Vem cada vez mais de longe o leite nosso de cada dia: alterações recentes na cadeia dos lácteos no Estado de São Paulo

Autores

  • José Giacomo Baccarin Universidade Estadual Paulista
  • Sany Spínola Aleixo Universidade Estadual Paulista

DOI:

https://doi.org/10.20396/san.v20i1.8634623

Palavras-chave:

Cadeia agroindustrial dos lácteos. Estado de são paulo. Leite.

Resumo

Nas últimas décadas uma série de transformações ampliou o alcance do mercado dos lácteos, sendo possível a captação de leite in natura em estabelecimentos distantes dos laticínios e a comercialização dos produtos processados em locais mais longínquos. O artigo se propõe a analisar mudanças que ocorreram na produção primária, na industrialização e no consumo do leite de vaca e seus derivados no Estado de São Paulo, entre 1990 e 2010. A pecuária leiteira paulista apresentou baixo dinamismo, fazendo com que São Paulo passasse de segundo para sexto maior Estado brasileiro produtor de leite cru ou resfriado no período. Sob o avanço da lavoura canavieira, a área de pastagem no Estado diminuiu e houve crescimento relativo da pecuária bovina de corte. Os ganhos de produtividade da pecuária leiteira paulista ocorreram em ritmo menor do que no Brasil e não foram suficientes para que se garantisse o aumento ou pelo menos a manutenção de sua produção de leite in natura. Os laticínios em São Paulo apresentaram dinamismo menor que no Brasil, embora sua produção tenha crescido além da produção primária de leite do Estado. O tamanho médio dos laticínios ficou maior e cresceu consideravelmente a produção paulista de leite longa vida, enquanto diminuía a produção do leite comercializado em embalagens de polietileno, de queijos e leite em pó. O consumo total de laticínios pelas famílias paulistas na década de 2000 aumentou, mas diminuiu o consumo per capita. A produção total de laticínios no Estado de São Paulo atende atualmente menos que 60% do seu consumo estadual total.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Giacomo Baccarin, Universidade Estadual Paulista

Professor Doutor do Departamento de Economia Rural, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Campus de Jaboticabal, SP. Correspondência: Via de Acesso Prof. Paulo Donato Castellane, s/n, Jaboticabal, SP. CEP 14884-900. Tel. (16) 3209-2634 / PABX (16) 3209-2600.

Sany Spínola Aleixo, Universidade Estadual Paulista

Doutora em Zootecnia, UNESP, Campus de Jaboticabal, SP.

Referências

Aleixo SS. Configurações contemporâneas do complexo agroindustrial do leite: produção, industrialização e consumo no Estado de São Paulo [tese]. Jaboticabal: Universidade Estadual Paulista; 2012. 164 p.

Carvalho GR. A indústria de laticínios no Brasil: passado, presente e futuro. Circular Técnica 102 2010 [acesso em 10 dez 2012]. Disponível em: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/870411

Carvalho GR, Oliveira C. Consolidação na indústria de laticínios: o Brasil no contexto internacional. Agroanalysis. 2010;30(8):20-3.

Azevedo PF, Politi RB. Concorrência e estratégias de precificação no sistema agroindustrial do leite. Rev Econ Sociol Rural. 2008;46(3):767-802.

Fonseca MGD, Morais EM. Indústria de leite e derivados no Brasil: uma década de transformações. Revista do Instituto de Economia Agrícola: Informações Econômicas. 1999;29(9):7-29.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pesquisa Pecuária Municipal. Diversos números [acesso em 10 out 2012]. Disponível em: http://www.sidra.ibge.gov.br/bda/pesquisas/ppm/default.a sp

Baccarin JG. Sistema de produção agropecuário brasileiro: características e evolução recente. São Paulo: Cultura Acadêmica; 2011.

Baccarin JG, Martins MIEG, Aleixo SS. Le Brésil, exportateur de produits et technologies agropastorales. Revue AGIR. 2011;47:87-95.

Leite Brasil. O mapa do leite no Estado de São Paulo. Associação Leite Brasil [Relatório] 2006 [acesso em 01 fev 2012]. Disponível em: http://www.leitebrasil.org.br/mapasp.htm

Instituto de Economia Agrícola. Banco de dados [acesso em 10 out 2012]. Disponível em: http://www.iea.sp.gov.br/out/bancodedados.html

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pesquisas Agropecuárias. 2002 [acesso em 06 jan 2012]. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/indicadores/agro pecuaria/PesquisasAgropecuarias2002.pdf

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pesquisa Mensal do Leite. Diversos números [acesso em 10 out 2012]. Disponível em: http://biblioteca.ibge.gov.br/d_detalhes.php?id=7204

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pesquisa Trimestral do Leite [acesso em 10 out 2012]. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/indicadores/agro pecuaria/producaoagropecuaria/default.shtm#leite

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pesquisa de Orçamentos Familiares 2002-2003 [acesso em 10 out 2012]. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/xml/pof_2002_2003.shtm

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009: análise do consumo alimentar pessoal no Brasil [acesso em 10 out 2012]. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/condi caodevida/pof/2008_2009_analise_consumo/default.shtm

Hoffman R. Elasticidades-Renda das despesas e do consumo físico de alimentos no Brasil Metropolitano em 1995-1996. In: Silveira FG, Servo L, Menezes TA, Piola SF (Org.). Gasto e consumo das famílias brasileiras comteporâneas. Brasília: IPEA; 2007. p. 463-483.

Hoffmann R. Estimativas das elasticidades-renda de várias categorias de despesa e de consumo, especialmente alimentos, no Brasil, com base na POF de 2008-2009. Revista de Economia Agrícola. 2010;57(2):49-62.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Banco de dados: dados populacionais [acesso em 10 out 2012]. Disponível em: http://www.sidra.ibge.gov.br/cd/cd2010Serie.asp?o=2&i=P

Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social. Banco de Dados. 2012 [acesso em 15 out 2012]. Disponível em: http://www.desenvolvimentosocial.sp.gov.br/portal.php/viv aleite

Downloads

Como Citar

1.
Baccarin JG, Aleixo SS. Vem cada vez mais de longe o leite nosso de cada dia: alterações recentes na cadeia dos lácteos no Estado de São Paulo. Segur. Aliment. Nutr. [Internet]. 3º de fevereiro de 2015 [citado 3º de dezembro de 2021];20(1):62-79. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/san/article/view/8634623

Edição

Seção

Artigo de Segurança Alimentar e Nutricional