Consumo alimentar de adolescentes matriculados na rede pública de ensino de Piracicaba – SP

  • Daniela Cristina Rossetto Caroba Universidade de São Paulo
  • Marina Vieira da Silva Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Adolescência. Consumo alimentar. Hábitos alimentares

Resumo

Este estudo teve por objetivo avaliar quantitativamente o consumo alimentar de uma amostra estratificada proporcional de 578 alunos (adolescentes), de ambos os gêneros, matriculados em sete escolas públicas da cidade de Piracicaba, São Paulo. As informações sobre o consumo alimentar dos alunos foram obtidas por meio do método Recordatório 24 horas. Para os cálculos do conteúdo de energia, macronutrientes (carboidratos, lipídios e proteínas), fibras, tiamina, riboflavina, niacina, folacina, vitamina E, fósforo e ferro, utilizou-se o software Virtual Nutri (PHILIPPI et al, 1996). Foram elaboradas análises de regressão múltipla, utilizando-se os recursos do programa STATISTICAL ANALYSIS SYSTEM (SAS, 1998). Entre os principais resultados, merece destaque o consumo de energia, fibras, folacina, vitamina E e fósforo, dos adolescentes, inferior ao preconizado. Quanto à tiamina, riboflavina e niacina, foi verificado que o consumo desses nutrientes se revelou acima do recomendado para o grupo da pesquisa. Em relação a proteínas, carboidratos, lipídios e ferro, os alunos integrantes da amostra apresentaram média de consumo que atende aos valores preconizados. Adotando-se a técnica estatística de regressão múltipla, foi possível notar que em cada mês adicional na vida dos meninos há aumento do consumo de 4,73 kcal, enquanto que, para as meninas, a ingestão diminui 2,14 kcal por mês. Destaca-se que a fase da adolescência é o momento privilegiado para as intervenções na área da saúde e da nutrição, tendo em vista a adoção de hábitos de vida saudáveis e a promoção da saúde na vida adulta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniela Cristina Rossetto Caroba, Universidade de São Paulo

Mestre em Ciências pela Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” da Universidade de São Paulo. Doutoranda em Nutrição Humana Aplicada - PRONUT, Universidade de São Paulo

Marina Vieira da Silva, Universidade de São Paulo
Profa. Dra. do Departamento de Agroindústria, Alimentos e Nutrição da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” da Universidade de São Paulo

Referências

ALBANO, R.D. Estado nutricional e consumo alimentar de adolescentes. São Paulo, 2000. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.

ALBANO, R.D.; SOUZA, S.B. Ingestão de energia e nutrientes por adolescentes de uma escola pública. Jornal de Pediatria, Porto Alegre, v. 77, n. 6, p. 512- 516, 2001.

ALBUQUERQUE, M.F.M.; MONTEIRO, A.M. Ingestão de alimentos e adequação de nutrientes no final da infância. Revista de Nutrição, Campinas, v. 15, n. 3, p. 291-299, 2002

ASSAO, T.Y. et al. A importância do ferro na saúde e nutrição do grupo materno-infantil. Compacta Nutrição, São Paulo, v. 5, n. 3, p. 7-22, 2004.

BARBIERI, D. Micronutrientes em pediatria. In: De Angelis R.C. Fome oculta, impacto para a população do Brasil. São Paulo: Atheneu, p.88-93, 1999.

CAROBA, D.C.R. A escola e o consumo alimentar de adolescentes matriculados na rede pública de ensino. Piracicaba, 2002, 162 p. Dissertação (Mestrado) – Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Universidade de São Paulo.

CAVALCANTE, A.A.M.; PRIORE, S.E.; FRANCESCHINI, S.C.C. Estudos de consumo alimentar: aspectos metodológicos gerais e seu emprego na avaliação de crianças e adolescentes. Rev. Bras. Saúde Faterno Infantil, Recife, v. 4, n. 3, p. 229-240, 2004.

COZZOLINO, S.M.F. Fortificação de alimentos versus biodisponibilidade. In: De Angelis R.C. Fome oculta, impacto para a população do Brasil. São Paulo: Atheneu, p.143-154, 1999.

DUTRA-DE-OLIVEIRA, J.E.; MARCHINI, J.S. Macrominerais. In: Dutra-de-Oliveira, J.E., Marchini, J.S. Ciências nutricionais. São Paulo: Sarvier, p.133- 165, 1998.

FISBERG, M. et al. Hábitos alimentares na adolescência. Pediatria Foderna, São Paulo, v. 36, n.11, p. 724-734, 2000.

FRANCISCHI, R.P.P. et al. Obesidade: atualização sobre sua etiologia, morbidade e tratamento. Revista de Nutrição, Campinas, v. 13, n. 1, p. 17-28, 2000.

INSTITUTE OF MEDICINE. Dietary Reference Intakes for Calcium, Phosphorus, Magnesium, Vitamin D, and Fluoride. Food and Nutrition Board. Washington, DC: National Academy Press, 1997.

INSTITUTE OF MEDICINE. Dietary Reference Intakes for Thiamin, Riboflavin, Niacin, Vitamin BJ, Folate, Vitamin B12, Pantothenic Acid, Biotin, and Choline. Food and Nutrition Board. Washington, DC: National Academy Press, 1998.

INSTITUTE OF MEDICINE. Dietary Reference Intakes for Vitamin C, Vitamin E, Selenium, and Chromium, Copper, Iodine, Iron, Fanganese, Folybdenum, Nickel, Silicon, Vanadium, and Zinc. Food and Nutrition Board. Washington, DC: National Academy Press, 2001.

INSTITUTE OF MEDICINE. Dietary Reference Intakes for Energy, Carbohydrate, Fiber, Fat, Fatty Acids, Cholesterol, Protein and Amino Acids. Food and Nutrition Board. Washington, DC: National Academy Press, 2002.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Fundo das Nações Unidas para a Infância. Indicadores sobre crianças e adolescentes. Brasília: UNICEF/IBGE, 242p, 2001.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Censo 2000. Disponível em: <http://www.ibge.gov.br/>. Acesso em: 02 mar 2005.

INSTITUTO SODEXHO PARA O DESENVOLVIMENTO DA QUALIDADE DE VIDA NO COTIDIANO. Masculino e feminino: os diferentes hábitos alimentares entre crianças e jovens. São Paulo: Sodexho Alliance, 29p, 2001.

KAUFMANN, A. Transtornos alimentares na adolescência. Revista Brasileira de Fedicina, n.1, out. 2000. Disponível em: . Acesso em: 05 mai 2002.

KAZAPI, I.M. et al Consumo de energia e macronutrientes por adolescentes de escolas públicas e privadas. Revista de Nutrição, Campinas, v. 14 (Supl.), p. 27-33, 2001.

MACHADO, F.M.S.; SANTIAGO, V.R. O papel das frutas e hortaliças na nutrição humana. In: Torres, E.A.F.S., Machado, F.M.S. Alimentos em questão: uma abordagem técnica para as dúvidas mais comuns. São Paulo: Ponto Crítico, p.25-34, 2001.

MENDES, F.S.V. et al. Avaliação do estilo de vida e condições nutricionais de adolescentes atendidos em um programa específico. Nutrição em Pauta, São Paulo, v. 9, n. 47, p. 20-24, 2001.

OLIVEIRA, J. et al. A alimentação dos escolares no município de São Paulo. In: Anais do Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, Rio de Janeiro: SBCTA, p.495-498, 1998.

PHILIPPI, S.T.; SZARFARC, S.C.; LATTERZA, A.R. Virtual Nutri [software]. Versão 1.0. Universidade de São Paulo, Faculdade de Saúde Pública, Departamento de Nutrição, 1996.

SAITO, I.M. Nutrição. In: Coates, V., Françoso, L.A., Beznos, G.W. Medicina do adolescente. São Paulo: Sarvier, p.37-50, 1993.

SAS INSTITUTE. The SAS System [software]. Version 8. Cary, 1998.

SORIANO, J.M.; MOLTÓ, J.C.; MAÑES, J. Dietary intake and food pattern among university students. Nutrition Research, New York, v. 20, n. 9, p. 1249- 1258, 2000.

VANNUCHI, H.; JORDÃO JÚNIOR, A.A. Vitaminas hidrossolúveis. In: Dutra-de-Oliveira, J.E., Marchini, J.S. Ciências nutricionais. São Paulo: Sarvier, p.191-207, 1998.

VANNUCHI, H. Aplicações das recomendações nutricionais adaptadas à população brasileira. Cadernos de Nutrição, São Paulo, v. 2, 156p, 1990.

VILLAR, B.S. Desenvolvimento e validação de um questionário semi-quantitativo de freqüência alimentar para adolescentes. São Paulo: 2001. Tese (Doutorado) – Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.

Como Citar
Caroba, D. C. R., & Silva, M. V. da. (1). Consumo alimentar de adolescentes matriculados na rede pública de ensino de Piracicaba – SP. Segurança Alimentar E Nutricional, 12(1), 55-66. https://doi.org/10.20396/san.v12i1.1839
Seção
Artigo de Segurança Alimentar e Nutricional

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>