Linguagem, compreensão e diálogo como representação do mundo

uma hermenêutica da educação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/rfe.v12i1.8658482

Palavras-chave:

Diálogo, Hermenêutica, Educação

Resumo

Este artigo objetiva refletir sobre a relação linguagem, educação e hermenêutica. Realizamos uma pesquisa bibliográfica com base em Gadamer. Na educação, a dimensão dialógica da compreensão está situada como o locus primordial da ação educativa, lugar privilegiado onde o compreender se efetiva tendo por base a relação de intersubjetividade entre os sujeitos do diálogo, condição fundante da interpretação do que é proferido no ambiente escolar, mediante a abertura entre os sujeitos dessa postura. Através de uma educação dialógica podemos ter educandos cada vez mais conscientes da sua individualidade e historicidade, que utilizam a linguagem para compreender a si mesmo e o mundo à sua volta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Miguel Junior Zacarias Lima, Universidade Regional do Cariri

Mestrado em Filosofia pela Universidade Federal do Ceará. Professor em Educação da Universidade Regional do Cariri.

Maria Belo Silva Lima, Instituto Federal de Educação do Ceará

Mestrado Profissional em Educação pela Universidade Regional do Cariri. Professora do Instituto Federal de Educação do Ceará na área de Fundamentos da Educação.

Francione Charapa Alves, Universidade Federal do Cariri

Doutorado em Educação pela Universidade Federal do Ceará. Pós-doutorado em Educação no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual do Ceará. Professora Adjunta da Universidade Federal do Cariri.

Referências

ALMEIDA, Custódio Luiz S. Hermenêutica e Dialética: Dos estudos platônicos ao encontro com Hegel. Coleção filosofia 135. Porto Alegre, RS: EDIPUCRS, 2000.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. 27ª edição. Rio de Janeiro – RJ: Editora Paz e Terra, 2003.

GADAMER, Hans-Georg. Verdade Método I: traços fundamentais de uma hermenêutica filosófica. Petrópolis - RJ: VOZES, 1997.

GADAMER, Hans-Georg. Verdade e Método II. Petrópolis - RJ: VOZES, 2002.

OLIVEIRA, Manfredo Araújo de. Reviravolta Linguístico-pragmática na Filosofia contemporânea. 2. ed. São Paulo: Loyola, 2001.

ROHDEN, Luiz. Hermenêutica filosófica: entre a linguagem da experiência e a experiência da linguagem. São Leopoldo-RS: Editora Unisinos, 2002. (Coleção Ideias).

STEIN Ernildo. Aproximações sobre a Hermenêutica. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1996. (Coleção: Filosofia).

STEIN Ernildo. Seis estudos sobre Ser e Tempo. 2. ed. Petrópolis (RJ): Vozes, 1990.

STEIN Ernildo. Dialética e Hermenêutica. In.: Revista Síntese, n. 29, 1983.

VAZ, Henrique Cláudio de Lima. Escritos de Filosofia IV: Introdução à Ética Filosófica I. São Paulo: Edições Loyola, 1990.

Downloads

Publicado

2020-06-23

Como Citar

LIMA, M. J. Z.; LIMA, M. B. S.; ALVES, F. C. Linguagem, compreensão e diálogo como representação do mundo: uma hermenêutica da educação. Filosofia e Educação, Campinas, SP, v. 12, n. 2, 2020. DOI: 10.20396/rfe.v12i1.8658482. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rfe/article/view/8658482. Acesso em: 25 set. 2021.