-27, jun. 2000.

WALTER, Maria Tereza Machado Teles; BAPTISTA, Sofia Galvão. Formação profissional do bibliotecário. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Florianópolis, n. 25, 1º sem. 2008. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/1518-2924.2008v13n25p84. Acesso em: 21 maio 2014.

Publicado
2017-04-03
Como Citar
Santa Anna, J. (2017). O arquivista como moderno profissional da informação: análise de competências à luz da literatura e da formação curricular. RDBCI: Revista Digital De Biblioteconomia E Ciência Da Informação, 15(2), 289-307. https://doi.org/10.20396/rdbci.v15i2.8644523

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)