Food defense e publicly available specification 96/2017

releitura e importância para a cadeia de alimentos de origem animal brasileira

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/san.v28i00.8661489

Palavras-chave:

Segurança dos alimentos, Defesa dos alimentos, Proteína animal, Produção de alimentos

Resumo

O Brasil possui considerável importância no cenário global da cadeia de alimentos de origem animal, sendo esta influenciada pela situação política, econômica e social do país. Neste contexto, iniciativas para defesa dos alimentos com base em requisitos internacionais se fazem necessárias para garantir competitividade estratégica em relação aos demais mercados e a saúde de seus consumidores. Atualmente, o Publicly Available Specification (PAS) 96 do governo inglês é uma referência por sua objetividade e simplicidade no tema, com a finalidade de garantir a segurança dos alimentos contra possíveis ataques intencionais. Entretanto, a indústria de alimentos de origem animal apresenta desafios proporcionais à sua complexidade demonstrando a relevância do tema. Este artigo tem o objetivo de apresentar uma releitura do PAS, direcionamentos para implementação de programa de Food Defense com base no documento e sua importância para a cadeia de alimentos de origem animal brasileira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciana Giacometti Cavalheiro, Universidade de São Paulo

Mestranda do Programa de Pós-graduação em Gestão e Inovação na Indústria Animal, na Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos da Universidade de São Paulo

Flávia Giacometti Cavalheiro, Universidade Estadual de Campinas

Mestre em Tecnologia de Alimentos na Faculdade de Engenharia de Alimentos

Vera Letticie de Azevedo Ruiz, Universidade de São Paulo

Professora Doutora. Departamento de Medicina Veterinária, Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos 

Marta Mitsui Kushida, Universidade de São Paulo

Professora Doutora. Departamento de Medicina Veterinária, Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos

Referências

International Monetary Funding. IMF Data Mapper, 2018 [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://www.imf.org/external/datamapper/NGDPD@WEO/OEMDC/ADVEC/WEOWORLD.

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Tabela Completa de Contas Nacionais Trimestrais, 2019 [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/estatisticas/economicas/contas-nacionais/9300-contas-nacionais-trimestrais.html?edicao=20920&t=downloads.

USDA - United States Department of Agriculture. Livestock and Poultry: World Markets and Trade, 2019 [acesso em 19 de setembro de 2019].

Disponível em: https://apps.fas.usda.gov/psdonline/circulars/livestock_poultry.pdf.

GFSI – Global Food Safety Initiative. GFSI Guidance Document, 2013. 6 Ed. [acesso em 10 de setembro 2020]. Disponível em: https://www.mccain.com/media/1407/gfsi-guidance-document.pdf.

Mitenius N, Kennedy SP., Busta FF. Food Defense. In: FOOD SAFETY MANAGEMENT: MOTARJEMI, Yasmine; LELIEVELD, Huub. Oxford: Elsevier Inc., 2013.

World Health Organization. World health report, 2007 [acesso em 10 de setembro 2020]. Disponível em: https://www.who.int/whr/2007/07_overview_en.pdf.

Severino, PRS. Food Defense e a sua relação com as normas IFS V6, BRC V7 e FSSC 22000. Lisboa: Universidade de Lisboa, 2016. Tese de Doutorado.

USDA - United States Department of Agriculture. Guide to Developing a Food Defense Plan for a Food Processing Plant, 2008 [acesso em 10 de setembro de 2020]. Disponível em: https://meathaccp.wisc.edu/additional_info/assets/Guide%20Food%20Processing.pdf.

British Standard Institution. PAS: Guide to protecting and defending food and drink from deliberate attack, 2017 [acesso em 19 de setembro 2019]. Disponível em: <https://www.food.gov.uk/sites/default/files/media/document/pas962017_0.pdf>.

Lopes LO, Silva R, Guimarães JT, Coutinho NM, Castro BG, Pimentel T, et al. Food defense: Perceptions and attitudes of Brazilian dairy companies. Journal of dairy science. 2020; 103; 8675-8682.

Gossner CM, Schlundt J, Ben Embarek P, Hird S, Lo-Fo-Wong D, Beltran JJO, et al. The melamine incident: implications for international food and feed safety. Environ Health Perspect. 2009; 117; 1803-1808.

Torok TJ, Tauxe RV, Wise RP, Livengood JR, Sokolow R, Mauvais S, et al. A Large Community Outbreak of Salmonellosis Caused by Intentional Contamination of Restaurant Salad Bars. JAMA. 1997; 278; 389-395.

Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Ministério proíbe venda de azeite de oliva de seis marcas após descoberta de fraudes [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: http://www.agricultura.gov.br/noticias/ministerio-proibe-venda-de-azeites-de-oliva-de-seis-marcas.

Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. 11% de amostras de pescados coletadas em operação do Mapa apresentaram inconformidades, 2019 [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: http://www.agricultura.gov.br/noticias/onze-por-cento-de-amostras-de-pescados-coletadas-em-operacao-do-mapa-apresentaram-inconformidades.

Tribuna de Jundiaí. Aluna coloca remédio em bebida. Amigos tomam e passam mal, 2019 [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://tribunadejundiai.com.br/educacao/educacao-publica/aluna-coloca-remedio-em-bebida-amigos-tomam-e-passam-mal/.

Romero SB. Defesa alimentar (Food Defense): avaliação e aplicação da ferramenta CARVER+Shock na indústria do leite no Brasil. Pirassununga: Universidade de São Paulo, 2017. Dissertação de Mestrado.

Huff AG. Food Defense. Encyclopedia of Food Chemistry, V. 1. East Lansing: Elsevier; 2019.

Associação Brasileira da Indústria de Alimentos. Relatório Anual 2019, 2020 [acesso em 14 de janeiro de 2021]. Disponível em: https://abia.org.br/downloads/relatorioAnual_2020.pdf.

Associação Brasileira da Indústria de Alimentos. Faturamento indústria de alimentos, 2020 [acesso em 14 de janeiro de 2021]. Disponível em: https://www.abia.org.br/vsn/anexos/faturamento2019.pdf.

Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Portaria 46, de 10 de fevereiro de 1998 [acesso em 17 de setembro de 2020]. Disponível em: https://www.agencia.cnptia.embrapa.br/Repositorio/PRT_046_10_02_1998_MANUAL_GENERICO_DE_PROCEDIMENTOS_APPCCID-f4POhN0ufV.pdf.

Malafaia GC, Dias FRT, Biscola PHN. Tendências para a indústria frigorífica de carne bovina no Brasil. Boletim Cicarne EMBRAPA, 2020 [acesso em 17 de janeiro de 2021]. Disponível em: https://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/bitstream/doc/1127144/1/Boletim-CiCarne-31.pdf.

Istoe. Brasil perde cerca de R$ 200 bilhões por ano com corrupção, diz MPF, 2017 [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://istoe.com.br/brasil-perde-cerca-de-r-200-bilhoes-por-ano-com-corrupcao-diz-mpf/.

Transparency International. Corruption Perceptions Index, 2018. [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://www.transparency.org/cpi2018.

Instituto Sou da Paz. Onde mora a impunidade?, 2019 [acesso em 10 de setembro de 2020]. Disponível em: http://soudapaz.org/wp-content/uploads/2019/11/Instituto-Sou-da-Paz_Onde_Mora_a_Impunidade.pdf.

Instituto Tricontinental de Pesquisa Social. Perspectivas para a economia brasileira em 2019 sob o governo Bolsonaro, 2019 [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://www.brasildefato.com.br/2019/01/07/perspectivas-para-a-economia-brasileira-em-2019-sob-governo-bolsonaro/.

Wang C. Mídia sensacionalista: A influência dos veículos de comunicação no Direito Penal, 2016. JUSBRASIL [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://carolinewang94.jusbrasil.com.br/artigos/321502995/midia-sensacionalista-a-influencia-dos-veiculos-de-comunicacao-no-direito-penal.

Azevedo F. Corrupção, mídia e escândalos midiáticos no Brasil. Em Debate. 2010; 2; 14-19.

Salomão K. Entenda o que é a Operação Carne Fraca e os impactos para a BRF, 2018. Exame [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://exame.abril.com.br/negocios/entenda-o-que-e-a-operacao-carne-fraca-e-os-impactos-para-a-brf/.

Lemos FK, Oshiai JH. A carne fraca no Brasil, 2017. Pontes. 2018; 13. [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: http://www.ictsd.org/bridges-news/pontes/news/a-carne-fraca-no-brasil.

Bottrel F, Ernesto M. Além do papelão: o que é verdade e mentira na Operação Carne Fraca. Estado de Minas. 2017 [acesso em 2 de outubro de 2020]. Disponível em: https://www.em.com.br/app/noticia/economia/2017/03/22/internas_economia,856204/alem-do-papelao-o-que-e-verdade-e-mentira-na-operacao-carne-fraca.shtml.

Lis L. Média diária de exportação de carnes cai 19% após Operação Carne Fraca. G1. 2017 [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: https://g1.globo.com/economia/noticia/media-diaria-de-exportacao-de-carnes-cai-19-apos-operacao-carne-fraca.ghtml.

Instituto Assaf. Demonstrações Financeiras das Companhias. 2019 [acesso em 19 de setembro de 2019]. Disponível em: http://institutoassaf.com.br/indicadores-e-demonstracoes-financeiras/nova-metodologia/demonstracoes-financeiras-das-companhias/.

Downloads

Publicado

2021-04-12

Como Citar

1.
Cavalheiro LG, Cavalheiro FG, Ruiz VL de A, Kushida MM. Food defense e publicly available specification 96/2017: releitura e importância para a cadeia de alimentos de origem animal brasileira. Segur. Aliment. Nutr. [Internet]. 12º de abril de 2021 [citado 18º de setembro de 2021];28(00):e021019. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/san/article/view/8661489

Edição

Seção

Artigos de Revisão